19 de agosto de 2013

Ta Na Estante:: 'Apocalipse Zumbi' #117

POSTADO POR EM 19 de agosto de 2013

Olá pessoa, como estão??

Hoje eu trouxe mais uma resenha para vocês. Apocalipse Zumbi foi um presente da Editora Generale, querem saber o que achei da obra?

Livro: Apocalipse Zumbi
Autor: Alexandre Callari
Editora: Generale
Páginas: 336
Sinopse: O caos reina no mundo. A civilização entrou em colapso. As comunicações, a energia elétrica e a vida em sociedade, como a conhecemos, praticamente se extinguiram. Nem toda nossa tecnologia foi capaz de nos proteger e evitar que dois terços da humanidade morressem. Os poucos que sobreviveram estão exaustos e tentam reunir o que ainda resta das suas forças e recursos para se manterem vivos. E, para piorar, eles não estão a sós. Dia e noite, são perseguidos pelos contaminados - sempre à espreita com seus olhos vermelhos, pele pálida, dentes podres e uma terrível sede de sangue e de carne humana. Nesse cenário de terror e desesperança, Manes luta desesperadamente para manter sua comunidade unida. Ela subsiste em uma construção cercada por paredes de concreto chamada Quartel. Porém, quando alguns de seus membros estão em apuros do lado de fora, sendo cruelmente caçados pelos contaminados, Manes parte para resgatá-los. A sua ausência e a chegada do enigmático Dujas abalam severamente o tênue equilíbrio interno do Quartel, colocando em risco a vida de todos. O perigo e o medo tomarão conta deste, que é um dos poucos redutos em que homens e mulheres vivem em "segurança". Cheio de intrigas, mistério e horror, Apocalipse Zumbi é uma aventura de ficção eletrizante, com muitos elementos de realidade que mexerão com a mente e o coração dos leitores. Alexandre Callari oferece nesta obra o melhor do gênero zumbis e, ao mesmo tempo, cria um mundo à parte, que conta com suas próprias regras e lógica. Bem-vindo ao universo de Apocalipse Zumbi!

Apocalipse Zumbi conta a historia de uma pequena comunidade que luta pela sobrevivência em um mundo apocalíptico. Um incidente inexplicável dizimou a maior parte da população planetária e outra grande parte foi transformada em uma espécie de zumbi. Os sobreviventes não fazem a mínima idéia do que aconteceu e nem porque aconteceu, também não entendem como não foram atingidos pela catástrofe. Com a chegada do misterioso Dujas e após quatro anos sobrevivendo em um antigo quartel de uma empresa de segurança Manes, o líder,  e sua comunidade começam a entrar em colapso.

O livro é muito bem escrito, mas não se engane, a escrita não faz jus a história. O livro é cheio de altos e baixos em sua narração e digamos que os únicos pontos bons do livro são o começo e o fim. Nos últimos tempos essa foi a minha leitura mais tediosa e demorada, o autor pecou ao explorar muito problemas sociais, religião e outros assuntos; ele exagera ao contar pequenos fatos dos personagens antes do Dia Z -como foi chamado o dia da catástrofe - e a escrita dele muitas vezes vem carregada de soberba e certa arrogância, é como se ele se glorificasse por escrever bem.

Ao falar sobre pessoas diferentes em uma situação deliciada e que tinham que dividir um pequeno espaço passando por problemas extremos ele acabou forçando na narrativa, criou acontecimentos desnecessários e implementou problemas sociais que não precisavam ser retratados naquele momento, isso acabou por prejudicar a sua obra e deixou transparecer claramente seu ponto de vista social.

Você se empolga quando o mundo apocalíptico é retratado, porém são poucas as vezes que ele faz isso sem forçar detalhes desnecessários, sem força uma realidade bruta e cruel presente a todo o momento. Sei que seria difícil viver em tais situações e que ninguém esta preparado para isso, que as diferentes formas de pensar, as diferentes raças e grupos sociais combinados com a loucura dos acontecimentos, do confinamento e das precárias condições de vida seriam difíceis de aturar, mas não precisava gastar 60% do livro falando sobre essas coisas, não precisava gastar muito mais da metade do livro falando sobre os problemas do mundo que vivemos, as brutalidades que são cometidas, das personalidades obscuras que nos cercam e esquecer uma historia que tinha tudo para ser muito boa. Ele quis dizer muito, expressar muitos problemas sociais, e esqueceu que a receita para o sucesso é a simplicidade.

Achei interessante que a obra trás desenhos que relatam acontecimentos. Será que relatam mesmo? E quem ainda, mesmo depois de tudo isso, for buscar a leitura, comece a ler a partir do prólogo, pois tudo antes disso é spoiler, chega ate a ser cômico ter spoiler na própria obra.

Enfim, não é uma história que eu super recomendaria, mas acho que toda leitura é válida, fica a critério de vocês. xD

***
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA
Clique AQUI e participe.

19 comentários:

  1. Eu tenho medo de zumbis, rs. :P
    Espero ler um dia ^^
    http://www.sorrisoselivros.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma leitura sempre é bom xD! Espero que consiga ler.

      Excluir
  2. Oie :)

    Cara eu sou louco em zumbis comedores de gente então mesmo você tendo ressaltado bem os pontos negativos do livro, me interessei hahaha !!! abraços .

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leitura sobre o mundo Apocalíptico principalmente quando se trate de zumbis sempre são legais.

      Abraços!

      Excluir
  3. Zumbis e apocalipse zumbi está em alta entre os temas retratados em livros, mas eu ainda não li nenhum assim, acredita?!

    Beijos,
    Caroline
    http://criticandoporai.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. :O
      Corre então, é muito bom. Não comece por esse kkkkkk!

      Excluir
  4. Esse livro deve ser MUITO legal. To bem curiosa para tê-lo em mãos e ver todas essas ilustrações. *-* Adoro quando os livros são cheinhos delas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gosto quando elas retratam o que acontece no livro fielmente, o que não acontece nesse kkkk!
      Espero que goste da leitura!

      Excluir
  5. Estava à caça de um livro que abordasse zumbis muito tempo antes do filme A Guerra Mundial Z. Encontrei um livro que achei interessante, chamado Apocalipse Z, mas desconhecia este que resenhou. Não me deixou animaaaaada para ler, sabe? A verdade é que, como você, considero uma fragilidade da obra quando o autor se deixa levar pelas descrições políticas ou até mesmo excessivas sobre seus personagens. Perde muito da qualidade e dispersa o leitor. :/
    Acho que não lerei esse livro, apesar das cenas de tensão serem claramente interessantes, como citou. :)

    Beijos!
    www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fiquei realmente muito disperso, leitura mais demorada do ano, demorei mais para ler ele do que A guerra dos tronos!
      Vou procurar esse Apocalipse Z para ler, obrigado pela dica xD!

      Beijinhos!

      Excluir
  6. Nossa, eu achando que ia ser uma resenha boa sobre a obra. Mas nossa que tristeza, com todos esses zumbis morando na literatura fica complicado achar uma obra de qualidade, fica realmente difícil >.<
    O pior é que narrativa forçada ninguém merece poxa, esses fatos meio forçados tbm não. Muitas vezes isso me dá a impressçao de que o autor faz isso só mesmo para dar mais páginas ao livro. No caso de séries para render mais histórias, eu tenho trauma disso, que nem o que a Alyson Noel fez comigo *o*, apesar dos livros da série Os imortais estarem um saco eu não posso abandonar a série agora porque sou curiosa. Pelo visto a obra é uma coisa mais filosófica mesmo,a final 60% do livro são sobre as condições precárias e bláblás.
    Essas coisas de spoilers são um saco, a Arqueiro é recode em colocar spoilers em todos os lugares, a sinopse do livro a Sociedade Cinderela (que eu estou lendo agora) tem coisas que nem na págia 100 aconteceram ainda :/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito tenso, odeio spoilers. Ninguém merece narrativa forçada mesmo Gabriela. Mas infelizmente também sou curioso e apesar de todos esses defeitos não vou conseguir ficar sem ler o próximo!

      beijinhos!

      Excluir
  7. Não sou muito fã dos livros de zumbis, agora quanto as séries e filmes eu simplesmente adoro,princialmente se tratar de apocalipse. A estória me pareceu bem interessante, e sua resenha me deixou bastante curioso, não sei se irei ler, mas quem sabe ;D
    Beijoos.
    Lauro,
    http://entreversosepaginas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se for sua primeira sobre Zumbis, não recomendaria esse.
      Também gosto muito de filmes e séries.

      Abração xD!

      Excluir
  8. Caramba, Dayvson, acho q vc nao curtiu mesmo livro enh.
    Eu já li um livro sobre zumbies, e gostei bastante, mas nao tinha nada a ver com esses temas abordados neste livro q vc mencionou.
    Pela sua resenha já da pra ver que este livro com ctz nao é pra mim :/
    beijos
    http://nolimitedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente não curtir não! Foi uma leitura muito amarrada e pensei em abandonar várias vezes, foi tenso!

      Beijinhos

      Excluir
  9. Olá Dayvson !

    Primeiramente , parabéns pela resenha ! Ela ficou super bacana mesmo !

    Pela sua descrição do livro , já imagino como deve ser ruim mesmo , e vou confiar na sua opinião , afinal , é a primeira que eu vejo a respeito do livro , e por isso fiquei ainda mais com o pé atrás , valeu pela dica :)

    http://theloverbook.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Está aí um livro que eu não leria... Primeiro porque não gosto de história de zumbi (é colega parece que seu tipo de ficção não combina com o meu) hahaha. E concordo com você, quando a narrativa e ruim fica muito cansativo, e pelo que você escreveu parece que ele se perdia do foco, e deve ser altamente desagradável ver um autor se gabando em sua própria obra. Bjs...
    anna-gabby.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Quando eu comecei a ler a resenha achei que o livro era muito bom, e tinha me interessado por ele, mas ai quando fui me adiantando na leitura da resenha mudei de ideai, que chato a narrativa do livro ser muito cansativa e mais chato ainda é o que o autor fica tipo querendo se gabar, tai um livro que eu não quero ler nem em sonho.

    ResponderExcluir