7 de maio de 2014

Resenhas: Como fazer?

POSTADO POR EM 7 de maio de 2014

Heey gente, tudo bem??


Ando vendo por ai algumas resenhas que me fizeram repensar o conceito de resenha? Afinal, o que é resenha? Muitas pessoas estão achando que é apenas um breve resumo sobre um livro, ou informações de um produtos tiradas da internet, ou um texto repleto de spoiler de um filme. Sabe de nada, inocente. A resenha é algo bem mais complexo que isso, e o assunto do blog hoje é esse.



A resenha tem como principal propósito analisar uma obra e destacar seus pontos negativos e positivos de forma imparcial. Claro que o resenhista pode dar sua opinião, avaliando o produto que acordo com o seu gosto, a fim de familiarizar o leitor com tal produto, mas críticas que degradem o produto, de forma que faça acreditar que qualquer outra pessoa não vá gostar do mesmo, não são consideradas resenhas e sim textos de mal gosto.

As resenhas podem ser feitas sobre diversas coisas ou maneiras, existem resenhas de artigos de maquiagem, roupas, calçados, produtos de higiene e cuidado com a pele, bem como podem ser feitas em textos, vídeos ou fotos. Hoje falaremos sobre resenhas literárias. A resenha mais difícil de ser feita, acredito eu, por envolver muitos pormenores, mas que está sendo meio que banalizada,

Quando um leitor encontra-se disposto a comprar um livro, na maioria das vezes procura opiniões e críticas a respeito desse livro, então encontra as resenhas. Através delas - e dos pontos de vista dos blogueiros - o leitor classifica aquela obra para si próprio. Dependendo dos gostos já demosntrados pelo blogueiro, ele pode definir se aquele livro fara seu estilo ou não, mediante, é claro, da opinião desse blogueiro sobre aquela resenha. Entenderam?



É mais ou menos assim: O leitor irá procurar compreender sobre os gostos do blogueiro, dessa forma compreenderá se a resenha crítica desse blogueiro é aceitavel para si ou se os gostos opostos limitam essa aceitação.

Muitas pessoas acreditam que apenas as resenhas positivas são bem aceitas. Leigo engano. Leitores estão a procura de desafios, e quando uma resenha é negativa ele procura entender o motivo e acaba rendendo-se a leitura do livro. E como cada qual tem seu gosto, muitas vezes o livro que foi avaliado como péssimo por um resenhista, pode tornar-se o melhor da vida de um leitor.

Chamei três blogueiras que admiro muito para responder duas quesões: O que torna uma resenha atrativa ou cansativa no seu ponto de vista? Quais elementos você acredita que tornam a resenha instingante a ponto do leitor querer comprar o livro?

Ceile MoraesEu gosto de opiniões diretas, claras e dinâmicas. A resenha pode ser enorme, mas preciso ter uma "conexão" com o texto, como se fosse um amigo contando o que achou do livro. Não gosto muito daquelas resenhas cheias de palavras rebuscadas, acho que perde um pouco a "pessoalidade e intimidade" que gosto. Acho uma resenha instigante quando o blogueiro consegue passar o entusiasmo dele, quando me emociono ou dou risada. Tudo isso só acontece quando o "autor" dá sua opinião sincera

Mirelle Candeloro: Na minha opinião, gosto de resenhas misteriosas, aquelas que contam uma parte do livro, mas deixam um "quê" de quero mais, nos instigando a ler. Não me importo com o tamanho. Sei que tem pessoas que não curtem resenhas longas, para mim, importa se são bem escritas. O fundamental é ter a opinião do blogueiro. Gosto quando o blogueiro está falando com a gente, de maneira impessoal, dizendo o que sentiu ao ler o livro e dialogando conosco. Como os blogueiros são pessoas como a gente, é através deles que teremos ideias dos sentimentos que cada livro irá eclodir na gente. Se um blogueiro morre chorando por causa de determinada história, isso me deixa muito curiosa para saber se vai acontecer o mesmo comigo. Se um blogueiro fica muito irritado com um final, curiosamente eu fico com vontade de ler o livro para saber o que o irritou.  No fim é isso, gosto de resenhas informais e cheias de opinião própria e, sinceramente, fujo de resenhas em vídeo e daquelas que usam milhares de gifs animados no texto. Detesto.

Thaís Teixeira: Eu gosto quando a resenha fala bem mais daquilo que o livro fez a pessoa sentir do que sobre a história em si. Prefiro resumos curtos, spoiler nunca! Detesto quando uma pessoa entrega o livro todo e mal fala o que sentiu por ele.
Pra mim fica cansativa quando detalha muito o resumo do livro e no último parágrafo escreve o que achou do livro em duas linhas. Gosto quando tem fotos, elas são bem atrativas, pois podemos ver detalhes da diagramação do livro.




A resenha é a forma pessoal - apesar de precisar ser imperssoal - do resenhista lidar e falar sobre determinado produto, sem degradar ou corromper a imagem desse produto. É também uma forma de apresentá-lo ao mercado com uma visão diferente da dos fabricantes, uma visão crítica. A opinião a respeito do produto não deve ser esquecida, as informações sobre o mesmo encontram-se na caixa ou quarta capa. Ao resenhar procure expôr seus pontos de vista, sua visão sobre aquilo. Como em uma redação, escreva o que você sente, mas sem parecer que o sentimento vem de você.

É isso. Não somos experts no assunto, mas demos as nossas opiniões como leitoras. Espero que tenham curtido o post e que compartilhem com os amigos.

Beijos e até a próxima!
***
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.
Clique AQUI e saiba como participar.

27 comentários:

  1. Esses dias li uma resenha que era spoiler puro
    Cara me deu uma raiva
    Se quero muitooooooooooo ler um livro
    É arriscado eu nem ler mais resenhas,mais se estou em dúvidas.
    Corro logo pra meus amigos blogueiros rsrsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Ana, falta senso para esses pseudos resenhistas, haha.

      Excluir
  2. Oi Barbara!
    Que legal o seu texto. No meu blog eu procuro não chamar os meus textos de resenha, gosto de chamar de "experiência literária". Isso porque eu acho que não tenho experiência suficiente para dar uma opinião técnica e impessoal sobre um livro. Por isso, gosto de contar para as pessoas como foi, pra mim, a leitura do livro, se funcionou, se foi prazerosa, etc.

    Beeijos
    Petra | Na Próxima Página...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi, Petra. Muitas pessoas fazem isso, é bom por que os leitores não podem questioná-la quanto às regras, mas muitos vêem o texto como uma resenha. hehe.

      Excluir
  3. Adorei, eu nunca sei fazer uma resenha por isso nunca classifico meus post sobre livros como resenhas. São mais a minha opinião, porque eu acho que pra ser uma resenha tem que ter tudo isso que vocês falaram e não gosto de ficar me regrando muito, até porque faria tudo errado, então eu meio que coloco a sinopse do livro e falo a minha opinião ^^
    Sorriso Espontâneo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Betânia. Pois é, se você não se sente segura para carcterizar seu texto como resenha, essa é uma boa opção.

      Excluir
  4. Olá!
    A questão é que muita gente não sabe o real significado de resenha e acha que sabe fazer uma...e tem muita gente "boa" por aí que faz "resenhas" mais ou menos ou mesmo ruins. Eu odeio classificar os posts que faço como resenha, pois assim como vcs acho muito complexo e delicado. Prefiro "impressões" ou "o que eu achei".
    Simplesmente odeio aqueles posts gigantescos que vai quase que contando capítulo por capítulo, tenha dó do pobre leitor, né? E quando percebo que vai dar espoiler nem termino de ler a segunda linha....
    Gosto muito, mas muito mesmo quando colocam fotos dos livros, mesmo fechado, mas mais ainda de algumas partes para o leitor ver as páginas, tamanho de letra, essas coisas influenciam (pelo menos ou acho).
    Até uma "resenha" negativa porém bem escrita me faz refletir. Mas ainda assim, raramente me deixo influenciar pelos livros da modinha, gosto de saber a opinião sincera do resenhista, não o oba-oba da obra. E curto também quando falam que leram o livro por conta de parceria, não sei porquê, mas acho isso bem transparente com o leitor.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Renata, Exatamente. Muitas pessoas pensam que resenha é um emaranhado de palavras, mas na verdade é uma crítica e deve ser bem feita. Levarei em consideração o fato de mencionar que a obra é cortesia.

      Excluir
  5. Não sei se sigo todos esse critérios que você escreveu, sinceramente. Mas quanto as respostas da sua pergunta, acho que as minhas resenhas se encaixam. Eu não gosto de ler uma resenha que o autor da mesma fica falando de como é a história e tal, a sinopse não está aí pra isso? Também fujo de gifs e vídeos como a Mirelle disse. Sinceridade, sem e preocupar com o que a editora parceria ou o autor vão pensar, na minha opinião é o que mais importa, e você percebe de cara isso. Como vou saber a impressão que o livro causou nas pessoas, se as mesmas só colocam pontos técnicos ou esbanjam elogios falsos? Adorei seu post!
    Beijos

    http://desfocandoideias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Natália. Pois é, o ponto é esse, saber avaliar uma obra. Se for criticar, que critique sabendo o que está fazendo. Claro que pode falar que não gostou, mas não existe a necessidade de acabar com a integridade do autor ou da obra. Avaliar de forma imparcial, mas mostrando o seu ponto de vista a partir da mesma, é a melhor forma de se fazer.

      Excluir
  6. Nossa, que Blog lindo e que conteúdo maravilhoso é esse? Já ganhou mais uma leitora. Vou acompanhá-lo sempre! Beijos e continuem assim.

    ResponderExcluir
  7. Ai que fofuraaa.. não sabia que eu ia sair num post não! Tô me sentindo a poderosa agora.. kk Realmente, fazer uma resenha não é tarefa fácil, pode não parecer, mas blogueiro sofre viu gente. Sem contar que existe gosto para tudo e nunca iremos agradar a todo mundo. Mas a gente tenta.. hehe Beijos, Mi

    www.recantodami.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, tentar é a alma do negócio, haha.

      Excluir
  8. Muito legal teu post! Eu também escrevo muitas resenhas, e acho que a maior dificuldade pra quem escreve é saber transmitir os ~feels~ sem entregar coisas da trama. Pelo menos, quando eu estou escrevendo, é o que eu tento fazer menos. Eu dou minhas impressões, mas não procuro não dizer o que acontece.
    Particularmente eu gosto de resenhas que falem sobre os personagens, se eles se desenvolvem, seus defeitos, suas comparações com outros personagens de outros livros e coisas assim. Não me importo com o tamanho da resenha, desde que não seja só um mero resumo da obra (pra isso tem a sinopse), ou pior, uma resenha que só faz vender o produto, onde tudo é lindo e perfeito (não que tenhamos que criticar todos os livros, mas tem blogs que recebem livros de editoras que todas as resenhas seguem o mesmo padrão de "É PERFEITO, COMPREM!")... Enfim, muito legal teu post mesmo! :D

    http://relativismoescrito.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha, né? Eu, particularmente, peço livros que seguem o meu estilo de leitura, então na maioria das vezes as resenhas são positivas, mas se for ruim eu vou falar que foi.

      Excluir
  9. Realmente Barbara, estou de total acordo com você é muito difícil fazer uma resenha eu pelo menos demoro horas para montar as minhas, porque eu realmente me preocupo com a minha escrita, se a minha resenha vai ter algum sentindo para o leitor, tentar dar um breve resumo do livro, (sem spoiler é claro) , para que o leitor saiba do que o livro se trata e o mais importante a minha opinião sobre obra, eu odeio também ler resenhas em que a pessoa destrói abra de algum autor simplesmente porque não gostou, um dia desses eu li uma resenha de um senhor no Skoob sobre o livro "A batalha do apocalipse" que se fosse colocar essa resenha em folhas de caderno daria umas 10 folhas frente e costa onde ele detonava o livro, dizia que a escrita do autor era complicada e mal feita enfim ele não gostou da obra e no final da sua resenha ainda dizia para as pessoas não lerem o livro por que ia ser total perda de tempo, eu tive saco para ler aquela resenha gigantesca esperando que ele falasse do ponto positivo do livro mas ele não falou, mas resumindo eu já li esse livro e amei a historia e eu não vi nada daquilo que ele escreveu na sua resenha. É chato isso eu nas minhas resenhas quando uma obra não me agrada digo os pontos negativos e tento achar os pontos positivos e inclusive incentivo o leitor a ler tal obra, porque afinal como vc disse gostos são diferentes eu posso não ter gostado do livro, mas meu amigo leitor pode adorar.

    Bem adorei o poste linda!! bjão!!

    http://voceeoquele.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, tem pessoas que não sabe a maneira certa de criticar uma obra, e pra ele o que foi horrível, pra ti foi bom. Muitas vezes a resenha negativa - feita de forma correta - aguça a curiosidade do leitor.

      Excluir
  10. Cidades de Papel, Quem é você Alasca (': são maravilhosos, o John sempre arrasa. Parabéns pelo post e sucesso!

    www.entreladies.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada :) Mas as fotos dos livros são meras ilustrações para o psot, okay.

      Excluir
  11. Relmente já vi ditas 'resenhas' em alguns blogs que eram simplesmente o resumo do livro e nada mais. E também já vi resenhas que são show de tão perfeitas.
    Não curto resenhas que contém spoiller, até porque quando leio uma resenha quero me inteirar sobre o livro, e não saber de todos os detalhes, tem gente que conta até o final do livro, isso me irrita profundamente.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Contar tudo já não é uma resenha, é uma narração da história, haha. Tem gente que é sem noção.

      Excluir
  12. cara já vi resenhas aonde são o resumo do resumo da sinopse, é uma parada bem tensa, parece que a pessoa nem se deu o trabalho de ler o livro e esta copiando qualquer coisa e jogando no blog.
    é uma pena q muito blogueiro faça isso só pra poder ter muitos livros e status com parceria. quando nao vemos aqueles q sempre falam bem e curtem tudo, mesmo quando vc le o livro e fica wtf que merda é esse.
    esse povo que gosta de tudo e nunca vê defeito em nada só pra manter a parceria me incomoda também.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, né Alice? Coisas que temos que engolir, infelizmente. Espero que um dia isso mude.

      Excluir
  13. Nossa Bah que perfeito hein, adorei o post, e realmente a resenha é algo muito complexo, e creio que todos que vão faze-la devem falar de coração e da melhor forma possível para que o leitor sinta as palavras, não me importo com resenhas enormes quando a pessoa sabe me visgar, pois quando isso não acontece fica muito cansativo e eu acabo que desistindo de ler até o final.
    Beijos!!!!

    ResponderExcluir
  14. Oi Barbara, tudo bom?
    É a primeira vez que visito seu blog e devo confessar que visitarei frequentemente, de agora em diante. É realmente muito lindo e com postagens que, além de criativas, são muito bem escritas!
    Não sou uma ótima resenhista, mas sempre tento dar o meu melhor. E assim como a Mirele, odeio resenhas com gifs, e também aquelas que contêm spoilers. Adorei esse post, de verdade! Bejão!
    entreeleitores.blospot.com

    ResponderExcluir