Heey amores, tudo bem??

Hope trago uma nova entrevista com autor para vocês, dessa vez com a fofa Fabiane Ribeiro, autora de Jogando Xadrez com os Anjos e Corações em Fase Terminal. Vamos conferir??

1.      De onde
surgiu a Fabiane autora?
Eu sempre amei
ler e escrever, mas confesso que nunca sonhei em ser escritora. Eu estava no
quarto ano de faculdade de Medicina Veterinária, quando fiquei doente e parei
os estudos por um tempinho. Nessa época, em meio a momentos difíceis, escrevi
dois livros. Um deles é o romance “Jogando xadrez com os anjos”, minha primeira
obra publicada. Desde então, a literatura passou a fazer parte da minha vida e
dos meus sonhos.
2.      ‘Jogando
Xadrez com os Anjos’ teve uma grande repercussão no mundo literário, você
esperava esse movimento todo?
Não esperava. Inicialmente, eu não
iria publicá-lo. Quando ele estava pronto, resolvi arriscar e acabei fechando
contrato com uma editora pequena do Rio de Janeiro. Então, após a aceitação
inicial por parte dos leitores, parti para a busca de uma editora maior. Toda
essa aceitação tem me surpreendido cada vez mais e me motivado a continuar meu
trabalho, sempre com muito amor e dedicação. Só tenho a agradecer a cada
leitor, o sucesso do livro é uma conquista que se dá a cada dia e que enche meu
coração de alegria.
3.      E a
história, de onde veio a inspiração?
Eu tenho muita
dificuldade pra determinar quando e como surge alguma ideia ou de onde vem a
inspiração. Tudo vai surgindo aos poucos em minha mente e eu vou anotando, até
o dia em que percebo que tenho material suficiente para um livro. Eu apenas
começo a escrever um livro quando tenho seu esboço completo, principalmente o
final pronto em minha cabeça. É um processo trabalhoso, mas gosto de ter tudo
anotado, justamente para não correr o risco de ficar sem ideias durante a
escrita.
4.      A vida de
autora é um tantinho conturbada, está sendo fácil lidar com isso?
Tem sido uma mudança de vida pra mim. A minha rotina e
os meus dias têm sido realmente bem diferentes. Mas estou feliz e realizando
meus sonhos, quanto mais trabalho, melhor!
5.      Você
participa de um livro em conjunto com outros autores, correto? De onde surgiu
esse livro, e o que exatamente ele traz?
Para compor o livro do qual participei “Tratado
Secreto de Magia”, o tema era obrigatório (magia, feitiçaria e bruxaria), então
foi um desafio para mim, pois não escrevo literatura fantástica em geral.
Fiquei muitos dias pensando, até que surgiu a ideia para o conto “Maija e o
Encanto do Vento”, que foi uma das histórias escolhidas para compor o livro em
questão.
Encontrei a editora pela internet e enviei meu
texto, torcendo para que ele estivesse entre os escolhidos. Foi assim que
aconteceu.
6.      Seu segundo
livro conhecido é ‘Corações em Fase Terminal’, porque decidiu
publicar apenas em e-book?
Na verdade, ele já foi publicado em formato impresso,
mas teve seus exemplares esgotados. Como no momento estou trabalhando no
relançamento de “Jogando xadrez com os anjos”, ainda não sei quando sairá uma
nova edição impressa de “Corações em Fase Terminal”. Decidi mantê-lo como
e-book por um tempo, para que os blogueiros pudessem continuar a ter contato
com a história.
7.      Esse nome
remete a um drama, qual foi a inspiração para essa história?
A inspiração é sempre a vida! A
minha inspiração vem de tudo ao meu redor, tudo o que já vivi, e tudo o que
estava vivendo no momento em que escrevi o livro.
8.      Por enquanto
são apenas esses dois ou já tem mais algum batendo a porta?
Tenho
quase trinta livros esboçados. No momento, estou prestes a lançar meu terceiro
romance, “A gente ama, a gente sonha”.
Ele
está em revisão, mas gostaria de deixá-los com a sinopse, para que conheçam o
enredo principal:
Uma narrativa futurista, em que a
população vê-se cercada de poluição, máquinas e redomas. Por um lado, as
classes nobres conseguem proteger-se do céu alaranjado. Em contraposição,
aqueles que preenchem as classes média e baixa estão à mercê do Maquinário (governo
moderno) e de graves problemas respiratórios. Religião é algo extinto, assim
como os sentimentos; árvores frondosas e diversas espécies da fauna são
encontradas apenas nos museus naturais. E o que dizer dos sonhos? São
controlados por máquinas, assim como tudo mais na sociedade. Nesse cenário,
Vanessa, ou melhor, Nenê, encontra uma carta esperançosa de alguém que previa a
destruição do seu mundo, mas que acreditava na cura do mesmo. Uma carta escrita
há muitos séculos… No ano de 2012. A carta convida-a a repensar suas atitudes
e as de seus semelhantes, ao mesmo tempo em que a leva a conhecer um novo
mundo: Nenê, pela primeira vez, sonha sem programar a Máquina de Sonhos e,
assim, acaba conhecendo um rapaz misterioso durante seu sono. Sem saber seu
nome, ou sem ver sua face, Vanessa sabe que o ama e que deve fazer de tudo para
encontrá-lo e, assim, resgatar valores perdidos pela humanidade. Em sua
trajetória, ela tem que aprender a lidar com assuntos há muito tempo
banalizados, como família, morte e amor. Um livro sobre robôs, sonhos, romance
e, sobretudo, sobre a reinvenção do ser humano.
9.      O que você
diria a quem leu ou vai ler algum dos seus livros.
Agradeço muito o prestígio e gostaria
de citar um trecho de Jogando xadrez com os anjos:
Não há idade para sonhar e, muito
menos, para buscar sonhos antigos. Os sonhos nunca morrem”.
10.  E aos
leitores do meu blog, qual recado você deixa para eles?
Agradeço a oportunidade e o espaço
para divulgar meu trabalho no blog. E quero dizer para todos os leitores: vivam
seus sonhos e não deixem nunca de acreditar que a vida nos reserva boas
surpresas!
www.fabianeribeiro.com.br
www.reinoxadrez.blogspot.com
@fabiribeirovet
Espero que tenham gostado.
Beijoos

icon-newsletter

Não perca nenhuma novidade!


Deixe seu comentário

16 Comentários

  • Olá, mudou o banner do blog, por favor, faça a troca por aquele que está no blog!

    Bjkas e obrigada
    http://antesdeler.blogspot.com/

  • marie vampi
    27 julho, 2012

    Adorei a entrevista com a Fabiane!!!
    Ela também é autora parceira do meu blog e é uma FOFA!!!
    Super atenciosa!!!

    *-*

    Parabéns pelo blog!!!!

    🙂

  • Flavia
    27 julho, 2012

    A Fabiane é super simpática, né?
    Adorei as perguntas e as respostas dela foram ótimas e bem esclarecedoras sobre seu trabalho!
    Ainda vou ler Corações em Fase Terminal e estou super curiosa!

    Parabens pela entrevista!

    Bjuxxx
    Flavia – Livros e Chocolate

    • Barbara
      Barbara
      27 julho, 2012

      realmente ela é super legal, fico feliz que tenha gostado 🙂

  • Idelmária Ferreira
    26 julho, 2012

    Hahaha ela parece muito legal!
    Vou procurar em e-book, se acabou todos os exemplares em impresso deve ser mto bom hein? rs
    Bj Bah

    http://www.idelmaria.com

  • Cida
    26 julho, 2012

    Gostei muito da entrevista.
    Tenho muita vontade de ler os livros da Fabiane.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books
    @c_i_d_a

  • Que meiga ela! As vezes o dom da escrita nos ajuda mesmo nas horas em que mais precisamos!E foi o caso dela! *O*

    Beijos,
    Caroline, do http//criticandoporai.blogspot.com

  • Estefanie Germanotta
    26 julho, 2012

    Não conhecia ela, mas foi legal conhecer. Amei a entrevista.

    Beijos
    Coisas Fúteis

    • Barbara
      Barbara
      26 julho, 2012

      Ela é super legal e os livros são ótimos, vale a pena conferir. Fico feliz que tenha gostado da entrevista. Beijos

  • agnes
    26 julho, 2012

    caramba, ela parece muito uma amiga minha da faculdade!
    e os livros estão bombando, sempre vejo falando!
    parabéns, fabiane! e feliz dia do escritor!

    ótima entrevista, barbara 😉

    beijos –
    Rascunhos e Borrões

    • Barbara
      Barbara
      26 julho, 2012

      hehe, Oba. Fico feliz que tenha gostado da entrevista 🙂