Hey, Folks?
Tudo bem?








ABC do Ser

Tomando sol, 06/07/2013

E ela esbravejou: “EU NUNCA MAIS IREI CONSEGUIR RESPIRAR SEM ELE.

E eu respondi:” Eu não sabia que ele era os seus pulmões, para mim, ele era
apenas o seu namorado.”

Eu pensei que ela fosse me dividir em duas, pois a maneira que ela me olhou
deixou bem claro que ou eu falei uma grande ofensa ou eu era a grande ofensa.
”Olha Anne, eu adoro você, você sabe disso, mas você está sendo uma bitch total
nesse momento. Você nunca se apaixonou? Nunca sentiu que se aquele relacionamento
acabasse, você nunca mais poderia … viver?”
”Não.” Respondi firme e seca, a olhando com uma expressão de “É CLARO QUE NÃO.
Ela desistiu. Simplesmente pegou a canga dela, se enrolou feito uma múmia,
botou os óculos e escuros e disse de modo frio e cortante, como a brisa nessa
manhã na praia:” Vou caminhar, vou entender se não me esperar …”
E foi.
Me deixando com essa.
O que eu disse de errado?
Eu deveria ter dito “sim”, mesmo quando a minha resposta era “não”, apenas para
ela se sentir bem? 
Que tipo de amizade é essa? Troca – Troca? Eu digo o que você precisa ouvir, e
depois, você fará o mesmo por mim? Que coisa ridícula! Isso não é amizade, é um
mercado de venda e troca por aquilo que você precisa ouvir para se sentir certo
em suas decisões.

Amizade de verdade é quando a pessoa te responde tudo que acha, sendo cortante,
voraz e sem um pingo de medo que você pense em se jogar da ponte após ouvir
aquilo, porque aquela pessoa é sua amiga, e quer o seu bem, e por mais que
saiba que ouvir a VERDADE dói, ela sabe, que ouvir a MENTIRA ou aquilo que te
AGRADA, será muito pior, em algum momento de sua vida. Então, por mais que doa,
um amigo de verdade, aquele que te ama, te quer bem e é verdadeiro contigo a
todo instante, ele te dirá a verdade, por mais que doa e corroa, ele irá fazer
aquilo que quer em retribuição, se você fala a verdade, ele confia em você, e
também falará a verdade, sobre tudo, então se ele mente, ele vai querer que
você minta também quando for a vez dele – em alguns casos não funciona assim,
ele omite para você, mas na vez dele, ele quer a verdade. Isso, de fato, não é
nem amizade de troca, é apenas falsidade.

Em todos os relacionamentos existem uma fórmula, tipo de matemática. Não,
matemática não porque 99% da população odeia essa coisa, então a partir desse
parágrafo meu pensamento será ignorado. Então, deixa eu refazer.

Em todos os relacionamentos – de amor, amizade, família, com seu filhote de
panda, com sua televisão, seu computador, aquele ator que você acha que é
casada com … conheço uma autora que pensa assim, julguem ela. – existem uma
fórmula, tipo de FÍSICA para tudo que você e a pessoa X irão ter que passar, e
com isso, a fórmula funciona para a resposta que será definidor para o
relacionamento de vocês:

Verdade + Verdade = Amizade Verdadeira



– Mentira + Verdade = Falsidade



Mentira – Mentira= Amizade da Onça


+ Verdade – Mentira – Verdade –Mentira= Você está ferrado!

E assim vai.
É a ordem natural da vida. 
Acreditamos em destino, em que o tempo irá fortificar as coisas, em macumbeira,
ciganos, amigo cupido, mas no fundo, existe essa misteriosa força, que nos leva
até determinada pessoa, nós gostamos dela, nos envolvemos com ela, tanto faz em
que tipo de relacionamento, e em um determinado momento – que a pessoa termina
um namoro, por exemplo – e ela precisa de um amigo, para lhe ouvir e
aconselhar, chega o instante que ela precisa ouvir o que irá lhe definir na
direção de dois destinos em sua vida: o A e o B. Ambos serão bons, ambos serão
moldados para aquela pessoa, no entanto, em um deles, ela irá se modificar. Irá
se tornar uma nova pessoa, que irá para alguns, ser boa, e para outros, nem
tanto, e no outro caminho? Também, a mesma coisa, porque não existe essa coisa
de caminho bom e ruim, isso é o ponto de vista de um observador meio cego que
só consegue ver o copo meio vazio. Todos os caminhos de nossas vidas são bons,
nós é que o vemos ruins quando as coisas não vão da forma que desejamos, e não
somos os únicos assim.

Como essa minha amiga. 

Ela quer ouvir uma mentira, mas eu dei a verdade. 

Ela está acostumada a ouvir a mentira, e a achar que aquilo é o certo, e a
viver sob aquilo, sob aquele mundo de Alice no qual tudo é perfeito, e quando
alguém, lhe dá a passagem para o mundo real, através da verdade, ela recebe um baque,
e vê tudo, tudo que escondeu por tanto tempo embaixo do tapete, e se pergunta:
PORQUE? O QUE FIZ? O QUE FAREI? PARA ONDE IREI? A OU B? Procuro outra pessoa,
para ouvir a mentira que quero ou Volto e escuto a verdade.
Ela voltou.

Se sentou do meu lado, se desmumificou e ficou observando o oceano, pensativa,
presa em seu mundo de Alice que estava se desmoronando, ela olhou em minha
direção e disse: “O que devo fazer sem ele, Ann?”

Respirei fundo.
Ela queria a verdade.
E ela teria, e agora cabia a ela escolher …

”Você viveu 23 anos de sua vida sem ele. Seus pulmões funcionaram e seu coração
não deixou de bater por nenhum segundo, fisicamente, você não precisa dele;
Emocionalmente, também não. Você viveu 23 anos sem precisar dos “eu te amos”
dele, das flores nos dias especiais, dos beijos nos dias comuns e do sexo, que
por mais que fosse bom, no meio da madrugada. Ele não morreu, está por aí,
seguindo com a vida dele, como você. É normal se sentir mal com um termino?
Sim, mas você não deve se terminar por causa disso. A vida continua. Não estou
dizendo que amar ele foi algo descartável, não, foi uma experiência, algo impar
que você nunca mais vai ter novamente em sua vida, e isso é bom, sabe porque?”

”Porque?” Ela perguntou, sem reação.

”Porque significa que haverão outros amores impares, e isso, é a melhor coisa
que a vida pode lhe oferecer. Opções de se descobrir, de descobrir o mundo e de
viver.”
Ou A ou B.

Um grande beijo, daquela que é sua pessoa hoje e sempre,

Ann.

Ann está vivendo um momento que apenas escolhe a opção C.

* * *
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA
Clique AQUI e saiba como participar!

icon-newsletter

Não perca nenhuma novidade!


Deixe seu comentário

9 Comentários

  • Ana Lopes
    10 julho, 2013

    Não entendi muito bem seus cauculos : verdade + mentira kkkkk
    mas achei super legal , como sempre adoro seus textos , acho eles bem estruturados e divertidos ao mesmo tempo , novamente ,meus parabéns !!!!
    E muito sucesso !!!!

  • Thaynara ribeiro
    08 julho, 2013

    Amei o texto!!
    Já.perdi alguns amigos com isso e já ouvi verdades q doeram. Mas acho q a verdade deve sempre ser a prioridade nas relações!

  • Nicolle Brito
    08 julho, 2013

    Já perdi uma amizade por dizer a verdade. Depois disso eu procurei selecionar as pessoas que eu chamo de "amigas" e estou muito melhor. Ninguém merece ficar tentando agradar a pessoa toda hora com mentirinhas pra todo lado!
    Amei o texto, você escreve muito bem (:

  • Jessica M
    07 julho, 2013

    Eu ja tive tantos amigos que so me diziam o que eu gostaria de ouvir talvez com medo de me magoar. Mas eu sempre fui da opiniao de que prefiro que me diga a verdade…
    Se for amiga mesmo, ela te conhece e sabe como vai reagir, mas vai querer seu bem de qualquer forma!
    Adorei o texto!
    Beijinhus

  • Cristiane Dornelas
    07 julho, 2013

    Bacana esse texto. E está mais do que certo! Se você é amigo e vê aquela pessoa amiga passando por certa situação…tem de ajudar, não iludir. Amizade é sinônimo de verdade pra mim. As vezes me acham grossa ou negativa ou algo assim porque falo o que acho certo na lata, mas vou fazer o que? Iludir a pessoa? Seja a situação que for, verdade é verdade e pronto! Não vou ficar mentindo quando sei que a pessoa quer uma mentira… Se eu sou amiga é isso que tenho de fazer não é?!

  • Hannah Monise
    07 julho, 2013

    Amei esse texto! Você colocou o que muitas vezes a gente fica em dúvida… Dizer algo para agradar a amiga ou dizer a verdade, por mais que doa? E esse final foi mais lindo ainda.
    Parabéns!

    Beijos,
    Hannah – Secrets of Book.

  • Karla Cunha
    07 julho, 2013

    Olha, eu li e me enquadrei. heheheh Sei exatamente o que é isso. Eu tenho uma amiga, que já ouviu de mim "Sim, você é idiota". Só porque eu tava sendo sincera. Eu precisava ser sincera. E aí deu certo. Ela encarou bem. Fez o que achava certo. 2 anos depois me disse que eu estava certa em falar aquilo. A amizade é assim. Eu também já ouvi coisas que não queria, mas a gente precisa confiar que aquela pessoa vai falar quando for preciso. Tem que ser assim!

    Um beijo
    adorei o blog! <3
    http://www.fizdecanetinha.com

  • Sara Adelino
    07 julho, 2013

    Adorei o texto! Já me ferrei bastante por causa de pessoas que só aceitam o que querem ouvir. Perder uma amizade de tempos por causa de um "não, você está errado" é chato, mas necessário. As pessoas não percebem que quando elas escutam a verdade direta e curta, não vão ser obrigadas a sofrer por causa de uma descoberta mentira. Mas fazer o que, não é? Certas pessoas pensam pequeno demais e/ou olham apenas para o seu próprio umbigo.
    Xxxx

  • Lauro Moura
    06 julho, 2013

    Ann parece quele os pensamentos dos leitores,as vezes temos uma amizade tecnicamente "verdadeira" mas sua "melhor amiga" só quer ouvir coisas boas que são do agrado dela, ela prefere alguém falso que a elogie do que alguém que fale somente a verdade pra ela. Estou passando por algo parecido, e decidi que vou dar um tempo as coisas! ao meu ver, quem não corre atras é porque não sente falta, estarei pronto para ouvir desculpas e falar umas boas verdades na cara. Mil Beijoos, seu conto como sempre ficou divo ;D