21 de agosto de 2014

Na Telona :: 'Sex Tape - Perdido na Nuvem' #09

POSTADO POR EM 21 de agosto de 2014

Oi, gente. Tudo bem?


Na última segunda-feira eu participei de uma cabine de imprensa aqui em Porto Alegre e hoje vim contar para vocês o que achei do filme em questão. Vamos conferir?!

FILME: Sex Tape - Perdido na Nuvem
TÍTULO ORIGINAL: Sex Tape
DIRETOR: Jake Kasdan
LANÇAMENTO: 21 de agosto de 2014
DURAÇÃO: 1h37min
DISTRIBUIDOR: Sony Pictures
CLASSIFICAÇÃO: 16 anos
SINOPSE: Jay (Jason Segel) e Annie (Cameron Diaz) são um casal que fazem sexo em todas as hipóteses em que podem. Depois de terem dois filhos, têm menos oportunidades para fazer sexo. Numa noite, enquanto as crianças estão longe, eles tentam reacender sua vida sexual. Depois de Jay lutar para conseguir uma ereção, Annie sugere fazer uma fita de sexo. Eles se filmam fazendo sexo em todas as posições listadas no livro The Joy of Sex. Depois de Annie pedir a Jay para apagar a fita, ele acaba, inadvertidamente, sincronizando o vídeo para vários iPads que o casal tinha dado ao longo do tempo. Depois de não conseguirem tirá-lo da nuvem, eles partem em busca de trazer todos os iPads com os vídeos, levando a uma série de encontros estranhos na busca.

Jay e Annie eram um casal bem, como posso dizer, fogoso nos tempos de faculdade. Tudo era motivo para sexo, não importando o lugar ou o que estavam fazendo. Os dois acreditavam que a vida seria assim para sempre, mas todos sabem que não é bem assim que funciona. Quando Annie engravida pela primeira vez as coisas já começam a complicar, mas depois do segundo filho, a vida sexual do casal era praticamente nula.

Enquanto Jay trabalha fora, Annie se dedica à família e ao lar, mas também mantém um blog, onde conta sobre sua vida a quatro. O blog faz um tamanho sucesso que uma empresa quer comprá-lo para divulgar seus produtos e Annie está radiante com a proposta. Quando a mulher liga para Jay, este também fica super contente com a notícia e quer sair para comemorar.

Quando chega em casa, preparado para um encontro em família, Jay tem uma grande surpresa. Annie quer recuperar a libido deles, há muito perdida, e essa noite será unica e exclusivamente dedicada aos dois. Com as crianças na casa da mãe de Annie, o casal tem toda a noite para aproveitar, mas não é bem assim que acontece. Depois de tanto tempo na seca, parece que os dois "esqueceram" como se faz sexo.



Após algumas doses de tequila, Annie sugere que os dois filmem a transa. A princípio Jay hesita, mas acaba concordando. O roteiro do pequeno sex tape é os dois demostrando as diversas posições do kama sutra. Finalmente a noite começa a render e o casal tem a noite que tanto precisava. Antes de dormir, Annie pede a Jay que este apague o vídeo, para evitar futuros constrangimentos.

Mas não seria um filme de comédia se tudo acabasse bem. No dia seguinte Jay recebe em seu celular uma mensagem de texto anônima, de alguém que assistiu o vídeo. Jay logo se desespera e tenta entender como o sex tape foi parar em mãos erradas. Por um grande descuido, o aplicativo do iPad de Jay sincronizou o vídeo com os outros dispositivos, que ele deu de presente a muitas pessoas. 

Agora Annie e Jay estão em uma enrascada e precisam recuperar todos os iPads, que estão desde com o filho deles até o carteiro, para apagarem o vídeo antes que esse se espalhe pela rede e comprometa os dois de uma forma irreversível.



Querem saber o que vai acontecer? Então não deixem de assistir.

Desde que divulgaram o primeiro trailer de Sex Tape eu já fiquei morrendo de vontade de assistir ao filme. Adorei a repetição da parceria de Cameron e Jason, que foi um sucesso em Professora Sem Classe (embora o filme não seja lá essas coisas). Porém, minhas expectativas não estavam muito altas, após uma série de decepções com filmes de comédia atuais. Preciso confessar que não me decepcionei, mas também não me surpreendi.

A história do filme se prende unicamente a recuperar o vídeo, mas tem algumas nuances onde apresenta os dilemas de um casal que está junto há muito tempo e isso para mim foi um grande atrativo. Adoro quando dá essa quebra, quando o enredo sai um pouco da comédia e não fica aquela coisa monótona. Falando em monotonia, algo que não gostei no filme foi a quantidade de vezes que os personagens explicavam a situação em que estavam envolvidos, como se fosse algo totalmente complexo e impossível de entender.



A atuação do casal principal estava ótima. Comentei antes da sessão que para mim o filme já tinha uma estrela só por causa da presença de Cameron Diaz no elenco. Adoro todos os filmes que a atriz faz (sim, eu gosto de As Panteras) e Sex Tape entrou para essa lista. Ela conseguiu incorporar tanto a Annie mãe de família quanto a com sex appeal do vídeo íntimo. Adoro essa característica dela. Jason Segel não é um dos meus atores favoritos, mas gostei da sua atuação no longa. A química que Jason e Cameron compartilham é mais um dos atrativos do filme.

Talvez o brilhantismo dos protagonistas tenha sido o motivo, mas achei os coadjuvantes tão apagados. Rob Lowe, que interpreta Hank, o futuro chefe aloprado de Annie, foi a única exceção. Ele também recebeu um dos iPads com o vídeo e as cenas em que Jay e Annie vão atrás do aparelho na casa dele são praticamente as mais engraçadas do filme. Esperava mais de Rob Corddry, que faz o Robbie, melhor amigo de Jay. Rob é figurinha carimbada em diversas comédias, mas estava um tanto apático dessa vez. Até Jack Black fez uma participação no longa, como o dono do YouPorn, mas eu odeio Jack Black e achei sua participação bem desnecessária.



Sex Tape cumpre seu papel de entreter o público e nos faz dar muitas risadas, daquelas que a barriga chega a doer. Eu não vi problema algum, achei o filme até recatado comparado ao que eu estava esperando, mas se você é daqueles que fica constrangido somente de ouvir falarem de sexo, nem perca seu tempo assistindo. Eu com certeza recomendo o filme a vocês e é certo que assistirei mais vezes.

TRAILER




BEIJOS E ATÉ A PRÓXIMA!
***
Essa postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA
Clique AQUI e saiba como participar

8 comentários:

  1. Leo!
    Uma coisa tenho de concordar, hoje está tudo tão explícito que uma comédia mais ousada, mas que nos faz rir a vontade, é maravilhosa!
    Boa dica.
    cheirinhos
    Rudy
    Blog Alegria de Viver e Amar o que é Bom!

    ResponderExcluir
  2. Oiee.
    Gosto muito de filmes com a Cameron Diaz, ela em si já é uma comédia.
    Pelo que você falou me parece ser uma comédia muito boa e quero conferir com certeza.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  3. Cara, amo comédia, e adoro mais ainda a Cameron Diaz, acho que esse filme vai ser imperdível para mim, sem falar que só pelas imagens das cenas que tu colocou deve ser engraçado para caramba. Com certeza vou assistir!

    ResponderExcluir
  4. Olha, fazia tempo que não ria tanto com um filme. Assisti esta semana e, sério, chorei de rir. Cameron tem um time muito bom pra comédia e Jason me surpreendeu... recomendo!!!

    ResponderExcluir
  5. Olha não vi, mas odiei Professora sem classe, esse parece ser mais divertido, porém, não o tipo de filme que me leva ao cinema.

    http://cheiadepapo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Minha Nossa, Cameron Diaz é realmente uma atriz muito boa, e ainda tem comedia, esse filme não podia ser melhor... rsrsr Vou procura-lo para assistir mas não no cinema...^.^

    Abçs Leo :)

    ResponderExcluir
  7. Eu tive o maior preconceito quando vi o nome do filme! rs
    Mas depois de ver o trailer, minha opinião mudou muito e com seu relato, fiquei com ainda mais vontade de ver.
    O filme realmente parece "recatado" para o que poderia ser. Mas isso é ponto positivo, já que inclui mais expectadores. Além disso, o humor parece na medida certa.
    Os atores são fenomenais. Só a cara do Jason já me faz rir! rs
    bjs

    ResponderExcluir
  8. O trailer é muito engraçado espero ver o filme logo haha.
    http://garotaliterary.blogspot.com

    ResponderExcluir