Heey gente, tudo bem??



Já começo esse post falando que não sou uma expert em Língua Portuguesa e/ou Gramática, mas estou estudando para me tornar um pouquinho melhor, só que tenho conhecimento da língua o suficiente para saber empregá-la da maneira correta, bem como para apontar algum erro.

Desde que entrei na blogosfera, especialmente trabalhando com blog literário, percebi o quanto a escrita é importante e o quanto os meus leitores dão atenção a ela. Tendo isso em vista, procuro sempre pesquisar sobre a nossa língua para trazer textos legíveis e corretos para os meus leitores.

Infelizmente não vejo esse mesmo empenho de alguns blogueiros atuais. Acho que falo por boa parte da população leitora desse país quando digo que, ao se falar sobre livros, é necessário ter um domínio mediano, ao menos, da nossa língua mãe. Cansamos de julgar autores, editores e redatores pelos erros encontrados nas publicações que temos em casa, bem como julgá-los incapacitados para fazerem esse trabalho, correto? Mas eu me pergunto: “E quanto aos blogueiros? Aqueles que não tem domínio algum do português não deveriam, também, serem considerados incapacitados de exercer esse trabalho?”

Por favor, não digam que estou julgando ou apontando ninguém, ou que estou querendo me sobressair nesse meio. Eu me considero falha, eu sei que ainda tenho muito o que aprender no ramo da gramática, afinal, o Português é muito extenso, cheio de regras e sub-regras, e eu não as domino totalmente. Mas acredito que escrevo de uma forma coerente, e nunca me vi cometendo erros absurdos. Vocês já viram?

Eu não estou falando da falta de uma vírgula, ou de um ponto colocado em local errado. Estou falando de erros que podemos chamar de grotescos. Pessoas que não sabem a diferença entre haver e a ver, ou mais e mas, corram e corrão, acentuação, pontos excessivos. Como uma pessoa que não sabe diferenciar essas regras básicas do Português pode se achar no direito de julgar alguma obra literária?

Esse post é sim uma crítica, um convite aos blogueiros para lerem e relerem suas postagens antes de publicá-las, e que, se ainda estiverem em dúvida, procurem um corretor on-line ou o próprio word e blogger que fazem correções, ou que, sei lá, peça a um amigo para ler antes de publicar, mas que, por favor, controlem ao máximo esses erros. Eu já abandonei a leitura de textos devido a isso, e acho horrível esse fato estar aumentando cada vez mais no nosso meio.

Beijoos
* * *
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA
Clique AQUI e saiba como participar!

icon-newsletter

Não perca nenhuma novidade!

Veja os posts relacionados


Deixe seu comentário

66 Comentários

  • Ana Lopes
    10 julho, 2013

    Conheço algumas blogueiras que deveriam ver esse post .
    Eu me esforço ao máximo para trazer o melhor para meus leitores , nem sempre consigo , confesso, mas dou o meu melhor sempre .
    Não acho isso um sacrifício , vejo mais como dever , porque se eu de dispus a escrever em um blog , tenho a obrigação de ser coerente com as minhas palavras !

    Beijinhos !!!

  • Thaynara ribeiro
    08 julho, 2013

    Eu sempre estou atenta e tem erros q partem o coração de tão graves!!!
    Acho q ninguém precisa ser expert para ter uma noção do português correto!
    Gostei do post!!!

    • Barbara
      Barbara
      06 março, 2014

      Obrigada. Realmente, o segredo é ter noção.

  • Cristiane Dornelas
    07 julho, 2013

    Tem blog que é tenso, já vi coisas que uhhhh :S
    Mas até eu dou minhas mancadas de vez em quando, então não posso reclamar muito.
    Não gosto de quando vejo é povo abreviando no post. Vai lá e escreve um "ei gnt" ou "pq" do nada…coisa mais doida…

  • Alice Aguiar
    07 julho, 2013

    cara eu escrevo errado, não vou mentir..mas tem gente que pqp né..alopra.

  • Karina Erika
    06 julho, 2013

    Oi,devo dizer que concordo com você.Já vi resenhas de livros que quase me deu vontade de chorar,me colocando no lugar da autora,eram tantos defeitos que o cidadão colocava no livro que eu comecei a vasculhar o blog e SURPRESA encontrei vários erros ortográfico e é calro que eu não comentei,ele merecia tudo bem,mas eu não o fiz.Eu tenho um blog e eu tenho muita dificuldade na parte de pontuar um texto,sério muita dificuldade mesmo.Eu fico com muito medo de algum dia alguém perceber isto em algum post meu e sei lá me xingar u me expor.Eu não sou uma expert na língua portuguesa,não vou mentir.Tento sempre estar aprendendo com minhas leituras e uma coisa que eu descobri que erro demais é no uso do "mas" e "mais" ,mesmo eu sabendo como aplicar os dois em uma frase.

    beijos!

    eueminhacultura.blogspot.com.br <<Se ver algum erro me avisa tá.

    • Barbara
      Barbara
      07 julho, 2013

      Bem isso Karina,

      Espero que o meu post tenha servido para deixar os blogueiros cientes que seus erros gramaticais são percebidos pelos leitores, e por vezes não bem aceitos!

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Laís Konrath
    06 julho, 2013

    Concordo plenamente. Se uma pessoa se julga capaz de criticar uma obra literária, tem que saber como. Começando pelo português. Eu sei, eu sou humana. Eu também erro. Mas o básico dos básicos, é necessário.
    (Não consigo acompanhar textos onde não há espaço depois da vírgula, ou onde há espaço antes e depois da vírgula, e coisas assim. Me dão nos nervos.)

    Beijos,
    http://fakereader.blogspot.com.br/

    • Barbara
      Barbara
      07 julho, 2013

      Olá Laís,

      Realmente, acredito que a pessoa não pode julgar algo no qual ela mesma não domina…

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Anônimo
    06 julho, 2013

    É essencial dominar pelo menos um pouco o português na hora de escrever – seja na blog ou em qualquer lugar. Procuro sempre andar de acordo com as regras e normas da língua portuguesa que, diga-se de passagem é muito complicada. Cheia de variações, normas, poréns e observações… ashuaa
    Beijo

    • Barbara
      Barbara
      07 julho, 2013

      Olá Gabriel,

      Pois é, ao menos o mínimo para não se cometer erros grotescos, infelizmente nem todos pensam como nós.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Sil
    06 julho, 2013

    Concordo com você. Eu também não domino a língua, mas procuro ler varias vezes as postagens antes de publicar, pois sempre passa alguma coisa. Outro dia vi uma blogueira divulgando uma postagem no face assim: "tem 'posti' novo no blogue", dai fui ver o post em questão era uma resenha em que a pessoa criticava os erros de português no livro. Como pode isso?

    http://blogprefacio.blogspot.com.br/

    • Barbara
      Barbara
      07 julho, 2013

      Olá Sil,

      Pois é, pelo menos pesquisar para buscar sempre melhorar, não?

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Michelle Boyd
    06 julho, 2013

    Oi Bárbara! Eu concordo com o que você disse sim, acho fundamental a gente procurar escrever o melhor possível, porque ninguém gosta de ler alguma coisa que não está escrita corretamente, e também concordo com o comentário da Vanessa sobre esses erros não atrapalharem a compreensão do leitor diante do livro, porque eu li 50 tons de cinza escrito daquele jeito e mesmo assim consegui entender, mas acho que se alguém quer criticar a escrita de algum autor ela precisa, pelo menos, saber escrever corretamente. Eu acho que vivo pecando em alguns detalhes, mas sempre procuro ler novamente pra tentar postar conteúdos com o mínimo de erros possível. Adorei o post, muito bom saber a opinião do pessoal!!

    Michelle Boyd
    The Little Things

    • Barbara
      Barbara
      07 julho, 2013

      Olá Michele,

      Exatamente isso. Vejo muitas pessoas criticando erros gramaticais de autores, redatores e editores quando eles mesmos estão escrevendo errado nessas críticas. Vai entender!

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Paloma
    06 julho, 2013

    Oi Bárbara, onde assino pra concordar com você?? Disse tudo flor, não leio mais alguns blogs por ter encontrado esses tais erros grotescos. Não custa usar um corretor, o próprio word poxa…
    Hoje foi a primeira vez que vi as amigas conversando na imagem lá em cima… sempre abro seu blog no meu trabalho e a imagem nunca abriu lá…

    Bjuu
    Bye da Pah
    Livros Estrelas

    • Paloma
      06 julho, 2013

      Ahn sim, hoje estou vendo do meu not… 😉

    • Barbara
      Barbara
      07 julho, 2013

      Gostou das bonequinhas?? Que bom que você viu antes de trocarmos o layout, pois, infelizmente, elas irão sumir 🙂

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

    • Paloma
      23 julho, 2013

      rsrsrs Ainda bem que vi… hoje tomei o maior "sustão" quando entrei aqui, pensei que estava tudo desconfigurado. Bom, agora estou no trabalho e se tiver alguma imagem lá em cima não está aparecendo…

      Bye da Pah
      Livros Estrelas

  • Tatiana Inda
    06 julho, 2013

    Concordo totalmente que o básico é obrigação do blogueiro literário saber. Escrever "derrepente" no lugar de "de repente", não saber a diferença entre "mas" e "mais", a "ver" e "haver", "a gente" e "agente" – acho imperdoável. "Mim" conjugando verbo é o fim!

    Um erro muito comum que detesto é não utilizar o "há" no sentido de passado e escrever apenas "a". No entanto, esse, assim como vários outros erros, quando não são frequentes, eu os considero distrações. Mas vejo cada erro gravíssimo! Também erro, porém tento melhorar.

    Confesso que não gosto muito de linguagem informal, mesmo sabendo que é comum em blogues. Exemplo: Ler em uma resenha "Tipo e eu fiquei de cara em como a protagonista é sem noção." Não gosto.

    Outra coisa que me cansa, mesmo sabendo que é besteira: "o personagem". Por mais popular que pareça, o correto é sempre "a personagem".

    Odeio também uma palavra que já perdeu seu uso há tempos: "estória". É "história". Quando se refere a um fato verídico na resenha, escreva "a História prova como um ditador pode passar dos limites éticos." Agora quando o resenhista escreve "é uma estória em que o governante é um ditador." me dá nos nervos. Escreve "história em que o governante é um ditador". Minha opinião, claro.

    Também prefiro o uso das versões em português que em inglês como "postagens" no lugar de "posts" ou "blogues" no lugar de "blogs" – é questão de gosto, já que é facultativo.

    Existem erros que poderiam ser evitados com um corretor ortográfico, mas acho engraçado postagem com "largartixas" ou "mendingo" ou "táubua", etc.

    Beijos.

    • Barbara
      Barbara
      07 julho, 2013

      Olá Tati,

      Confesso que tenho a mania de escrever 'blog' e 'post', mas estou tentando adaptar isso. Concordo que existem erros inadmissíveis, quase nocivos aos olhos dos leitores, mas fazer o que né? Tem gente que não tem desconfiômetro, como diria minha vó.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Anna Canedo
    06 julho, 2013

    Bah , concordo plenamente com você ! Acho que deve existir uma adequação sim, tudo bem você utilizar certas gírias e outros traços de coloquialidade na escrita, no entanto , é preciso ter ciência de que receptor é o seu, e de que não tem como você escrever errado para pessoas que apresentam um contato maior, assim como maior conhecimento da língua escrita.

    Beijos , Anna!

    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    • Barbara
      Barbara
      06 julho, 2013

      Bem isso Anna, acho que o blogueiro tem que entender o que os seus leitores estão procurando, e erros de português definitivamente não é.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Anônimo
    05 julho, 2013

    Eu abandonei não só a leitura de textos. Parei de acompanhar blogs por causa da quantidade de erros que encontrava nas postagens.
    Curso Letras, mas mesmo assim não conheço toda a Língua Portuguesa. De qualquer forma, acho ideal que as pessoas saibam diferenciar tudo isso que você falou e que entendam as diferenças dos porquês. Juro que não é difícil.
    Ótimo post!
    Espero que um dia tudo melhore…
    Beijos.

    • Barbara
      Barbara
      06 julho, 2013

      Oi Bárbara, eu acho que isso torna-se uma injúria ao leitor. Por vezes a pessoa até tem uma boa opinião sobre determinada coisa, mas seus erros sobrepõe a informação.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Valéria Cândido
    05 julho, 2013

    Certíssimo gata! Concordo com você. Se estamos transpassando uma notícia seja ela formal, informal, ou estamos escrevendo uma opinião, devemos manter um respeito ao padrão da nossa língua! Sucesso como sempre, estais de parabéns!
    Beijos.

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Bem isso Val 🙂

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Letícia Wilhelm
    05 julho, 2013

    Adorei a postagem e a apoio totalmente. Não é só porque o internetês surgiu que o povo tem que relaxar total ao escrever na internet. Ainda mais num blog literário… afinal, se você está lendo livros, você tem que estar aprendendo algo!
    Faço Letras e antes disso já escrevia direitinho, mas muita coisa mais complicada como colocação pronominal, por exemplo, eu tinha problema. Fazer Letras me deu um conhecimento maior de várias coisas de gramática e de tanto ler textos e livros, científicos ou não, mais do que já lia, minha escrita melhora a cada dia.
    Não falo para todos fazerem Letras, mas que, sim, prestem atenção ao que leem, questionem, se interessem pelo por que daquelas coisas serem escritas daquele jeito. Todo dia a gente comete erros… acho que até sr Machado ou Drummond da vida cometeram erros, mas entre cometer um erro e escrever tudo errado…
    Acho justo que a blogosfera se interesse nisso. Assim, quem não é blogueiro mas acompanha blogs também é afetado e assim todos começam a se expressar melhor. Ajudar a nós mesmos gera uma reação em cadeia linda 🙂

    Parabéns pelo post!
    Beijos
    Letícia (www.outroporfora.com)

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Oi Letícia, concordo absolutamente com você. Cometer erros aleatórios tudo bem, mas existem erros que são inadmissíveis, quando criamos um blogs estamos nos comprometendo com os leitores, e eles querem ver o Português escrito de maneira correta.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Lauro Moura
    05 julho, 2013

    Concordo plenamente com você Bah, realmente alguns erros nos blogs são grotescos. Em minha opinião quando alguém decide se tornar um blogueiro ela assume um compromisso com o leitor, e deve ter pelo menos o mínimo conhecimento do português e tentar não errar tanto ! Claro que um errinho pode aparecer, mais isso uma vez na vida e outra na morte kkk . Adorei o texto Bah,como sempre sendo sincera e falando o que pensa *—–*

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Obrigada Lauro. Realmente é um compromisso com os leitores, tendo cumpri-lo ao máximo 🙂

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Lucas Souza
    05 julho, 2013

    Polemizou, a d o r o hahaha
    Concordo com tudo, Barbara, e adorei a polemica da Vanessa hehe e discordo dela. Gente, o portugues é um só, se a lingua foi feita com Jeito, Corram e tal, pq as pessoas podem escrever errado? Never, acho bonito quem escreve bem, claro, sem ficar enfeitando tudo. Escrever certo já é um começo. E eu sei da onde você tirou esse CORRÃO HAHAHAHA MORTO
    Beijos
    Descobrindolivros.blogspot.com.br

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Heey Lucas, haha. Esse Corrão foi o cúmulo do absurdo na minha vida blogosférica (?) !!

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Flávia Penido
    05 julho, 2013

    Claro que concordo… Se uma pessoa quer aparecer na internet num blog onde o meio de comunicação é a ESCRITA, ela tem sim que se dar o trabalho de escrever direito se quer passar alguma credibilidade e confiança pros outros, pq alguém que aponta erros aqui e ali, que não se preocupa em corrigir os seus próprios ou ao menos aceitar ajuda de alguém pra corrigir, não está apto pra fazer o que está fazendo. Se a pessoa quer analisar livros, pra elogiar ou apontar erros, independente de ter entendido ou não o que foi dito no livro ou onde seja, sem que os outros percebam que não sabe escrever corretamente, que fale através de videos e passe menos vergonha.
    Tem gente que acha que o que vale é a intenção.. é passar a ideia pra frente, independente de estar escrito certo ou errado, mas isso pra mim é conversa fiada. A pessoa tem todo o direito de escrever errado se tem dificuldades sem que ninguém julgue, condene ou sei lá o que mais… mas ninguém é obrigado a engolir o blog que ela resolve criar.
    Pensa se editoras ou sites de jornal e revistas por aí começarem a colocar pessoas que escrevem tudo errado pra elaborar ou revisar textos.. que raio de credibilidade vão ter com o povo? Não concordo… quem quer passar informação em forma de texto, tem que no minimo escrever certo.

    Bjux
    Flá

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Bem isso Flá, como vamos passr credibilidade aos leitores se não nos portamos de maneira correta conforme a nossa escrita?

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Mony Gabriely
    05 julho, 2013

    Também não sou nenhuma expert nessa língua, sou falha e às vezes erros uma besteirinha por falta de atenção. Temos que prestar mais atenção antes de postarmos.

    eppifanialiteraria.blogspot.com

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Revisar, revisar e revisar.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Helana O'hara
    05 julho, 2013

    Meu maior problema está no porque, porquê por que e todo tipo de quê HASUASHAUHSAUHSAUS Eu acho que a minha professora de português (que aliás era excelente) não soube explicar eles. Eu que não entendi.

    Um problema grande é conjugar verbos, muita gente não sabe nem o básico. Ou seja se tu saber o básico já sabe 50% deles.
    Outra coisa que me incomoda é o "tu" tem pessoas que não sabem que posso trocar o você, pelo "tu". Lembro-me de uma professora da 3° série que explicou na sala que não tem problema escrever "tu". Ou seja, ás vezes quando escrevo um pouco mais "solta" no blog acham que to escrevendo errado. –'

    E claro, preguiça de revisar, ou pedir para alguém ler antes de postar.São erros ridículos, desses que jamais deveria acontecer. A quantidade de pessoas que escrevem "agente" e "piçina" me deixa nervosa 🙁

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Lana, são tantos agentes secretos nesse mundo, haha. O que dizer de piçina? Se joga nela, colega. Ok, brincadeiras a parte. Acho que é um problema que está evoluindo, e isso não é legal, enfim, espero que o texto possa ter aberto a cabeça de alguns blogueiros que ainda cometem essas garfes.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Lilian Britto
    05 julho, 2013

    Pois é Bárbara, a blogosfera está cheia de blogueiros ruins de português >.< E é lamentável que vários deles consigam parcerias com grandes editoras e que seus blogues cresçam a olhos vistos…
    Acho super válida sua crítica. É bom pararmos pra pensar o que queremos: ter blogues de qualidade e fazermos a diferença ou simplesmente "encher linguiça" e ser mais um, num mar de erros de português.
    Dizem que quem lê bastante, fala bem e escreve bem. Eu faço votos que todos leiam mais 🙂
    Beijocas, bom final de semana =*

    @morenalilica
    Doce Insensatez

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Oi Lilian. Acredito nisso também, ler melhorou e muito a minha gramática e eu gosto de ler coisas escritas de maneira correta, por isso exijo tanto dos blogueiros que falam sobre o mesmo assunto que eu.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Hannah Monise
    05 julho, 2013

    Oi, Bárbara!
    Você tem o meu total apoio e concordância em relação a isso. Eu tenho a mania chata de corrigir as pessoas no falar e no escrever, imagina que quando outras pessoas me corrigem elas se sentem, né? Não sei se você passa por isso também. E, concordo, se a gente lê tanto, acho que, ao menos, devemos aprender um pouco como escrever corretamente uma palavra e empregá-la nos textos. É aquilo de se "sugar" e aproveitar!
    Mas, nem todos tem a grande facilidade de aprender como outros, certo?
    Acho que isso pode ser um tanto quanto uma polêmica, rs.

    Beijos,
    Hannah – Secrets of Book.

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Heey Hannah, o negócio é ser polêmica mesmo, HSUASHUA. Eu acho que, se tratando de um blogue destinado a leitores, o uso correto do português é quase que uma obrigação, mas tem gente que não entende isso. Paciência.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Vanessa Chanice
    05 julho, 2013

    Bárbara, eu sou estudante de Letras e também autora do blog http://www.centraldaleiturablog.blogspot.com e acompanho sempre o seu blog, mas preciso dizer que não concordo com absolutamente nada que você falou nesse post.
    Eu entendo que esse é o pensamento da grande maioria das pessoas, acreditar que só quem tem um "conhecimento maior da língua portuguesa" tem cacife pra julgar algum outro autor. Mas, veja bem, todas as pessoas, não importa qual seja o grau de instrução dela, sabe falar português e, sendo ela alfabetizada, conseguirá ler qualquer livro escrito em português (com maior ou menor dificuldade).
    Por que essa pessoa precisa ter grande conhecimento gramatical pra ser capaz de julgar um livro? Não saber a diferença entre "mais e mas", "haver ou a ver" não afeta a compreensão de um texto quanto a sua coesão e coerência.
    Eu acho que as pessoas precisam enxergar que erros como "geito", "concerteza" e "derrepente" são coisas tão menores! Realmente, é mais difícil que alguém que leia muito livros cometa erros como esses, mas por que eu vou julgar que só porque a pessoa comete um erro TÃO PEQUENO de grafia não consegue julgar um livro ou até mesmo escrever algo? Desde quando trocar x por ch, um erro que envolve uma mínima troca de letras, se tornou um erro enorme? Eu acho que essa mentalidade nas pessoas é criada pela mídia que faz tanto bafafá quando vê alguém que escreve assim tira uma nota boa no enem, por exemplo.
    São erros pequenos gente, pequenos. Não altera a competência de ninguém. Qualquer estudante ou pessoa graduada em Letras sabe disso. Espero que alguém leia esse comentário e pare de considerar esses erros como algo "grave", porque simplesmente não é.

    http://www.centraldaleiturablog.blogspot.com

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Olá Vanessa, fico feliz com esse comentário.
      Eu também sou estudante de Letras e concordo quando você diz que esses erros pequenos não atrapalham a compreensão de um texto e/ou livro. Mas eu vejo muitos blogueiros julgando o erro gramatical de autores quando eles mesmos não sabem escrever de maneira correta.
      Na faculdade aprendi que nem tudo o que considerávamos erros é realmente erro, mas sim formas de falar e/ou escrever, podemos até considerar vícios de linguagem. Mas eu, particularmente, acredito que a grafia é de suma importância na escrita. Assim como em atividades escolares, provas de vestibulares e etc. é exigido de nós um português quase que impecável, por que não exercer isso em blogs literários? Eu não acho que sejam erros pequenos trocarmos x por ch, ou escrever geito, até por que são coisas que aprendemos no início do colegial. Acredito que você não irá querer passar para os seus alunos uma forma de escrita errada e que não irá julgá-los quando eles lhe demonstrarem uma escrita errada.
      Pode ser que isso seja uma discriminação da sociedade, mas convenhamos que seríamos excluídos da sociedade se não soubéssemos escrever de maneira correta.
      Acredito que o emprego da ortografia correta é de suma importância nos blogs sim, tanto para os leitores quanto para os blogueiros. Imagina se um leitor do blog me vê escrevendo 'mecher', escreve assim numa avaliação e quando a palavra é considerada errada ele argumenta 'Mas se uma blogueira literária escreveu assim, como pode estar errado?'.
      Acredito que tem poréns e poréns, e acho de suma importância uma ortografia correta quando você se expressa em qualquer meio público, em especial em um blog que fala sobre livros e, obviamente, avalia a gramática dos autores, editores e redatores.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Yassui Kimura
    05 julho, 2013

    Um fato triste,mas esta questão só vai melhorar se a pessoa se empenhar.

    • Barbara
      Barbara
      06 julho, 2013

      Bem isso Yassui !!

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Livroterapias
    05 julho, 2013

    Apoiado!
    Eu tenho escrever da melhor forma possível!
    Beijinhos
    Rizia – Livroterapias

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Sempre bom, Rizia.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Anônimo
    05 julho, 2013

    Não tem mais o que falar, né? hahaha Amei! E contra fatos não há argumentos! Tem uma frase que diz "nao cobre dos outros qualidades que nem você possui", e eu acho que se encaixa nisso também. Como vou cobrar uma escrita correta em um livro se eu mal sei o que é o correto?
    Também sou falha, todos somos, mas como você falou, precisamos estar sempre estudando, revisando e relendo para falharmos o mínimo possível.

    http://www.resenhasealgomais.com.br

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Bem isso Thaís. Fico me perguntando como as pessoas se consideram no direito de julgar se não fazem a mínima noção de como é a ortografia correta.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • J.H.
    05 julho, 2013

    Por ser um blog literário, alem de ter resenhas e outras coisas sobre o mundo da literatura, é essencial uma boa escrita. Não se trata de se sobressair perante outras pessoas e tal, mas sim de escrever certo e mostrar pra quem acessa o blog, ou qualquer outro site da internet que é importante dominar a nossa gramatica. Parabenizo pelo post, pois é fato que todos somos falhos, por mais que nos esforcemos, podemos correr o risco de esquecer de uma virgula ou escrever uma palavra de maneira incorreta, mas com um pouquinho de esforço, pesquisa e estudo a gente chega la.

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Oi J. H. Bem isso, acredito que o problema está na preguiça, muitos blogueiros acham que é só escrever, jogar e pronto. Mas temos que revisar, revisar e revisar… Só assim conseguimos alcançar nossos objetivos gramaticais (?).

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Juciele Fonseca
    05 julho, 2013

    Bárbara, concordo com você! Tem muitas pessoas que escrevem em blogs literários e não obedecem a gramática, a acentuação, a concordância! Essas pessoas pensam que só por a página ser na internet as pessoas não vão observar as regras gramaticais. E o pior é que quase todos os blogs fazem resenha, até blog de moda faz resenha!, a gente vê tanta resenha de produtos, resenhas até de produtos de maquiagem, uma coisa que não existe! resenha só se faz com livros, mas essas pessoas desconhecem tanto a língua do país que vê uma pessoa fazendo ou escrevendo uma coisa errada e ainda comete o mesmo erro que o outro blogueiro cometeu!

    http://meufilmeviroulivro.blogspot.com.br/

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Oi Juciele. Fico louca quando vejo resenha de filme, pelo que eu saiba filme se critica, haha. Mas enfim. Fico feliz que tenha gostado do post 🙂

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • DreehLeal
    05 julho, 2013

    Barbara concordo com você! Eu não sou uma expert em português, mas o blog tem me ajudado muito a melhorar isso! sempre tento reler os posts e encontrar erros, até de digitação mesmo! vira e mexe pego um errinho que saiu em uma postagem e vou lá concertar. Confesso que o corretor ortográfico me ajuda muito, principalmente em questão aos meus odiados acentos – não que eu não saiba usá-los, simplesmente não consigo! rs Nunca vi nenhum erro grotesco em nenhum blog, eu talvez não o tenha reparado, mas é fica feio uma pessoa que fala sobre livros e escreve errado..
    Existe tantas formas de verificar algo, no próprio word, Google, ou ativando o corretor no navegador como eu. Fica ai uma dica pra quem esta começando neh!

    Parabéns pela iniciativa! É de criticas construtivas que precisamos =)

    Beeijinho. Dreeh
    Livros e tudo o que há de bom

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Heey Dreeh. Também fico relendo os meus posts e procurando erros para correr e editar, hsuahusa. Manias & Manias. Fico feliz que o texto possa esclarecer quem está começando na blogosfera e chamar a atenção de quem já bloga, mas ainda comete esses erros gramaticais 🙂

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Mirelle Candeloro
    05 julho, 2013

    Ba, concordo plenamente com você. Me choca ver diversos comentários e posts de blogueiros literários que têm uma péssima escrita!! Esses dias comentei com meu marido sobre um comentário que alguém deixou no meu blog falando uma coisa mais errada que a outra. Ele disse não ver problemas. Mas daí eu chamei atenção dizendo, "Pô, a pessoa tem um blog literário!! Querendo ou não, se espera que quem leia tenha um melhor vocabulário, saiba escrever melhor, sem erros e com uma estrutura de linguagem boa. É como você ir num nutricionista gordo, ou num dentista com dentes podres. Depõe totalmente contra o profissional!". Daí ele até concordou comigo. Não precisamos ser experts na língua portuguesa, eu não sou, morro de dificuldades com a crase e algumas outras coisas.. mas procuro escrever certo. Sempre copio e colo meu texto no word antes de postar para ver se ele aponta algum erro grosseiro que eu deixei passar. Releio tudo que escrevo várias vezes.. e só daí eu posto. Quando comecei o blog eu tinha a mania horrível de escrever tudo abreviado. Bem vício de internet, sabe? Daí veio uma menina dizendo que achava que eu devia escrever tudo por extenso para ficar visualmente mais agradável e acessível de ler. Pensei no que ela disse e ela tinha toda razão. Fui no blog e editei os 3 meses de postagens que já tinha e arrumei tudinho para ficar com uma cara muito mais profissional. Detalhes que como esse poucas pessoas se preocupam. Essa postagem serve de alerta principalmente para os blogueiros que estão começando. Beijos, Mi

    http://www.recantodami.com

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Mi, eu também tinha esse vício de abreviação das palavras… Mas acabei me acostumando a escrever por extenso que quase não abrevio por mensagem ou inbox. Realmente, escrever bem exige treino e atenção, acho que é isso que está faltando para muitos blogueiros.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Jessica M
    05 julho, 2013

    Esse texto merece Oscar! Eu tenho visto as blogueiras escrevendo absurdos, ate mesmo de blogs literarios, acredite ou nao! Fico pensando o que as adolescentes estão fazendo na escola. São erros primários da língua portuguesa e palavras que vemos frequentemente, como por exemplo "faço, escrevem "fasso", etc. E o mais engraçado é que todo mundo diz falar inglês.
    Eu acho que não é necessário saber todas as regras, mesmo porque é muito difícil. Eu que estou estudando para concursos, fico doida com tanta regras e exceções, mas Word está aí para isso, o Google também!
    Enfim… Amei a postagem!
    Beijinhus
    http://honey-pixel.blogspot.com

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      And The Oscar Go To… Haha, Obrigada Mon amour. Realmente, vejo mais gente que sabe falar inglês do que escrever português no Brasil. Mas será que sabem falar mesmo?? Discussão para outro dia, haha.
      Fico feliz que tenha gostado do texto, espero poder esclarecer a mente de novos blogueiros e de alguns já existente que ainda escrevem dessa forma errônea 🙂

      Obrigada pelo comentário !!
      :*

  • Barbara, curti bastante o seu post porque você disse simplesmente o que é a mais pura verdade. Fico traumatizada quando um blogueiro de um blog literário grande escreve absurdos, porque cara… sem comentários! Acho que o pior de tudo é escrever o mas com i. JE-SUS! Enfim, o povo vai aprendendo rs

    Beijos,
    Caroline.
    http://criticandoporai.blogspot.com

    • Barbara
      Barbara
      05 julho, 2013

      Olá Carolina, bem isso. Espero que possa ter incentivado os blogueiros a conferirem seus postes antes de publicarem.

      Obrigada pelo comentário !!
      :*