9 de julho de 2014

Tá Na Estante :: 'A Deusa Cega' #253

POSTADO POR EM 9 de julho de 2014

Oi, gente. Tudo bem?


Estou de volta com mais uma resenha. Dessa vez vim contar pra vocês o que achei de um policial lançado recentemente pela editora Fundamento. Vamos conferir?!

Livro: A Deusa Cega
Autora: Anne Holt
Editora: Fundamento
Páginas: 344
Sinopse: O corpo desfigurado de um traficante de drogas. Um homem coberto de sangue vagando pelas ruas da capital da Noruega. E um advogado criminal de fama obscura assassinado com um tiro. Três eventos aparentemente isolados instigam o faro apurado de uma investigadora sagaz e irônica, que junto com seu colega mergulha em um caso com poucas pistas e muitas perguntas sem respostas. Em meio a boatos envolvendo advogados e o tráfico de drogas, mensagens codificadas e uma enorme rede de corrupção que pode chegar aos altos escalões do governo, a autora Anne Holt descreve uma teia de crimes e batalhas políticas na qual somente a deusa da Justiça pode se dar ao luxo de ter os olhos vendados.

Durante um passeio com seu cachorro, Karen Borg, uma jovem advogada encontra o corpo de um traficante de drogas completamente desfigurado. As investigações se iniciam e em pouco tempo ela se vê inserida no caso. Um homem é encontrado coberto de sangue e é apontado como principal suspeito. Ele exige que Karen seja sua defensora e a princípio ela hesita, mas acaba aceitando.

No meio disso tudo, Karen reencontra um amigo da época da faculdade, o promotor Hankon Sand, que ao lado da investigadora Hanne Wilhelmsen está em busca de pistas sobre o assassinato. Além disso, Peter Strup, um dos advogados mais conhecidos do país, pede que Karen abandone o caso, tendo em vista que ela não atua nessa área criminal e ele tem mais experiência, mas a moça recusa a proposta e segue defendendo o acusado.

Durante as investigações, mais um corpo é encontrado e logo a investigadora Hanne desconfia que há uma relação entre os dois assassinatos. Agora ela tentará descobrir o porquê dessas mortes e, ao lado de Karen e Hankon, vai se envolver em uma trama com traficantes de drogas, pessoas muito perigosas e influentes e que podem colocar o foco da investigação e a vida deles em risco.

Querem saber o que vai acontecer? Então não deixem de ler!

A Deusa Cega foi uma incrível surpresa. Ele é o primeiro volume da série da Inspetora Hanne Wilhelmsen, mas o segundo a ser trazido aqui para o Brasil (o primeiro foi 1222, o oitavo da série). O enredo é bem complexo, mas muito bem desenvolvido pela autora.

Anne Holt é uma mestra do gênero policial. Ela soube introduzir as pistas aos poucos e sutilmente no decorrer da trama. Durante a investigação, Hanne encontra um código numérico, baseado em referências de páginas de livros específicos e praticamente inquebrável. Muitas vezes parecia que ela não conseguiria encontrar todas as respostas. Além disso tudo, tem o fato de que pessoas poderosas estão envolvidas, tornando ainda mais difícil descobrir o culpado. Holt joga limpo com o leitor e consegue dar um toque maravilhoso a resolução que foi uma surpresa completa, perfeitamente feito. 

Os personagens foram muito bem desenvolvidos. Hanne faz jus ao seu título de investigadora. Ela possui uma habilidade intuitiva para chegar à solução de um crime, indo por direções que muitos julgariam falhas, mas encontrando resultado surpreendente e satisfatório, dando uma reviravolta nas investigações. Hakon é igualmente importante para a narrativa e Holt faz um excelente trabalho de desenvolvimento do personagem. Hanne e Hakon realmente funcionam bem juntos e espero ver essa parceria mais para frente. Não descarto a possibilidade de um romance entre eles.

A revisão da editora Fundamento está impecável. Não encontrei nenhum erro de digitação ou concordância. Um excelente trabalho da parte deles. A diagramação também está ótima, com um bom espaçamento e a letra com um bom tamanho. A capa é bem simples, mas tem bastante relação com a trama. Gostei!

Minhas expectativas para este livro não estavam muito altas e por isso fui arrebatado pela narrativa e já estou querendo mais. A Deusa Cega não foi uma das melhores leituras do ano, mas Anne Holt com certeza figura a lista de autores policiais favoritos. Com certeza recomendo.

***
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.
Clique AQUI e saiba como participar.

5 comentários:

  1. Oi Leonardo :)

    Eu não conhecia esse livro, muito menos a autora, mas fiquei bastante interessado depois de ler sua resenha. Vou adicioná-lo na lista de desejados. Abraços!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia esse livro..não sou mt fã de policial não mas fiquei bem curiosa com relação ao livro até saber que é uma serie u.u porque os autores só estão fazendo serie??!! isso desestimula..

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/
    https://www.facebook.com/livroaoavesso

    ResponderExcluir
  3. Oiee
    Gosto bastante de livros sobre investigação policial,já tinha visto várias vezes esse livro em alguns blogs mas nunca parei pra ler e saber do que se tratava,até agora.
    Adoro personagens e histórias bem desenvolvidas e nesse quesito a autora deve ter caprichado,me interessei bastante pelo enredo...eu leria sem problemas.
    bjoos

    ResponderExcluir
  4. Sou completamente doida por livros do gênero policial, inclusive costumo imaginar adaptações cinematográficas para todos os que leio kkkkkkk
    Enfim, ainda não tinha ouvido falar da autora, já que leio um grupo bem fechado de escritores basicamente. Mas me interessei pela sinopse, e a resenha detalhista me inspirou a ler o livro, assim que tiver oportunidade. Parabéns pelo trabalho!

    ResponderExcluir
  5. Ótima resenha. Parece ser daqueles livros que você não consegue parar de ler a té que se chegue ao final. Adoro romances policiais. E pelo que você falou, a escrita da autora é realmente muito boa. Além de que o livro envolve muitos tópicos do mundo do crime e outras coisas. Fiquei bem curiosa.

    ResponderExcluir