27 de julho de 2014

Lançamento 'Enquanto a Chuva Caía' - RS

POSTADO POR EM 27 de julho de 2014

Oi, gente. Tudo bem?


Rolou no último sábado na Livraria Cultura aqui em Porto Alegre um bate-papo seguido de sessão de autógrafos com a autora Christine M., autora de Enquanto a Chuva Caía, um dos lançamentos recentes da editora Novo Conceito.


O evento foi todo organizado pela Luciana Corrêa, do blog Leitura Maravilhosa, e estava impecável. Lu e Chris são amigas desde o lançamento do primeiro livro da autora, Sob a Luz dos Seus Olhos, lá em 2012. 

Além de Sob a Luz dos Seus Olhos, Christine lançou outros dois livros pela editora Underworld. Meus Melhores Rascunhos é uma junção de vários textos da autora publicados em seu blog. O Que Não Diz a Lenda é uma distopia e confesso que já estou doido para ler, mas infelizmente o livro não se encontra mais à venda após o fechamento da editora. Vamos torcer que a Novo Conceito relance todos os livros da autora.


Christine é uma autora super querida e acessível. Atendeu todos os leitores até o fim e sempre com um grande sorriso no rosto. Já me apaixonei pela pessoa, agora estou doido para conhecer seus livros, então vou apresentá-los para vocês.

“Essa é a nossa vida. [...] Toda transformação que um ser humano pode sofrer porque disse sim, toda a magia que só existiu porque, em um dia qualquer, nossos olhos se cruzaram.” Elisa é uma garota determinada com todo o futuro pela frente. Está partindo para a gélida e cinzenta Londres com todas as expectativas lotando sua bagagem. Nesse cenário, conhece Paul, um jovem de espírito livre e com uma promissora carreira de ator. Tudo poderia ser apenas um romance casual. Entretanto, Paul e Elisa são dois seres nos quais os rótulos não se encaixam. Graças à entrega incondicional e dedicação, puderam vivenciar tudo o que amor pode ser. Ela encontrou em seus olhos azuis a força para ultrapassar todas as barreiras que sequer imaginaria ter de enfrentar. Ele descobriu que as várias nuances dos olhos dela o levariam a uma trajetória oposta àquela que sempre planejou. Com eles, podemos viajar desde a tradicional e britânica York, às belas praias de Angra dos Reis, até as charmosas paisagens de Santa Mônica, na Califórnia, em uma trama intensa vivida e mostrada através dos olhos dos amantes. Contudo, o amor entre os dois jovens vai além do pitoresco. Ultrapassa o cotidiano e invade as questões existenciais humanas, se transformando em um convite à reflexão sobre o autoconhecimento e a incapacidade de prever do que somos capazes. Um romance repleto de reviravoltas, emoção e dinamismo, capaz de prender o leitor até o último capítulo. Muito mais do que uma história de amor furtiva ou pueril, “Sob a luz dos seus olhos” relata de maneira envolvente como esse sentimento pode mudar vidas e construir pontes que nem mesmo o tempo e o espaço podem destruir. O que você faria por amor? Eles fizeram tudo!
Sob A Luz dos Seus Olhos foi a estreia literária de Christine e teve uma enorme repercussão devido ao sucesso. Chris chegou a ser apelidada de Sparks de Saia. E essa capa, gente? Saudades do carinho que a Under tinha com seus livros.


As primeiras publicações de Christine M. foram feitas pela internet e, após quase dez anos de escrita, seus melhores textos foram selecionados e transformados em livro. “Meus Melhores Rascunhos” traz uma coleção de crônicas, contos, versos e aforismos retirados de seu antigo blog e também inéditos. A maior característica da obra é o tom intimista, quase pessoal, pois, nesse caso, poderemos apreciar as linhas despretensiosas da autora que sempre viu na escrita, antes de qualquer coisa, um modo de florescer e de se conhecer melhor. Espere textos com romance, sensibilidade e transparência. Um apanhado de pensamentos e sensações da jovem autora que se transformou em um livro encantador. 


Meus Melhores Rascunhos são pequenos textos da autora, que escreveu em diários a vida inteira. A maior parte dos textos são do blog que ela mantinha, mas alguns são inéditos. Durante o evento, passaram vários trechos no telão e deu uma vontade enorme de conhecer mais sobre ela, já que muitos foram realmente vividos pela autora.

“Meu nome é Alice e, acredite, eu não estou no país das maravilhas.” E se tudo o que você conhece não fosse real? E se as desordens climáticas, desastres naturais e catástrofes ecológicas fossem estrategicamente planejados? E se fosse seu destino mudar tudo isso? Criada num ambiente ambíguo e com frágil estabilidade, Alice sempre soube que havia peças que não se encaixavam no delicado quebra-cabeça de sua vida. Até que ela decide preencher as lacunas de seu presente utilizando pistas de seu passado. Para acompanhá-la nessa jornada estão: Ian Orlov, um misterioso russo que abriga suas mais ternas e agora perigosas lembranças, e o capitão Natan, um jovem que promete remexer suas concepções já estabelecidas. Conforme avançam em suas descobertas, todos terão que decidir entre suas escolhas pessoais e tomar parte na maior revolução da humanidade. Esta é a história de uma garota que buscou respostas onde ninguém poderia imaginar, mesmo que isso significasse perder-se dentro de si própria. Entretanto, quando mergulhamos tão fundo, há volta? Emocione-se com a saga de uma heroína que não tem medo de errar, agir segundo seu coração e questionar o inquestionável enquanto procura seu lugar no mundo em meio à guerra, fuga e desolação. Siga os passos de Alice ao redor do globo desvendando sua trama e testemunhando suas escolhas. Junte-se ao coronel Jeremy, à doce amiga Kathy, seu irmão Henry e a outros personagens cativantes. E prepare-se, pois o que ela desvendar poderá mudar seu mundo, mas apenas se você tiver coragem para descobrir o que não diz a lenda. 
Distopia é meu nome do meio, né, gente? Então nem preciso dizer que é o que mais me chamou atenção. O booktrailer é sensacional e ainda anuncia que aborda memória genética. Ao ler essas palavras, eu quase tive um surto psicótico. Há séculos que procuro um livro que entre nesse tema.

Erik não procura mais a garota dos seus sonhos. Vive em busca de adrenalina e de uma razão para continuar cumprindo tarefas obscuras. Ele sabe que é muito bom no que faz e não vê nada que possa ser melhor do que os seus dias repletos de perigo. O que Erik não esperava é que sua paixão por correr riscos seria a sua ruína. Ameaçado, ele precisa fugir para o exterior e viver disfarçado de cidadão comum, trabalhando como advogado em uma grande empresa. Marina comanda o império da família depois de seu pai ter sucumbido ao mal de Alzheimer. Precisa suportar ver os pais tombarem diante da ação implacável do tempo, enquanto ainda carrega a ferida provocada pela morte do jovem marido. Com o comando das empresas nas mãos, ela percebe que nem todas as atividades da corporação obedecem aos manuais de boa conduta. Quando ambos se encontram, presente e passado se misturam, dando início a um mistério arrebatador que os atrai a uma paixão incontrolável. No entanto, os segredos, cedo ou tarde, virão à tona e os colocarão em lados opostos da balança. Nenhum dos dois é inocente, mas será que eles aceitarão as verdades que tanto se empenham em esconder? É possível construir um futuro mesmo depois de descobrir que nesta história não há mocinha nem herói? 
Enquanto a Chuva Caía é um romance com uma pegada policial que mostra a versatilidade da autora por mudar de gênero abruptamente e ainda assim se sair bem. Barbara já leu esse livro e está apaixonada. Logo mais sai resenha para vocês.



Após o bate-papo foi a sessão de autógrafos. Lu teve a brilhante ideia de, na entrada do bate-papo, distribuir guarda-chuvas de chocolate numerados, que além de serem nossas senhas para o sorteio, seria a ordem para os autógrafos. Minha senha era a de número quatro e me deu sorte. Além de ser um dos primeiros do autógrafo, ganhei um bloquinho de post-it. Foi sensacional.

Como eu disse, Christine é super acessível e ficou conversando com a gente até bem depois do encerramento do evento. Chris concordou em responder uma entrevista para o blog que deve sair em breve. Além disso, ela gravou um vídeo para a Barbara, mandando um beijo, que deixou nossa baiana preferida em êxtase. Vocês podem conferir aqui

Foi mais uma tarde agradável que passei ao lado da Mirelle e me diverti muito. É tão bom ver os autores inserindo Porto Alegre em suas turnês. Chris estará na Bienal de SP esse ano e é certo que repetirei a dose do encontro.

Com isso, me despeço de vocês, mas me contem aí nos comentários o que acharam do evento e se ficaram tão curiosos quanto eu a respeito dos livros da autora.

BEIJOS E ATÉ A PRÓXIMA!

***
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.

Clique AQUI e saiba como participar.

4 comentários:

  1. não sabia que o livro da capa roxa era da mesma autora xp
    eu tenho o livro enquanto a chuva caia mas ainda não li ele.
    assim que der vou dar uma conferida ^^
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  2. Que show o evento!! Muito legal mesmo, como eu queria que tivesse aqui por perto. Estou louca para ler Enquanto a Chuva Caía!!

    Beijos
    Nati

    www.meninadelivro.com.br

    ResponderExcluir
  3. Adorei o evento, principalmente a parte do guarda-chuva de chocolate, é muito bom saber que que o RS entrou para o roteiro dos autores também HAUAHUHAUH tô doida pra ler Enquanto a chuva caía, e os outros livros da autora também me chamaram muito a atenção, fico na torcida pra que sejam relançados. Beijos,
    livroosviajantes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Bem legal esse evento..espero que um dia ela venha aqui em Fortaleza :)

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir