18 de outubro de 2014

Na Telinha #21 :: ' How To Get Away With Murder '

POSTADO POR EM 18 de outubro de 2014

Olá Turminha!

Decididamente, esse último semestre do ano tem sido um presente para mim. Um presente tão grande, que quase não tenho tempo para desfrutar de tudo o que ele oferece. E é claro que esse presente são todas as novas estreias na telinha. Para hoje, escolhi uma série que está mexendo absurdamente com o meu psicológico: How To Get Away With Murder!

Quando dei uma olhada nas sinopses das séries estreantes, How To Get Away With Murder não me chamou atenção imediatamente. Acho que o poster não me atraiu, ou algo assim. Mas, na semana passada, parei para ler a sinopse de todas e imediatamente surtei com essa série.

Muitos de vocês podem não saber, mas eu sou uma fanática por Grey's Anatomy. Simplesmente idolatro aquela série. Então, quando li a sinopse de How To Get Away With Murder, descobri que a produtora é a Shonda Rhimes, a criadora de Grey's. Nem preciso dizer que surtei, certo? Corri para assistir os episódios já lançados. Meu Zeus, estou em choque com essa série até agora!

A série acompanha a advogada de defesa criminal Annalise Keating e um seleto grupo de estudantes que trabalham com ela. Annalise é impiedosa, tanto no tribunal quanto em sala de aula, não mede esforços para ganhar seus casos, que - em sua maioria - são brutais e violentos.

Ela é brilhante e geniosa, não aceita perder. É o tipo de professora que você sempre sonhou em ter na faculdade, daquele tipo que te lembra o porque escolheu a profissão, em primeiro lugar. Annalise é uma personagem bastante complexa. Por trabalhar diariamente com criminosos que mentem desvariadamente, ela aprendeu a não confiar em ninguém. Não confia em seus clientes, nem em seus estudantes, muito menos em seu marido.

No primeiro episódio temos uma prévia do que é uma aula com ela. Ela não gosta de teorias, ensina tudo na prática. Pega casos em que está trabalhando e estimula seus alunos a elaborarem teorias e soluções com base nas informações que ela fornece. Com base no primeiro caso analisado em aula, ela escolhe cinco estudantes para trabalharem com ela, como estagiários. Eles são: Connor Walsh, Michaela Pratt, Asher Millstone, Laurel Castillo e Wes Gibbins.

Connor é um destruidor de corações, e muitas vezes usa sua beleza para conseguir informações internas sobre os casos que está trabalhando. Ele é astuto e sofisticado, e está acostumado a conquistar tudo o que deseja. Ele e seus colegas estão sempre competindo pela atenção de Annalise.

Michaela Pratt é a típica prom queen. Leva a perfeição muito a sério e tem uma ambição sem tamanho. Porém, dentre os cinco, ela é quem cede à pressão com mais facilidade, ganhando assim o título de "Rising Star".

Asher Millstone é um playboy da alta sociedade. Faz o tipo sabe-tudo espertalhão e passa 99% do seu tempo sendo irritante. É o que tem menos destaque dentro da trama principal. Para mim, é o tipo de personagem inútil, que só está presente para completar um número.

Laurel Castillo é a mais quieta do grupo. É reservada e costuma guardar seus pensamentos para si mesma. Mas, como seus colegas, também é ambiciosa. É extremamente idealista e sensível, e isso, às vezes, faz com que ela seja subestimada pelos outros estagiários.

Wes Gibbins é o mais cativante dentre o grupo. Não é tão genial quanto seus colegas, na verdade ele só conseguiu entrar no curso de Annalise depois que outro estudante desistiu, então ele foi chamado da lista de espera. Ele é simpático e amigável, mas essas características - junto com o seu senso de justiça - acaba o colocando em algumas situações críticas.

E, para completar a trama maravilhosa tecida pela Shonda, temos mais alguns personagens essenciais: Frank Delfino, Bonnie Winterbottom, Rebecca Sutter e Nate Lahey. Frank e Bonnie são os auxiliares de Annalise. Eles a ajudam a supervisionar os estagiários e a conseguir informações sobre os casos. Estando tão próximos de Annalise, os dois acabam presos em alguns dos secretos que cercam a professora.

Rebecca Sutter é a vizinha de Wes. Ela foi acusada pelo assassinato de uma estudante da faculdade. E esse assassinato abre as portas para o plot principal da série. Wes não suporta vê-la levando a culpa por um crime que ela não cometeu e acaba convencendo Annalise a representá-la no tribunal.

O envolvimento de Annalise no caso Rebecca vai desafiar muitas convicções, valores, sonhos e esperanças, tanto dela quanto de seus alunos. Somos guiados por esse mistério enquanto ela ensina a eles sobre a dura lei e o sistema judiciário dos Estados Unidos.

Nate Lahey é um detetive que trabalha para a polícia local e que mantém um caso extraconjugal com Annalise. Ele é o responsável por fazer Annalise enfrentar os segredos que cercam sua vida, muitos deles envolvendo o seu marido.

A série, em seu todo, é um thriller de suspense, feito especialmente para entrar na sua cabeça e te fazer criar todo tipo de teoria. Os episódios intercalam flashbacks do presente com as aulas passadas de Annalise. Assistimos os estagiários tentando aplicar desesperadamente tudo que aprenderam em classe para se livrarem de uma acusação de assassinato.

É o tipo de série que te prende, te faz querer mais, te tira o sono. E para comprovar isso, How To Get Away With Murder é a série estreante com maior audiência nessa fall season. Não esperava outra coisa, já que Shonda Rhimes possui o dom de criar séries fantásticas e que caem no amor de todo mundo.

Sem sombra de dúvidas, How To Get Away With Murder já entrou na lista das minhas séries favoritas. Daquele tipo que se tiver dez temporadas, eu acompanharei todas as dez. Recomendo para qualquer pessoa que goste de um bom suspense. Mas chega de falar. Vou embora agora, porém antes deixo vocês com o trailer, para atiçar um pouquinho a curiosidade nessas cabecinhas.


Beijinhos e até a próxima!
***
Este post está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.
Clique AQUI e saiba como participar.

11 comentários:

  1. Eu sou louca pela série Grey's Anatomy também, é uma das minhas preferidas. A sinopse dessa série também não me agradou muito, mas vale a pena da uma olhada um pelo menos um episódio se quem produz a série também é a perfeita da Shonda Rhimes.

    ResponderExcluir
  2. Oi Nathalia. HTGAWM já está na minha lista. Só pelo título e pela produtora ser a Shonda garantiram minha assistida rs... Mas ainda não assisti um ep sequer. Vou esperar a temporada acabar pra assistir td de uma vez só.

    ResponderExcluir
  3. gostei nat e confesso que eu não conhecia não. vou ver se dou uma olhadinha nessa serie pq fiquei interessada *u*
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  4. Pode me matar se quiser, mas eu não consigo assistir Grey's Anatomy. Acho que a trama não me chama atenção. Em compensação, essa série é bem meu gênero. Adoro séries investigativas, e essa advogada parece ser daquelas que não desistem de um caso, por mais difícil que ele seja. Amei demais!

    ResponderExcluir
  5. Menina eu também sou forevermente apaixonada por Grey's Anatomy, é a série que acompanho a mais tempo.
    Eu até assistiria essa se tivesse tempo, já acompanho quatro séries (Grey's, White Collar, Gilmore Gilrs e Arrow), então pra mim já deu, não tenho tempo pra mais nenhuma. Mas se tivesse eu assistiria aos primeiros episódios pra ver se ia gostar tanto quanto você.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  6. Bem meu tempo para ver séries está bem curto rsrsrs mas que sabe tenho um tempo vago néh? me interessei bastante .bem meu gênero :3
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Sinceramente eu curto muuito este tipo de serie
    Mas em alguns pontos, a serie parece ser bastante interessante!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi, Nathalia.

    Não assisit Grey's Anatomy.
    Não gosto muito de coisas ligadas ao gênero policial.
    Estou com tantas series atrasadas que acho que no momento não começaria nenhuma. >.<

    Visite: http://paradisebooksbr.blogspot.com.br/

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Concordo Nathalia, a série é bem interessante! Nunca vi nada assim, é tipo House ou Leverage, só que no ramo do Direito. Com certeza vou conferir.

    Autor de Mestre de Marionetes
    www.laplacecavalcanti.com

    ResponderExcluir
  10. Eu gosto de Grey's Anatomy, apesar de não segui-la ao pé da letra, mas mesmo sabendo do detalhe da autoria, nao me interessei pelo filme.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  11. Nathália!
    Gosto de Grey's Anatomy não tanto quanto nas primeiras temporadas, mas ainda assisto e gosto demais de Scandal, outra série boa demais.
    Já anotei aqui para ver se consigo acompanhar How To Get Away With Murder, mas dá uma dica aí, é pelo pc, pela tv aberta, por canais fechados? Qual?
    Tenha uma semana de sucesso!
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir