15 de setembro de 2014

[Semana Especial Stephen King] Apresentação + Biografia do Autor

POSTADO POR EM 15 de setembro de 2014

Heey, gente. Tudo bem?


No próximo domingo é o aniversário de 67 anos do mestre do terror, Stephen King. Como Léo e Nathy são grandes fãs do autor, resolvemos dedicar a ele essa semana especial. Durante os próximos dias apresentaremos posts sobre o autor, como resenhas de seus livros e filmes, intercalados com os posts normais do blog. Hoje vim fazer a apresentação da semana para vocês, assim como falar mais sobre King. Vamos lá?



Segunda-Feira: Biografia do Autor;
Terça-Feira: Resenha de Carrie, A Estranha;
Quarta-Feira: Resenha de It - A Coisa;
Quinta-Feira: não haverá post da semana;
Sexta-Feira: Resenha de Misery;
Sábado: Na Telona de Carrie (03 versões) + Resenha de Novembro de 63;
Domingo: Resenha de Sob a Redoma + Surpresa.

Muita coisa boa vindo aí, não é? Mas afinal, você sabe quem é Stephen King?

Stephen Edwin King nasceu na cidade norte-americana de Portland e foi criado por sua mãe, após seu pai ter abandonado à família. Stephen começou a escrever ainda na faculdade, onde também encontrou sua esposa Tabitha. Ele escrevia uma coluna para um dos jornais da faculdade, nada comparado aos livros que escreve hoje.

Sua primeira obra foi Carrie, o livro que conta a história de uma moça com problemas psíquicos, - e estaria no lixo, não fosse a esposa do King. De primeira o livro não lhe rendeu mais de 2 mil dólares, mas quando foi constatado o potencial da história, a obra lhe rendeu mais 400 mil doletas. Muita grana, hein King.



Infelizmente, após o lançamento do primeiro livro do filho, a mãe de King morreu. Isso fez com que ele se afogasse no álcool. O outro foi alcoólatra por mais de uma década e declara que essa fase da sua vida inspirou o personagem Jack Torrance de O Iluminado. Stephen curou-se com a ajuda de seus amigos e, desde então, não coloca álcool ou qualquer tipo de droga em seu corpo. Isso faz mais de 30 anos.

Ainda na adolescência King presenciou a morte de um amigo por um trem. Literalmente preso na rodovia. Muitos dizem que é graças a isso o lado negro do autor. Não podemos afirmar, só sabemos que o lado negro dele é muito bom.

Esse ano o autor completa 67 anos e figura na lista dos mais vendidos por um bom tempo dessa sua jornada. Além de livros de grande sucesso como: A espera de um milagre, O Iluminado, Carrie - A Estranha, Saco de OssosA Coisa e Cemitério Maldito, King também escreveu alguns roteiros para séries de TV e livros que fogem ao gênero horror/terror. Alguns desses livros foram bem reconhecidos e ganharam suas adaptações para o cinema, como exemplifica À Espera de um Milagre e Conta Comigo.

Stephen King é o nome quando se trata de terror. O autor já fez muito e promete fazer muito mais. Clicando aqui você fará uma visitinha ao site de onde tirei boa parte das informações desse post.

BEIJINHOS E ATÉ A PRÓXIMA!
***
Este post está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.
Clique AQUI e saiba como participar.

5 comentários:

  1. Realmente não há como negar que King é um mestre, não só no gênero terror, mas também na escrita em geral. As obras do autor são ricamente narradas e fazem tu se sentir dentro da história, por mais aterrorizante que isso seja. Como sou fã do gênero, sou suspeita para falar, mas até quem nunca leu nada do autor já ouviu o nome dele ser citado em algum lugar, o que dá uma mera ideia da importância que ele tem.

    ResponderExcluir
  2. Gostei da ideia de fazer um especial, gosto de descobrir autores que ainda não conheço e sobre seus livros. Ainda não li nada dele, mas já vou acompanhar o especial para ver se algum livro me interessa.

    ResponderExcluir
  3. Adorei saber mais sobre o Stephen King ^----^

    ResponderExcluir
  4. Bárbara!
    Homenagem muito boa ao mestre do Terror.
    Acompanharei atentamente todas as postagens porque sou fã.
    Bom demais saber sobre que é nosso ídolo.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  5. Ele é foda! Depois de anos assistindo ao filme A janela secreta (meu filme preferido) descobri que a história era baseada em um conto do King. Tá explicado porque o filme é tão bom :)

    Beijos,

    -A.

    ResponderExcluir