literatura de horror é um gênero literário e é comum que as
obras ligadas ao horror sejam confundidas com as de terror, pois tanto nas
livrarias e bibliotecas como na mente de grande parte dos leitores e dos
críticos, ficam na mesma seção. A verdade é que as duas possuem uma enorme
diferença.
De fato, a Literatura de terror (encontrada em muitos dos contos
de Edgar Allan Poe), volta-se para a criação de uma atmosfera de suspense cuja
explicação nada possui de sobrenatural, sendo essencialmente psicológica. É ,
como por exemplo, o caso de O
barril de Amontillado
, de Edgar Allan Poe. Nada existe ali de sobrenatural:
é apenas o relato da vingança de Montresor, que empareda vivo ao desafortunado
Fortunato. O livro Cujo,
do consagrado escritor Stephen King, traduzido no Brasil como Cão Raivoso,
é a história, evidenciada pelo título, de uma família, que são aterrorizados
por um cão da raça São-bernardo chamado Cujo, quando ele é mordido por um morcego portador
de Hidrofobia.
Por seu lado, a Literatura de horror contém indissociavelmente
elementos do sobrenatural, muitas vezes associados a componentes típicos, por
exemplo, da ficção científica. É o caso de Frankenstein, no qual um cientista (no caso, um
médico) decide criar um ser (um Novo Prometeu) unindo partes retiradas
de cadáveres e usando a eletricidade como fluido vital. Mas ela também recorre
ao folclore e à cultura tradicional (é o caso de Drácula e Carmilla), à religião (Aprisionado
com os faraós
, de Lovecraft), isto é, ao sobrenatural – ou mesmo a supostos
poderes latentes no ser humano: leia-se o conto O estranho caso do Sr. Waldemar (Poe), no qual o dito Sr. Waldemar,
prestes a morrer, é mesmerizado (o mesmerismo era o termo primitivo para hipnose) e permanece vivo enquanto dura o transe. A idéia de
escapar à morte é recorrente na Literatura de horror; além do óbvio Frankenstein, temos Vento frio, de Lovecraft, cujo personagem principal, mesmo estando morto, consegue
se manter vivo mediante sistema de refrigeração instalado em seu apartamento.
Também de Lovecraft, existe O
caso de Charles Dexter Ward
, com a ideia da reencarnação premeditada.

Fonte:  Wikipédia 

E você, é adepto de um bom livro de horror? E de terror? 

* * *
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA
Clique AQUI e saiba como participar!

icon-newsletter

Não perca nenhuma novidade!

Veja os posts relacionados


Deixe seu comentário

20 Comentários

  • Helaina_One
    14 julho, 2013

    Sou adepta aos dois estilos, apesar de que se tem um toque de sobrenatural, gosto mais ainda.

    Eu não sabia dessa diferença entre os dois gêneros! Gostei de aprender! Muito bom seu post!!

    Beijusss;
    http://hipercriativa.blogspot.com.br/

  • Ana Lopes
    10 julho, 2013

    Já gostei mais , hoje apenas aprecio *_*
    Na verdade não conhecia bem a diferença , pre mim era tudo a mesma coisa , mas valeu o esclarecimento , agora eu sei , que o que sempre gostei é de horror mesmo , e não de terror como eu dizia por aí 😉

  • Thaynara ribeiro
    08 julho, 2013

    Eu não sabia sobre essa diferença, mas sempre corri de livros de terror!
    Depois do post acho q até me arrisco em um livro de horror.

  • Gislayne Perez
    08 julho, 2013

    Vivendo e aprendendo, eu sempre achei que horror e terror era a mesma coisa… Eu tenho um apreço muito grande a literatura que envolve o sobrenatural… Mas não sou fã de terror, sou mais fã de romance…

  • Cristiane Dornelas
    07 julho, 2013

    Pra mim é a literatura que passo longe porque não gosto. A menos que tenha um romance ou algo assim…se for só terror? Eca, quero não!
    Tem alguns que salvam, mas confesso que nem gosto de chegar perto desse tipo de livro! xD

  • Débora Alves
    07 julho, 2013

    Minha vida toda foi uma mentira! KKKK
    Que bom que agora sei diferenciar tudo, obrigada. <3
    sorrisoselivros.com

  • Mallu Lima
    06 julho, 2013

    Amei o post, não sabia diferenciar histórias de terror as de horror, na verdade sempre pensei que fossem a mesma coisa, rs!
    Parabéns pelo post.
    Beijos,
    http://meusdvaneios.blogspot.com.br/

  • Diana Canaverde
    06 julho, 2013

    Ahh eu gosto desde que seja uma história bem construída e que tenha sentido… rsrsrsrs adorei o post Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

  • Mirelle Candeloro
    06 julho, 2013

    Sim, sou apaixonada pelo terror, mas confesso que gosto mais de assistir filmes de terror do que ler livros de terror. Talvez pela falta de hábito mesmo. Beijos, Mi

    http://www.recantodami.com

  • J.H.
    06 julho, 2013

    Da Literatura de Terror eu curto muito o Allan Poe. Seus contos são extremamente envolventes e aterrorizantes, na minha opinião. Já o Stephen King é outro mestre.

  • Caique Fortunato
    06 julho, 2013

    Que legal esse post, informativo e bem útil. Eu sabia que tinha uma diferença, mas não tinha pesquisado nada a respeito. Gosto de livros de horror, acho mais bacanas.. Mas, tipo, nunca li de terror 😡

    Abraços
    http://www.entrepaginasdelivros.com

  • Katrine Bernardo
    06 julho, 2013

    Nossa, que post mais legal! haha, ainda não consegui ler nenhum livro de horror, mas quero muito ler, morro de curiosidade hahaha
    Um beijo.
    http://www.garotadolivro.com/

    • Pamela Moreno Santiago
      06 julho, 2013

      Eu li alguns na época da pré-adolescência. Sinto falta de muitos títulos atuais que exprimam a mesma sensação que os de outrora.

  • Jessica M
    05 julho, 2013

    Gente, fiquei até com vergonha agora! Aos 22 anos ainda achava que era a mesma coisa 😮
    Eu acho que é porque, como você disse, a gente costuma ver esses gêneros na mesma seção.
    Agora que sei… então eu gosto mais de Horror. Coisas sobrenaturais me chama mais atenção 😉 rs
    Beijinhus :*
    http://honey-pixel.blogspot.com

    • . pamela moreno santiago
      05 julho, 2013

      Tu tem minha idade e até pouco tempo atrás eu imaginava que era a mesma coisa também hahahaha.
      Concordo contigo. Sobrenatural, com um toque de sedução, me deixa fascinada :3

  • Lauro Moura
    05 julho, 2013

    Nossa, acredita que eu achava que Horror e Terror eram uma coisa só ? kkk. Por isso que sempre digo que descobrimos coisas obvias a cada dia. Eu adoro um bom terror pois amo um clímax sobrenatural *-*. Vou começar a ver mais filmes de HORROR pra ter uma opinião concreta.

    • . pamela moreno santiago
      05 julho, 2013

      Confesso que antes de fazer Letras eu imaginava o mesmo. Mas a faculdade acabou abrindo meus "horizontes literários" e aproveito pra passar um pouco mais do conhecimento pra vocês :3