Heey gente, tudo bem??

Mô andou trabalhando para o blog de novo, vou contratar ele, haha. Mas então, dessa vez ele resenhou um livro de dragões, um dos seus temas favoritos. Vamos conferir?

Livro: Seraphina     Autor: Rachel Hartman
Editora: Jangada
Páginas: 384
Sinopse: Neste livro você vai conhecer Seraphina Dombergh, uma garota de 16 anos com grande talento para a música e que possui um terrível segredo. A história se passa no reino medieval de Goredd, onde seres humanos e dragões convivem em harmonia durante décadas, desde a assinatura do Tratado de Paz. Criaturas extremamente inteligentes que podem assumir a forma humana, os dragões frequentam a corte como embaixadores. Seraphina se torna assistente do compositor da corte justo quando um membro da família real é assassinado bem ao estilo dos dragões. O clima começa a ficar perigosamente tenso e Seraphina passa a colaborar com as investigações, ao lado do capitão da Guarda da Rainha, o Príncipe Lucian Kiggs. Durante essa jornada que pode destruir a paz entre humanos e dragões, a fachada cuidadosamente construída por Seraphina começa a desmoronar, tornando cada vez mais difícil manter seu segredo, cuja revelação seria catastrófica em sua vida. 

“A História Mais Surpreendente Sobre Dragões Desde Eragon.”

Eu não gosto de comparar histórias, e apesar dessa afirmação não comparar diretamente as duas histórias não consigo parar de fazer isso.  Seraphina é um ótimo romance de aventura e concordo totalmente com todas as afirmações e criticas que fizeram ao livro, porém, são duas virtudes diferentes. Eragon conta uma historia clássica que envolve aquele mundo criado a partir de muitos outros como em O Senhor dos Anéis, em Eragon temos um mundo de Elfos, Anões, Urgals, Humanos, Dragões e muitas outras criaturas, em Eragon temos um mundo envolto em magia e esse não foi o caminho escolhido pela autora de Seraphina, existe sim um mundo impressionante e envolvente, mas sendo Rachel eu não gastaria de viver na sombra de algo que não segue o mesmo caminho de minha obra.

Segredos sempre são difíceis de esconder, e quando sabemos que esses segredos podem ferir pessoas que amamos e que colocam em risco tudo aquilo que lutamos para conquistar às vezes fazemos várias coisas para evitar que eles sejam descobertos, ou seja, mentimos. Seraphina não é diferente, uma menina inteligente que nasceu com um segredo que foi por muito tempo escondido por seu pai, só que como qualquer adolescente Seraphina tem uma grande vontade para realizar aquilo que gosta, e sua paixão pela música fez com que ela se tornasse assistente do compositor da corte real. O talento natural que ela possui e a posição que ela ocupa fazem com que seja mais difícil que seu segredo seja escondido.

Enquanto ajuda o compositor da corte a fazer as preparações para a comemoração da assinatura do tratado de paz entre dragões e humanos, um membro da corte é assassinado de forma enigmática e de uma forma excepcional Seraphina é totalmente envolvida.

O livro envolve romance, suspense, aventura e um pouco de drama, Seraphina se mostra ao longo da historia muito inteligente e perspicaz e busca resolver esse mistério sem que humanos e dragões descubram o que ela esconde.

Quando criança os dragões eram as criaturas mitológicas que mais me interessavam. Rachel me coloca em uma realidade que eu sempre desejei. Quem nunca sonhou em se transformar em Dragão? A forma com que Rachel descreve os dragões em sua trama é extremamente inovadora aos meus olhos. Um livro perfeito e envolvente me prendeu do inicio ao fim e uma excelente trama, terminou me deixando apenas com uma sensação: “Quero muito o próximo e descobrir como a vida de Seraphina continua”.

Beijoos
* * *
Essa postagem está concorrendo ao TOP Comentarista
Clique AQUI e saiba como participar!

icon-newsletter

Não perca nenhuma novidade!

Veja os posts relacionados


Deixe seu comentário

15 Comentários

  • Anônimo
    24 julho, 2013

    Esse livro me atraiu logo de cara.. gosto de dragões,amo ficção e depois de ler sua resenha confirmei que o livro é o meu número..

    linda resenha.

    bjsss

  • Thais Vianna
    29 junho, 2013

    Adorei o livro. Adoro fantasia e adoro dragões..rs
    A história pareceu divertida, dinâmica, daquelas que não dá vontade de largar. Vou ler com certeza!!!

  • Quero muito ler esse livro, já vi algumas resenhas sobre ele !

  • Maristela G Rezende
    29 junho, 2013

    Já li algumas resenhas sobre esse livro. Ele se encontra na minha lista de desejados faz um bom tempo e pretendo ler esse ano. Gostei muito da resenha.

  • Mirelle Candeloro
    29 junho, 2013

    Nossa Ba, desculpe, mas preciso confessar, adorooo as resenhas do Mô. Para mim ele está mais do que contratado.. kkk Fiquei louca para ler o livro. Beijos, Mi

    http://www.recantodami.com

  • Roberta de Oliveira
    29 junho, 2013

    Adorei, já tinha lido muita coisa sobre dragões pois eu jogo RPG, e esses dias li uma adaptação nacional de um jogo em que tu podes jogar como dragão nos dias atuais no mundo real, daí eles assumem a forma humana e trocam suas torres por coberturas… Realmente esse é um tema fascinante. Não conheço muito dessa editora, mas foi uma bola dentro…

  • Blake
    29 junho, 2013

    Oi!
    Estou cobiçando esse livro… Haha
    Agora fiquei ainda mais curiosa!

    BjO
    http://the-sook.blogspot.com.br/

  • cristiane
    28 junho, 2013

    Só eu fiquei querendo ler? Muito legal esse livro, adorei a história dele e promete uma boa trama.
    Gostaria de conferir também.

  • Lauro Moura
    28 junho, 2013

    Bah, desde que eu soube do lançamento de Seraphina pela Jangada , fiquei morto de curiosidade pra ler o livro. Também sou muito fã de histórias de dragões ( quase morri de chorar com o filme coração de dragão rs). E agora com a resenha do seu Mô , tenho que correr pra livraria mais próxima e comprar o meu exemplar ushaushaus ;D

  • Ligia
    28 junho, 2013

    Gostei! Mas pelo que eu percebi, tem continuação, é isso? Estou tentando ler mais livros com inicio, meio e fim, porque tenho tantas coleções esperando o lançamento para serem terminadas, que ja to achando que divergentes são pessoas que tocam nas pessoas e as matam, enquanto tentam salvar o mundo dos demônios! HAUheuhue! *pirando*

    Mas tenho que concordar com vc, de tdas as criaturas fantásticas, as que eu mais gosto são elfos e dragões, provavelmente por viverem muito tempo e terem muita força e experiencia! *.*

    Parabéns pela resenha! =D
    http://falaurupes.blogspot.com.br/

    • Dayvson Mercon
      28 junho, 2013

      Tem continuação sim Ligia, Elfos são fantástico também, porém os Dragões são perfeitos, Belos e assustadores ao mesmo tempo, enigmatístico, ferozes… Enfim Dragões é o que temos kkkkkk

  • Anna Canedo
    28 junho, 2013

    Esse é um tipo de leitura , que se dependesse unicamente de mim , eu com certeza não procuraria , mas agora que li a resenha me chamou bastante a atenção , não sei se colocaria na listinhas , mas com certeza vai ficar martelando na minha cabeça!

    Amei a resenha (: hahaha

    Beijos , Anna

    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

  • Ricardo Henrique
    28 junho, 2013

    Cara amei esse blog, super minha cara, já estou seguindo e virei leitor,
    http://iricardodesigner.blogspot.com.br/ Parabéns, passa lá no meu também espero que goste, bjs.

  • Já ouvi falar desse livro, aliás foi indicação de um blog literário que curto muito! Ainda vou lê-lo 🙂

    Beijos,
    Caroline, do Criticando por Aí.

  • Ana Lopes
    28 junho, 2013

    Gostei bastante da resenha , e acredito que esse livro vá entrar na minha lista de favoritos 🙂
    também gosto muito de histórias de dragões , e acho que esse livro vai me surpreender bastante 😉

    mas mudando de assunto , quando sai as dicas para a gincana, só falta 3 pra mim , mas está muito dificil 🙁