25 de outubro de 2013

{Halloween Week} :: 'Vou lhe mostrar o medo' #146

POSTADO POR EM 25 de outubro de 2013

Olá galera, como estão?



Enfim apareci \o/ Andei sumido, né? Desculpem-me. Prometo não fazer mais isso =D Agora vamos a resenha.

Livro: Vou Lhe Mostrar o Medo
Autor: Nikolaj Frobenius
Editora: Geração
Páginas: 295
Sinopse: Edgar Allan Poe (1809-1849), o célebre poeta e autor de histórias de terror, bem como criador do gênero policial na literatura, é o protagonista deste romance de suspense psicológico, que discute os limites da criação literária e a responsabilidade moral da arte. Nele vemos o jovem escritor norte-americano afligido pela pobreza, angustiado com a enfermidade da sua frágil esposa e assombrado por um maníaco que comete assassinatos inspirados nos seus escritos, além de sabotado em sua carreira pelo crítico literário Griswold, que lhe dedica um misto de admiração e ódio. Publicado em toda a Europa, traduzido em dez idiomas e plagiado por Hollywood, este romance premiado marca a estreia, no Brasil, de Nikolaj Frobenius, um dos grandes expoentes da moderna literatura norueguesa. 


Vou lhe mostrar o medo, fala de um período clássico dos escritores Americanos e Europeus, uma época de pouca valorização onde a literatura era impulsionada pelos jornais das grandes capitais. 

O livro narra a historia de Edgar Alan Poe; um escritor e critico literário que tinha uma fama um tanto questionada, principalmente por Rufus Wilmot Griswold. Ele não via a beleza nas escritas de Poe e que questionava bastante a postura agnóstica do escritor. Edgar, como retrata o livro, queria mostrar a beleza e harmonia em fatos trágicos, ele mesmo tornou a sua vida trágica, sem inimigos ele parecia infeliz. Acontece que escrevendo de tal maneira criou uma obsessão sobrenatural que fez com que suas obras fossem tornadas reais por outra pessoa. 

O livro é brilhantemente escrito, foi perfeito entrar na mente sombria de Edgar, ver seus conflitos e idéias, ver a forma como ele enxergava a sociedade na época, seus fracos propositais, suas criticas que feriam a honra de outras pessoas e principalmente Rufus, o alicerce da fama de Edgar. 

O titulo do livro deve-se a passagens das obras de Edgar e é perceptível esse fato ao decorrer da leitura que flui de forma gradativa e suave. A história é narrada por três pessoas diferentes. A maior parte por Edgar, algumas partes por Rufus e uma menor parte pelo Escravo do Pai adotivo de Edgar, Samuel, que compartilhou com Edgar em sua juventude o sonho de ser um grande escritor.

O terror do livro é passado bastante pela narrativa de Rufus e pela de Samuel. Edgar tenta, ao longo da narrativa, conquistar seus objetivos e sempre que consegue alcançá-los  algo acontece e o leva a sarjeta novamente.

O final... “Nossa!, o final” É simplesmente brilhante, apesar de ter demorado bastante de ler por outros contratempos, foi uma leitura prazerosa e que me levou a pesquisar muito sobre a vida desses escritores.

Suspense, terror psicológico e uma grande trama que envolve o mundo literário. Preciso citar mais algo para vocês perceberem que é perfeito? Indico a qualquer um, e com certeza entrou na lista dos meus favoritos.

Finalmente Mogi me deu um livro bom para ler.

Tudo tem um fim é o mais terrível e o mais belo também. Você escreveu que a morte é o propósito de tudo. No começo não entendi o que você queria dizer e li de novo. A morte existe porque todas as coisas são atraídas umas para outras. Quando algo morre se transforma em outra coisa e consequentemente nada pode morrer portanto a morte é o mais importante de tudo se a morte não existisse tudo estaria morto mas como existe então a esperança existe também e a novidade e um mundo novo.
P.s: Acho que vocês perceberam a falta de vírgulas no quote mencionado. Alguns trechos do livro contam com essa falta de vírgula por se tratarem de pensamentos ininterruptos do Allan Poe.
 ***
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.
Clique AQUI e participe.

24 comentários:

  1. Eu li esse livro e também fiquei fascinada com Poe, eu já tinha visto o filme, mas é tão diferente do livro que nem tem como comparar. É um ótimo livro para quem é fã do autor, e para quem não é também.
    Abraços, Raquel
    Viajando com Livros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ainda não vi o filme, mas vou anotar como uma boa dica Raquel.

      Abraços!

      Excluir
  2. Nossa Mô, um livro sobre o Poe.. uau, fiquei louca para ler. Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mi, ele é muito bom mesmo você vai gostar!

      Beijinhos!

      Excluir
  3. Vc voltou triunfante com essa resenha Dayvson, já li comentários ótimos a respeito desse livro e vi que ele está super bem criticado na blogosfera. Um dia estava dentro do ônibus e me deparei com uma mulher sentada ao meu lado lendo um livro, e advinha qual era ? Vou lhe Mostrar o Medo, desde então, se eu já era curioso para conhecer a estória, quando vi que muitas pessoas a estavam adorando, a vontade de ler só aumentou. Mais um livro que está na minha Wish List *----*

    Beijoos.
    Lauro,
    http://entreversosepaginas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lauro sinceramente sua Wish List me dar medo kkkkkk!
      Obrigado mas nem foi tão triunfante assim (Modéstia kkkk).

      Abração!

      Excluir
  4. Fiquei curiosa com esse livro, não sou muito fã de coisas que me assustem, mas acho que ele entrará para a wishlist e em breve irei ler.
    Amei a resenha. xox
    sorrisoselivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não há sustos nesse livro Débora, é mais aquele terror e suspense Piscicológico, espero que goste quando ler.

      Obrigado e beijinhos!.

      Excluir
  5. NOSSA QUANTA DICA BOA...ADOREI O BLOG MINHA LINDA APROVEITO PRA DEIXAR O ENDEREÇO DO MEU PÁSSA LÁ ...BJS...
    http://designvisuall.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Debora, é muito bom para nós ouvirmos que uma pessoa adorou o blog!

      Beijinhos!

      Excluir
  6. Apesar da resenha maravilhosa, mas esse livro não me chama atenção nenhuma, o acho desde a capa, muito sombrio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Edgar era um cara sombrio, e ele queria mostrar a beleza nas sombras, talvez lendo você se identifique com algo.

      Beijinhos!

      Excluir
  7. Só a palavra terror me causa calafrios! rsrsrs ... não sei se é puro pré-conceito mas não consigo me sentir atraída, mesmo depois de ver essa resenha incrível e cheia de elogios.

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Thais, eu também teno calafrios só de falar sobre terror, mas gosto de ler, vai entender né? kkkkkkk

      xoxo?

      beijinhos!

      Excluir
  8. Já gostei por ser um terror psíquico, adoro livros assim sempre fico muito curiosa pra poder ler!! Ja ta na lista sem duvida!!


    xx

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom Jessica, tenho certeza que você não vai se arrepender.

      Obrigado pelo carinho! Beijinhos!

      Excluir
  9. Eu não li nenhum livro ou conto do Edgar, mas eu gosto tanto de terror e suspense em livros que só fico com mais vontade de ler o livro cada vez que leio resenha dele.
    A falta de vírgulas no livros talvez seja um problema para mim no começo, mas espero que eu faça uma boa leitura, quando ler ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rossana na verdade eu nem percebi a ausência das virgulas, foi Mogi que me mostrou kkkkk. Logo não vai fazer muita diferença não. Espero que goste.

      Beijinhos!

      Excluir
  10. Ainda não li nada do Edgar mais estou com Nevermore aqui e ele tem algo do Edgar na história...só não li ainda rs
    O escritor parece ser talentoso e surreal no mundo da literatura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele tem uma historia na literatura bastante legal, apos ler esse livro e pesquisar sobre o autor, vários outros livros que eu li e que de alguma forma fizeram referência ao O Corvo vieram a minha cabeça.

      Tem que ler menina kkkkkk!

      Obrigado Bejinhos!

      Excluir
  11. *-*
    Eu recebi este livro mas confesso que, quando notei que o livro seria mais parecido com uma biografia, desanimei. Queria uma ficção, alguma história baseada nas obras do Poe, mas pelo visto tem um toque mais "jornalístico", né??

    E fiquei curiosa com o final, ai gente!! Para o clima de Halloween então é uma boa leitura, né?

    =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jeh!

      Na verdade é uma historia contada baseada na vida de Poe. Ei não classificaria ele totalmente como uma biografia.

      O final é perfeito. Recomendo sim ele!

      Beijinhos!

      Excluir
  12. Gosto do Edgar Allan Poe e ele tava merecendo uma obra assim, mais a cara dele. Fiquei curiosa pra saber o FINAL. :O

    Bjss,

    Raquel
    www.pipocamusical.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O final me deixou super satisfeito. Foi tipo...... *--------*

      Beijinhos!

      Excluir