15 de outubro de 2014

Tá Na Estante :: 'Onde Deixarei Meu Coração' #318

POSTADO POR EM 15 de outubro de 2014

Hey turma!


Espero que ainda não tenham se enjoado da minha presença constante aqui. E para hoje, escolhi falar de uma fofurinha em forma de livro que se chama Onde Deixarei Meu Coração. Vamos conferir?

Livro: Onde Deixarei Meu Coração
Autora: Sarra Manning
Editora: Galera Record
Páginas: 336
Sinopse: Simples, careta e sem graça. É assim que Bea se vê. Então quando a super descolada Ruby e seu bando de populares passam a se interessar por sua opinião, isso só pode ser uma pegadinha. Certo? Pelo menos é assim que sempre acontece nos filmes... Mas o convite para passarem as férias em Málaga parece pra valer. E com um bônus: Bea pode se afastar da mãe irritante e controladora. No entanto, depois de apenas 48 horas na Espanha, Bea se flagra mudando o itinerário. A menina decide visitar Paris para encontrar o pai que nunca conheceu. Afinal, a cidade luz pode emprestar um pouco de clareza a um período nebuloso de sua vida familiar. No caminho, ela conhece Toph, um estudante americano mochilando pela Europa. Enquanto procuram pelo pai dela nos cafés e boulevards de Paris, ela perde a cabeça em vez disso. Será que Bea é a garota de Toph ou a boa menina que sua mãe espera que ela seja? Ou será esse o verão mágico em que Bea finalmente torna-se dona do próprio nariz?

Para mim, é impossível começar a falar desse livro sem comentar dessa capa maravilhosa. Esse é um ponto que sempre ressalto em minhas resenhas, pois acredito que a capa é o cartão de visitas de um livro. Se você não gosta, não se interessará o suficiente para conhecê-lo melhor.

Em Onde Deixarei Meu Coração temos um lindo trabalho de capa, melhor que a capa original, devo ressaltar. E a capa foi justamente o meu primeiro contato com esse livro. O encontrei, meio sem querer, em uma peregrinação pelo tão adorado Skoob. Gostei tanto da capa que tive que abrir o link para ler a sinopse. E eis que surge o segundo ponto que definitivamente me convenceu a ler o livro: Sarra Manning.

Já tive a oportunidade de ler Os Adoráveis, também da Sarra, e simplesmente me encantei com o jeito único de escrita que a autora tem. Nem preciso dizer que pirei completamente quando a Galera anunciou o lançamento, não é?

Mas vamos ao que interessa. Em Onde Deixarei Meu Coração, entramos na vida de Bea. Ela se imagina como a adolescente mais sem graça e invisível da face da Terra. Bea tem 17 anos e sofre com a proteção exagerada de sua mãe, mora em Londres e trabalha aos sábados na loja mais careta e conservadora de toda a cidade. Resumidamente: o ponto alto de sua semana é praticar pilates com sua avó!

Ao meu ver, Bea está naquela fase de descoberta pela qual todos nós passamos. Ainda não tem seus ideais definidos e se sente totalmente perdida ao pensar no futuro. Seu consolo está no hobby que adquiriu: estudar a França

O interesse de Bea pela França surgiu quando sua mãe lhe contou que seu pai era um francês e que a abandonou logo quando descobriu que a mesma estava grávida. Desde então, Bea tem esse estranho fascínio pela cultura francesa: estuda o cinema, a língua, costumes típicos, culinária, tudo relativo ao país. Para ela, é como um modo de se preparar para quando conhecer seu pai.

Pela descrição, podemos imaginar Bea como a típica nerd que toda escola tem: introvertida e insegura. Porém, tudo isso muda quando, de repente, ela é inserida no reservado mundinho cor-de-rosa das "populares".

Bea nunca foi acostumada com tanta atenção, então ter sua opinião considerada importante por suas novas "amigas" é uma grande coisa para ela. Ela mal consegue acreditar quando a líder do grupo, Ruby, a convida para passar as férias na Espanha! Como conhece muito bem sua mãe, Bea pensa que ela não a deixará ir na viagem com as meninas. Mas com muitos avisos, e os dois pés atrás, ela acaba concordando.

Porém, quando chegam em Málaga, Bea descobre que foi usada e que tudo fazia parte de um dos planos malignos de Ruby. Humilhada, revoltada e um pouquinho surtada, ela embarca em um trem para Paris, determinada a encontrar seu pai. Mas durante a viagem ela acaba pegando no sono, e quando acorda está em uma cidade completamente desconhecida!

Vagando pela cidade, ela encontra um grupo de mochileiros e vê neles a sua salvação. O grupo é composto por 5 jovens americanos. Eles estão em uma viagem de despedida das aventuras antes de entrarem na faculdade. Dentre o grupo está Christopher, ou Toph, como todos o chamam.

Bea descobre que o próximo destino dos garotos é Paris. Com um pouquinho de dúvidas, ela resolve se juntar a eles em sua viagem. Mal ela sabe que nesse itinerário improvável, ela irá encontrar novos amigos, a si mesma e até terá uma conversinha com o seu passado.

Onde Deixarei Meu Coração é, acima de tudo, um livro sobre amizade, amor e descobertas. Sobre aceitação. Sarra é uma perita no quesito aceitação, já que não segue nenhum padrão imposto pela sociedade. E isso se reflete nos seus livros.

A narrativa começa extremamente monótona. A Bea que encontramos no início é uma personagem totalmente insípida, sem atrativos. Durante o desenvolvimento da trama, presenciamos claramente o crescimento da personagem, bem como o crescimento da narrativa da Sarra.

A Bea tímida do início dá lugar para uma Bea guerreira, que não tem medo de enfrentar qualquer que seja o obstáculo que a vida jogar na sua frente. Juro que no começo da leitura, duvidei seriamente que o livro fosse me agradar. E acho que isso acabou sendo um coisa positiva, pois a história teve a oportunidade de me surpreender.

Onde Deixarei Meu Coração é o típico young adult, afinal, acompanha justamente essa fase de nossas vidas. Um ponto que me agradou imensamente na trama é a mudança de cenário. Nossa personagem principal mora em Londres, mas a trama não fica presa a somente essa cidade. Ela viaja, e nos dá a oportunidade de imaginar os cenários e as locações, conforme Bea explora a Europa.

Poderia comentar os inúmeros pontos positivos da narrativa da Sarra, mas não quero ficar repetitiva. Então vou mudar ligeiramente o assunto para o trabalho da editora. Como já comentei, a capa é magnífica. Depois que passamos a conhecer a história, ela passa a fazer mais sentido ainda. Se encaixa perfeitamente, como um quebra cabeças, e completa a trama criada pela a autora de forma maravilhosa.

A revisão é excelente, só me desapontei um pouquinho com a diagramação. Com uma capa tão maravilhosa dessas, seria de se esperar que a editora dedicasse um tempinho às páginas internas também. Mas tudo o que temos é uma diagramação simples, apenas com letra diferenciada na troca de capítulos.

Para finalizar: recomendo o livro para quem está precisando de uma leitura leve. Não é o tipo de livro que irá te jogar em uma ressaca literária profunda, mas também não é o tipo de livro que irá te atormentar durante a leitura.

E, para não perder o costume, eu vou embora e deixo com vocês um pequeno trechinho do livro de hoje.

– Você não precisa ser nenhuma outra pessoa. Pode ser só você. – Ele esticou o braço para pegar a minha mão e passar os meus dedos pelos dele. – Não sei por que você se diminui tanto.
– Porque não sei se eu sou a Bea que você acha que eu sou ou a Bea que conheço, que é chata e sem graça e passa o tempo todo nesse mundo de sonhos idiota porque não consegue descobrir como fazer com que sua vida de verdade corra como ela quer.

Beijinhos e até a próxima!
***
Este post está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.
Clique AQUI e saiba como participar.

42 comentários:

  1. Nathalia!
    Amo suas resenhas ,você realmente cativa aos leitores a ler o que você escreveu parabéns!
    A capa é realmente linda deemais! a história então melhor , vou ver se consigo pedir para minha mãe de dia das crianças atrasado rsrsrsrsr.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oiee Nath!
    Assim que vi essa capa e sabia que precisava ler esse livro, porque confesso que as capas tem um grande peso pra mim, elas as vezes acabam fazendo a diferença.
    Que bom que não só a capa é linda como a história dentro dela também é bem legal. Amei saber que é um livro leve, pois é exatamente esse tipo de leitura que estou precisando no momento. Quero muito conhecer e ver o crescimento de Bea ao longo dos capítulos.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  3. A capa realmente é a primeira coisa que chama atenção no livro, pois é maravilhosa, e a editora está de parabéns por isso. Quanto à história, achei-a diferente, mas ainda não senti aquela vontade imensa de ler. Gosto de livros que te toquem, e leituras leves realmente não me atraem tanto quanto deviam. Mesmo assim, acredito que o enredo seja super fofo, e é sempre bom ver uma personagem evoluindo tanto no decorrer da narrativa.

    ResponderExcluir
  4. Que capa mais fofa, eu com certeza compraria o livro apenas pela capa, sem mesmo ler a sinopse. Esse é tipo de livro que eu gosto de passar a tarde toda lendo, uma leitura leve é sempre bom. Adorei e história e pretendo ler logo :)

    ResponderExcluir
  5. Oi Nathalia! Adorei a sua resenha, eu amo essa capa *-* não sei porque a sinopse me lembrou de Ana e o Beijo Francês, só por causa da França e por ser YA mesmo hehe fico feliz que a estória seja tão boa quanto a capa :) já tá na minha listinha, eu compraria só pra fazer decoração com essa capa hahaha quando você falou que ela pegou um trem da espanha pra paris eu só fiquei pensando no quanto ela gastou! haha mochilão na europa é caro! tô curiosa agora ^^ beijos!

    ResponderExcluir
  6. cara, eu n costume ler mtos livros assim, mas meio q já está demais esse lance de meninas que nao se sentem bonitas o bastante, descoladas o bastante... Eh assim com a menina de cinquenta tons de cinza, a bela do crepusculo, tris de divergente e por ai vai.... dessa vez eu passo a dica.

    ResponderExcluir
  7. OI, Nathalia.

    Estava de olho nesse livro desde que vi anunciando o seu lançamento, e a capa do livro tem que me chamar muito a atenção se não acabo nem acabo lendo a sinopse. Não sabia que ele era um YA, mas isso não me desagrada. E bom saber que o livro não fica preso a apenas um local e você passeia com Bea em alguns locais. Quero saber mais sobre esse Toph (Isso me fez lembrar de Avatar a lenda de Aang, uma amiga dele se chama Toph).
    Mas quero muito ler esse livro.

    Visite: http://paradisebooksbr.blogspot.com.br/

    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Só a capa e o fato de envolver Londres e Paris já me ganharam. Achei a história super diferente, se surgir a oportunidade lerei. <3

    Faltou Açúcar

    ResponderExcluir
  9. A capa e fofa e doce! Como a historia! Quero muuito ler
    pois fiquei muuito maravilhada pela historia muuito emociante
    e gostosa de ler

    ResponderExcluir
  10. Nossa entrei aqui exatamente por causa dessa capa, agora ainda mais amei a resenha!!! Com certeza entrou pra listinha!!!
    Beijokas
    Jeh
    www.jeitodler.com

    ResponderExcluir
  11. Nathy, olha eu aqui!
    Curti sua resenha. Gosto do uso das palavras que você faz - tão natural.
    Não escreverei muito, pois não sou como você que tem esse dom para a escrita.
    bjos e até.

    ResponderExcluir
  12. Já tinha ouvido falar desse livro e me encantei com a capa também (eu amo a França e tudo o que diz respeito a ela <3). Sua resenha ficou muito linda e fiquei com vontade de ler, parece ser um livro ótimo para ler no verão.
    Beijos

    http://vidasempretoebranco.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. que capa e que historia linda,to apaixonada e doidinha pra ler ele.

    ResponderExcluir
  14. Ah, gente. Que livro incrível ♥
    Quero ele pra mim. E essa história? Necessito dele.
    Lindo demais.

    beijos :*

    www.eduardalins.com

    ResponderExcluir
  15. Também tenho um sonho antigo de conhecer a França, e ando planejando algo a respeito. Creio que ler este livro vai me animar muito. Valeu!

    ResponderExcluir
  16. a capa do livro "onde deixarei meu coraçao" e linda. e pela resenha, eu pude notar que a historia tambem e. pude observar que bea e uma sonhadora e apaixonada. eu me interessei mais ainda pela historia, pq ela fala sobre a cidade de Paris. Que e um sonho.

    ResponderExcluir
  17. Me identifiquei muito com essa personagem: Bea. Vivi um pouco desses dramas também e, na verdade descobri que a descoberta de si é uma tarefa constante.
    E ainda, tendo como palco de fundo a França... Deve ser muito bom.
    Acho que vou gostar de ler esse livro :)

    ResponderExcluir
  18. A capa é linda e me chamou bastante atenção. A sinopse do livro me deu uma certa curiosidade e vontade de entrar no mundo de Bea.
    Já estar na lista de livros para ler!

    BJS!!

    garotatalentosa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Sempre é bom ler romances leves de vez em quando. E este tem uma história bem interessante e cativante. Seus comentários sobre o livro me conquistaram e amei a capa. É de um capricho só. Beijos.

    ResponderExcluir
  20. Sabe quando você tem vontade de ler o livro....pelo lugar onde passa? É esse. Quando vi a capa e depois o que falavam dele adorei. Parece ser uma trama bem gostosa, o lugar onde se passa é um sonho e....só quero ler pra ontem!

    ResponderExcluir
  21. OI, Nathy. Amo seu blog, sua resenhas, sua page no facebook, sou sua fã... parabéns pelo seu trabalho... amo, amo muito ler, e esse livro parece ser perfeito, falta apenas ganha-lo para ler ^^

    ResponderExcluir
  22. Amei a capa, muito linda, o livro parece ótimo, curto muito uma leitura leve, depois de encarar uma história bem tensa.

    ResponderExcluir
  23. A capa é mesmo linda e o enredo parece leve e gostoso de ler... Muito obrigada por compartilhar as suas impressões do livro... Bjinhos

    ResponderExcluir
  24. A capa é linda *-*. Estou doida para ler

    ResponderExcluir
  25. Oi Nathalia, não posso começar a falar sem antes dizer que sou apaixonada por esta capa e título, uma pena saber que a editora tão teve tanto capricho assim na parte interna. Gostei do enredo e vou querer ler o livro.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  26. Já me ganhou na capa. Paris tudo de bom. Ainda não li nada da autora, mas tenho muita vontade. Esse livro parece ser ideal para se ler depois de um livro mais forte.

    ResponderExcluir
  27. Ah Nathália!
    Tão gostoso quando um livro nos surpreende para melhor.
    Gosto muito da forma como a Sarra escreve, já li Os Adoráveis também e fiquei encantada.
    Agora nesse livro o que mais me atraiu foi justamente a mudança de comportamento da protagonista em enfrentar os problemas fora do seu país e amadurecer. Lembrei de uma das minhas filhotinhas, a mais tímida e calada que juntou dinheiro e disse que ía para Europa sozinha, quase surtamos apesar de ela na época já ter 24 anos, seu bom emprego e independência...
    A capa é um show a parte, belíssima.
    Tenha uma semana de sucesso!
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. A primeira coisa que já me encantou no livro foi a capa, pois desde criança sempre tive uma paixão por paris, mesmo só tendo visto em fotos e filmes, a segunda coisa foi o título super apaixonante, depois que li a sinopse e a resenha o amor só aumentou.

    ResponderExcluir
  29. Não é o tipo de livro que eu costumo ler, mas qd se passa em Paris agente repensa, eu simplesmente acho essa cidade perfeita para histórias, ainda mais as de amor!

    Miquilis

    ResponderExcluir
  30. A capa realmente é linda!E pra mim isso conta mto,pois como vc disse é o cartão de visitas do livro.
    Mas a sinopse já me perdeu,não curti mto a premissa dele,não sei o motivo,acho que achei um pouco adolescente demais pra mim rsss
    Mas fiquei bem interessada depois da resenha.
    Bjus

    ResponderExcluir
  31. Gostei, a capa me chamou atenção e a aobra sem duvida alguma é muito boa! A trama e algo que me chamou atenção, espero poder ler esse livro em breve pois fiquei curiosa em saber um pouco mais!

    ResponderExcluir
  32. Noossa estou pirada pra ler esse livro, primeiro porque me apaixonei pela capa, ela é linda, eu sou in love pela torre Eiffel. E achei super bacana a temática do livro, trabalhar com um fase super complicada da vida da gente. Bea parece ser uma personagem bem simpática e apesar de insegura, senti que ela se joga em certas aventuras ( eu não sairia por aí com qualquer um, principalmente um grupo de homens) hahahaha. Quero ler essa obra! Beijos!

    ResponderExcluir
  33. Que capa perfeita! Eu simplesmente P-R-E-C-I-S-O ler este livro! *-* Sem falar que há algo nele que eu sempre quis fazer: Sair assim em uma aventura, e fazer novos amigos nesse trajeto... em Paris então? Meu Deus!

    ResponderExcluir
  34. Nossa, eu quero muito ler esse livro! Como você, a primeira coisa que me chamou a atenção foi a capa. Eu estava em uma das minhas infinitas idas às livrarias e me deparei com essa capa liiiiinda, e já quis comprar na hora. Mas sabe como é, seria totalmente por impulso hahahha Mas minha vontade de lê-lo não passou, adoro livros em que o personagem simplesmente sai para uma aventura!!

    ResponderExcluir
  35. Realmente, a capa desse livro é muito linda! Tive vontade de ler esse livro quando vi a capa dele na livraria hahaha
    Ainda tenho vontade de ler esse livro, mesmo sabendo que no começo a leitura é monótona, mas é bom saber que a personagem cresce no decorrer do livro. Eu estou procurando um livro leve pra ler, então devo ler esse mesmo :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  36. quando vi a capa desse livro me apaixonei de cara! ela é super linda.... Paris <3 vai ser uma leitura bem legal e descontraída. espero poder ler logo!

    ResponderExcluir
  37. Esse livro já estava nos meus desejados desde que vi entre os lançamentos da Galera, e agora só tive ainda mais vontade de lê-lo... Já imagino a raiva que a Bea passou quando descobriu que foi enganada pelas "amigas", mas ir pra Paris com certeza faz tudo ficar melhor, afinal Paris é Paris... Interessante essa história com o pai dela, já estou curiosa pra saber mais sobre... Parece ser mesmo muito bom... Vou procurar agora pra ler...
    Kisses =*

    ResponderExcluir
  38. Olá acho que conheci ele tbm pelo skoob
    Concordo que a capa é lindaaa
    Estou a procura de uma leitura leve
    Então vai pra lista!

    ResponderExcluir
  39. Eu quero muito ler esse livro, ele está no topo da minha listinha hahahah
    A história parece ser bem bonitinha, e o mais perfeito é que o destino da viajem é Paris <3
    Já é bom saber que só no começo a leitura é monótona, é minha cara abandonar o livro achando que ele ia ser assim o livro inteiro hahahahha
    Sem contar que a capa é realmente linda *-*
    Bjss

    ResponderExcluir
  40. Conheci esse livro numa divulgação por um blog, e quando vi me envolvi de uma tal maneira. Fiquei super ansiosa para lê-lo.
    E inclusive essa capa é muito linda. :)

    ResponderExcluir
  41. Oi Nathalia!

    Acho que essa é a primeira vez que visito seu blog, e adorei. Não vejo a hora de ler esse lançamento da Galera desde que vi a capa, e já li algumas resenhas que me deixaram mais ansiosa, a sua só fez aumentar minha vontade! Ouvi falar dele há um tempo na internet, e não tinha ligado o nome da autora ao livro Os Adoráveis. Espero amar a narrativa da Sarra, pois esse tipo de livro é meu estilo. Beijos!

    ResponderExcluir