24 de setembro de 2014

Tá Na Estante :: 'Dexter - HQ' #305

POSTADO POR EM 24 de setembro de 2014

Oi, gente. Tudo bem?


Estou de volta com mais uma resenha para vocês. O escolhido de hoje é uma HQ, lançada recentemente pela editora Planeta. Vamos conferir?!

Livro: Dexter - HQ
Autor: Jeff Lindsay
Editora: Planeta
Páginas: 120
Sinopse: Dexter, o psicopata dos psicopatas, depois de fazer grande sucesso nos livros e na TV, agora invade as páginas dos quadrinhos. Nessa história completa, o devotado personagem deve lidar com um fantasma de seu passado: Steve Gonzalez, um valentão que perseguiu Dexter na época da escola. Porém, ele hoje é um lantropo, considerado a Madre Teresa de Miami por causa de sua Fundação Esperança, que reabilita viciados. Após um inocente reencontro em uma festa, Dexter acredita que nunca mais o verá. No entanto, uma série de assassinatos coloca os dois em rota de colisão.

Antes de começar a resenha, preciso dizer que não conheço Dexter. Eu não assistia a série, não li os livros e antes de ter a HQ mal fazia ideia da premissa da história. Então, algo que eu falar aqui pode ser óbvio para os fãs, mas para mim foi uma grande novidade.

Nessa história, Dexter está revivendo seu passado. Ele recebeu um convite para a cerimônia de reencontro com seus colegas de escola. Dexter nem cogitou a possibilidade de ir à festa, mas após a insistência de sua esposa, os dois retornam ao local onde ele se formou.

Dexter reencontra um fantasma de seu passado, Steve Gonzales, que na época de escola era um valentão que o provocava constantemente. Isso até Dexter mostrar sua verdadeira face para Gonzales ao levá-lo para sua "mesa", na tentativa de torturá-lo. Depois disso, Gonzales nunca mais o provocou, até tornou-se simpático.

Misteriosamente, poucos dias após a festa de reencontro, a equipe de polícia da qual Dexter faz parte encontra um corpo próximo a Fundação Esperança que, coincidentemente é dirigida por Gonzales, que se torna o principal suspeito do crime e de outros que se seguem. 

Porém, o homem parece realmente ter se reestruturado e transformado-se em uma boa pessoa, até sendo conhecido como a Madre Teresa de Miami. Dexter não deixará isso sem ser esclarecido e, com a ajuda de seu alter ego das trevas, o Passageiro Sombrio, entrará a fundo nessa investigação para descobrir a real identidade do assassino.

Querem saber o que vai acontecer? Então não deixem de ler.

Após a leitura da HQ, concluí uma coisa: Dexter é um serial killer psicopata. Nosso protagonista mata apenas as pessoas que são culpadas de algum crime e é extremamente meticuloso com suas vítimas, mas mesmo sendo casado e sempre tendo a melhor das intenções, Dexter não possui sentimentos afetivos por ninguém. 

Eu não sou muito fã desse formato de livro, mas fiquei tão curioso que acabei solicitando para a editora. Também não faço ideia de como funciona a publicação das HQ's lá fora, mas pelo que pude perceber, esse livro conta com 05 volumes, que fecham um ciclo. Ou seja, essa história tem começo, meio e fim.

Achei a premissa do livro bem interessante, até fiquei curioso quanto à série de TV. A trama se desenvolve rapidamente, mas sempre com um toque de mistério e aquela dúvida se os suspeitos estão ou não dizendo a verdade. Há bastante ação e o fato de ser uma HQ faz com que leiamos em pouquíssimo tempo.

Os personagens são muito bem caracterizados, mas acredito que os fãs de Dexter devam conhecê-los mais profundamente. Minha personagem favorita foi, sem sombra de dúvida, Debra. Portadora de um humor sarcástico, Debra está sempre trocando farpas com seu irmão Dexter, mas quando precisa ter pulso firme, ela consegue fazê-lo, além de ter sempre a última palavra.

As ilustrações de Dalibor Talajíc são muito bem desenhadas e auxiliam demais a nossa inserção na trama. A Editora Planeta está de parabéns com essa edição. O livro é em capa dura e o título e a ilustração são com verniz localizado. Seu formato é um pouco maior que os livros normais, basicamente do tamanho de uma HQ americana mesmo.  A separação dos volumes foi muito bem feita, de forma que não confunde o leitor.

Eu com certeza recomendo este livro a vocês. Foi uma leitura super rápida e agradável e ajudou a conhecer mais sobre esse personagem que fez tanto sucesso nos últimos anos. Só o design do livro já vale muito a pena, mas a trama é um bônus a mais. Espero que gostem tanto quanto eu.

BEIJOS E ATÉ A PRÓXIMA!
***
Este post está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.
Clique AQUI e saiba como participar.

5 comentários:

  1. *o* amo de paixão histórias em quadrinhos! também não conhecia Dexter, mas agora quero conhecer, parece ser bem legal.

    ResponderExcluir
  2. Histórias em quadrinhos são tudo de bom, quando junta com Dexter então, fica perfeito. Eu fiquei completamente ansiosa quando soube desse lançamento, e não vejo a hora de poder conferi-lo. Gosto muito da premissa e da trama que envolvem os livros do Dexter, sem falar que o tema me atraia bastante, afinal, quem resiste a um bom mistério?

    ResponderExcluir
  3. Leo!
    Para mim Dexter é meu anti herói favorito e já assisti a série completa, totalmente apaixonada por ele.
    E fico muito feliz e ver que até em HQ o estão privilegiando.
    Adorei sua avaliação e vi que deu 4 estrelas, sinal de que gostou.
    Feliz em saber que as personagens ficaram bem caracterizadas.
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Não assistir a série ainda e nem li o livro, não sou também de ler HQ, mas a história parece ser bem interessante. Essa sim seria uma obra que eu só leria depois de assistir a série e ler os livros.

    ResponderExcluir
  5. Não curto HQ, mas curto Dexter e nem ao menos sabia que existia a HQ. Amo a série. É umas das minhas favoritas <3

    Beijos

    -A.

    ResponderExcluir