11 de junho de 2014

Tá Na Estante :: 'Atraído' #240

POSTADO POR EM 11 de junho de 2014

Heey gente, tudo bem??


Esses dias estou meio doentinha, por isso sumi do blog. Tenho tanto post pra fazer que vocês nem sabem, haha. Mas por enquanto vamos de resenha enquanto eu crio coragem para rascunhar as outras postagens. Fiquem de olho no blog que em breve teremos novidades ;)

Livro: Atraído
Autora: Emma Chose
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 272
Sinopse: Drew Evans venceu na vida. Charmoso e arrogante, ele fecha negócios milionários e seduz as mulheres mais lindas de Nova York apenas com seu sorriso. Seus amigos são leais e sua família o apoia. Então porque ele está trancado em seu apartamento há sete dias, terrivelmente deprimido? Ele dirá que está gripado, mas isso obviamente não é verdade. Katherine Brooks é uma mulher linda, inteligente e ambiciosa, que não deixa nada nem ninguém distraí- la de sua busca pelo sucesso. Ela foi contratada pela empresa de investimentos do pai de Drew, o que vira a vida do rapaz de cabeça para baixo: a competição com ela o estressa, sua atração por ela o distrai e suas investidas fracassadas o frustram. Logo quando Drew achava estar próximo de ter tudo aquilo que queria, seu excesso de confiança põe tudo a perder. Será que ele conseguirá enfrentar os contratempos e vencer o verdadeiro desafio de sua vida: o amor?

Drew Evans sempre foi um conquistador. Nunca teve uma namorada ou sequer pensou na possibilidade de engatar um relacionamento sério. Em mais uma de suas noitadas, se perde nos grande olhos escuros da mulher mais linda que já viu na vida e, apesar de não ficar com ela, não consegue tirá-la do pensamento, mesmo após uma tórrida noite de sexo com duas gêmeas ruivas (homens, é fetiche pegar ruivas e gêmeas?). O que ele não sabia é que ela era a nova contratada do seu pai no banco da família - onde o próprio Drew é sócio - e o pior, não sabiam que eles seriam concorrentes. Mas se tem uma regra que o Drew não quebra é ficar com mulheres da empresa, quero dizer... não quebrava.



Katherine Brooks é a personificação de todos os nossos desejos infantis, moças. Bem-sucedida, priorizou os estudos à sua vida pessoal, mesmo tendo o mesmo namorado há mais de 9 anos. Seu desejo sempre foi ser independente e nunca precisar do marido/noivo para se sustentar. Ela conseguiu isso, mas acabou cansando um relacionamento que talvez não tenha sido feito para durar. Quando ela se depara com Drew, primeiro na boate e depois na empresa, sente a paixão reacender em seu coração, mas por alguém que não é o seu noivo - dele ela só guarda um amor fraterno.

Apesar de toda a paixão que emana do casal, eles não dão o braço a torcer. Além de tudo são ótimos profissionais, ambiciosos, e querem mostrar que são os melhores em suas áreas dentro da empresa. A concorrência por uma mesma conta faz com que eles se distanciem e se conheçam ainda mais, para que no futuro, juntos, possam por em prática tudo o que conheceram sobre o outro e engatar, quem sabe, até uma amizade, mas na verdade querem algo mais.



Já começo falando sobre a narrativa, Emma nos contou uma história e nos envolveu na história. O livro todo é narrado pelo ponto de vista do Drew e ele se comunica com o leitor. Sim, ele conta  a própria história (com visões do eu futuro - que aparece no primeiro capítulo - dando palpites).

"Está vendo aquele traste fedido e barbudo jogado no sofá? O cara vestindo uma camiseta cinza e uma calça de moletom rasgada? Aquele sou eu, Drew Evans"

Achei essa forma de narrativa bem dinâmica, foi uma forma de imaginar mais os cenários e entrar de uma forma diferente na história. Autores, apostem nisso. Além3 dessa narrativa contagiante, o livro conta com uma dose de humor ímpar para os livros eróticos, onde normalmente o drama se sobressae. O Drew é, particularmente, um cara engraçado e a Kate não deixa pra trás, então preparem-se para os risos.

Outro ponto positivo:  A personagem principal é durona. Kate, te amo. Ela não se deixa abalar por qualquer declaração ou buquê de flores. Não se faz de difícil, ela é difícil. Kate, te amo².



Apesar de parecer clichê,  Atraído foge a muitas marcas registradas dos livros desse gênero; a começar pela mocinha, né? Achei a leitura bem contagiante e interessante, concluí em meio a uma queda de internet \o/ Super indico para quem curte esse gênero e quer mudar um pouquinho de estilo, bem como para quem quer começar a ler, mas já tem na mente tudo sobre essas histórias de tanto que ouviram falar, hehe.

Beijos e até a próxima!
***
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.
Clique AQUI e saiba como participar.

15 comentários:

  1. Eu já li um livro nesse tipo, mas a historia era horrível e broxante kkkk Mas essa historia parece ser bem diferente das outras e como tu disse envolvente. Mesmo assim não gostei da experiência de ler esse tipo de livro, pois não acrescenta muita coisa pra mim... Mesmo assim minha imaginação vai a mil com determinadas cenas kkkk
    E essa capa em? Fiu Fiu!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É ótimo para a imaginação, haha. Se não é um gênero que você gosta, nem vale a pena insistir. Beijos <3

      Excluir
  2. Gostei da resenha, ainda tenho que ler.
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Gostei da capa!!

    xoxo
    http://amigadaleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. confesso que fiquei com uma vontade enorme de ler o livro, pq me pareceu mesmo bem divertido e engraçado, mas nao adianta eu ficar forçando uma relaçao de amizade com livros eroticos, eu nao consigo gostar deles kkkk ja tentei, algumas vzs, mas nao da :/

    ResponderExcluir
  5. Amei tudo, a começar pela capa, e pela história! Não li o livro ainda mas já não tenho dúvidas que ele vai quebrar as regras! hahaha

    http://sentirodrama.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Bárbara!
    Não sei porque algumas pessoas não gostam dos clichês. Nunca vi amor sem clichê.
    Dito isso, já me encantei por Drew e por Kate e sendo romance erótico já estou aqui me coçando para poder lê-lo.
    Amei sua resenha descontraída e se o livro nos faz rir, agora que quero mesmo ler.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também não entendo... Eu adoro clichês, haha. Espero que possa lê-lo em breve ;)

      Excluir
  7. Apesar de ser o tema do momento, Atraído parece ser um pouco diferente. A começar pela narrativa, acho que nunca li nenhum livro romance/hot que fosse narrado pelo protagonista homem. A capa é de arrancar suspiros... rsrs
    Fiquei bem curiosa pra ler e conhecer melhor sobre Drew e Katherine.

    Bjok

    ResponderExcluir
  8. Bárbara,
    Eu não costumo ler esse tipo de livro,primeiro porque não faz meu gosto literário e segundo porque esse tipo de romance é sempre cheios de clichês,ou seja,são todos mais do mesmo.Apesar de você dizer que esse foge um pouco dos clichês dessa febre literária "hot" eu não leria,mas parece ser bem bacana pra quem curte.

    ResponderExcluir
  9. Oi Barbara,
    Eu não ligo de ler livros clichês, até gosto quando quero um entretenimento mais leve, mas a sinopse tem que me chamar atenção, mesmo sendo clichê e isso não aconteceu com Atraído :/ e mt provavelmente não o lerei. Mas que bom que encontrou uma mocinha mais destemida, ultimamente só tenho pego livros com protagonistas insossas.

    Beijos,
    Andréia - StarBooks

    ResponderExcluir