19 de março de 2015

Na Telona :: 'Insurgente' #21

POSTADO POR EM 19 de março de 2015

Oi, gente. Tudo bem?


Acabei de chegar em casa, direto da pré-estreia de um dos filmes que eu mais estava ansiando assistir esse ano. Como blogueiro, é óbvio que não podia deixar de contar para vocês o que achei, né? Então bora conferir?!

Filme: Insurgente (Divergente #02)
Título Original: Insurgent
Diretor: Robert Schwentke
Lançamento: 19 de março de 2015
Duração: 1h59min
Distribuidora: Paris Filmes
Classificação: 14 anos
Sinopse: Tris (Shailene Woodley) e Quatro (Theo James) agora são fugitivos e procurados por Jeanine Matthews (Kate Winslet), líder da Erudição. Em busca de respostas e assombrados por prévias escolhas, o casal enfrentará inimagináveis desafios enquanto tentam descobrir a verdade sobre o mundo em que vivem.

Após terem se livrado da simulação que quase vitimou toda a facção da Abnegação, Tris e Quatro são fugitivos. Os dois, acompanhados de Caleb, Marcus e Peter conseguiram abrigo na Amizade, mas seus temperamentos não são tão pacíficos como o dos membros reais da facção, e isso pode lhes trazer sérios problemas.

Após uma invasão à Amizade, organizada por Jeanine Matthews e liderada por Eric, um dos líderes da Audácia, Tris, Quatro e Caleb precisam fugir e encontrar os membros restantes da Audácia, para poderem planejar o que fazer em seguida.

Jeanine conseguiu virar o jogo a seu favor. Ela fez com que a população passasse a temer os Divergentes e pediu para que, se avistassem algum destes, entregassem-no diretamente para as autoridades. Ela prega que os Divergentes são uma falha que pode comprometer o sistema de facções e sua sociedade, até então pacífica.



Tris, Quatro e Caleb embarcam em um trem e logo são surpreendidos por um exército de sem-facção. Mesmo sabendo que não teriam chance, eles lutam contra os 'excluídos', que tentam matá-los a todo custo. Surpreendentemente, quando Quatro revela ser Tobias Eaton, os ataques param imediatamente e o trio é levado à líder dos sem-facção: Evelyn, a mãe de Quatro, que todos acreditavam estar morta.

Evelyn propõe que o filho reúna os membros restantes da Audácia e alie-se a ela, de forma que juntos eles possam derrubar o governo de Jeanine e acabar com o sistema de facções. O problema é que Quatro não confia nem um pouco na mãe e sabe que se a ajudasse, as coisas poderiam ser piores.

Com isso, Tris e Quatro partem para a Franqueza, onde Christina, Tori e os outros membros da Audácia pediram abrigo. Como procurados da justiça, Tris e Quatro são feitos prisioneiros, mas pedem um julgamento justo, através do soro da verdade, onde revelam que não são culpados do que a Erudição os acusa. Porém, Tris também revela que matou seu amigo, Will, o que desperta o ódio de Christina.



Por outro lado, vemos Jeanine desenterrar uma caixa, que estava escondida na casa dos Prior, no território da Abnegação. Essa caixa contém uma mensagem dos Fundadores, que pode ser a resolução de todos os problemas que Jeanine vê no sistema de facções. O único problema é que essa caixa só pode ser aberta por um Divergente, o que torna a caçada dessas pessoas cada vez mais acirrada.

Após inúmeros testes, Jeanine percebe que não é qualquer Divergente que pode abrir a caixa. É necessário que essa condição seja alta dentro da pessoa e a maioria dos Divergentes não possui esses índices elevados. Sim, a única pessoa que pode abrir a caixa é Tris, que é inteiramente Divergente.

Só que é claro que Tris não fará nada que auxilie nos planos de Jeanine, a quem culpa por tudo que aconteceu de errado em sua vida e deseja ver morta. Mas Jeanine é ardilosa e usará de todos os seus artifícios para convencer Tris - ou obrigá-la - a ajudá-la. 



O que será que diz a mensagem na caixa e como isso irá afetar a vida de todos os membros da sociedade e o sistema de facções? Tris conseguirá impedir Jeanine antes que seja tarde demais?

Querem saber o que vai acontecer? Então não deixem de assistir!

Há pouco menos de um ano eu deixei a sessão de Divergente morrendo para assistir a continuação. Sou apaixonado pelos livros e achei que a adaptação, apesar de não ser tão fiel, havia sido muito bem feita. Então, conforme o tempo foi passando e a estreia de Insurgente foi se aproximando, minha expectativa só aumentava. Cada trailer que era divulgado me causava síncopes e quando finalmente pude assistir ao longa, me arrependi mortalmente e quis meu dinheiro de volta.

Entramos mais uma vez naquela questão "livro é livro, filme é filme", mas dessa vez não tenho como ser imparcial, já que é o segundo filme de uma franquia (ainda tem mais dois a caminho. Oh, God, why?) que começou tão bem.

Insurgente tem um ritmo bem acelerado, mas era evidente que faltava alguma coisa. Eu fiquei um bom tempo me perguntando o que era, até descobrir que, na verdade, faltava tudo. Pra começar, a maior parte das cenas foi alterada. "Mas Leonardo, entenda que isso é normal em qualquer adaptação". Não! Não aceito. Cenas de crucial importância para o desenvolvimento da história foram mudadas, além de outras que foram excluídas sem dó. Me pergunto o que será de Convergente nas telonas depois desse filme.



Pra piorar, as atuações estavam extremamente falhas. Shailene Woodley depois desse filme tornou-se uma forte concorrente para o Troféu Kristen Stewart de única expressão facial. Sabemos que a personagem estava enfrentando um grande dilema emocional com a morte dos pais e uma guerra iminente, mas até a Tris do livro conseguia ser mais alegre e badass que a do filme (o que é um grande elogio para a do livro, que era um porre).

Vocês já sabem que eu não gostei de Theo James em Divergente (se não sabem, leiam minha crítica aqui), mas dessa vez ele se superou... pra pior. Gente do céu! Cadê aquele Quatro dos livros? O personagem movido pela razão que luta pela sobrevivência e faz as menininhas suspirarem? Onde ele foi parar? Reafirmo aqui que erraram - e feio - na escolha do ator para interpretar um personagem tão complexo como Quatro.

Agora me respondam onde foram parar Maggie Q e Zoë Kravitz? Suas respectivas personagens, Tori e Christina, são essenciais para o rumo da trama e fazem cenas pra ninguém colocar defeito. Isso no livro, é claro. No filme nenhuma das duas apareceu por mais de trinta segundos, foi quase como Rita Ora em Cinquenta Tons de Cinza.



Sim, temos grandes nomes no elenco e essas duas grandes atrizes fizeram bonito seu papel. Kate Winslet mais uma vez arrasou na pele da impiedosa Jeanine Matthews e mostrou que não foi à toa que ela foi chamada para o papel. Octavia Spencer também me convenceu bastante com sua Johanna, a líder da Amizade, e senti falta de um destaque maior pra ela (que não tem no livro, mas né, já que estragaram tudo, não custava). Agora, quanto à Naomi Watts, ainda estou em dúvida, então vou deixar passar.

E o romance entre Quatro e Tris, gente? Os trailers prometiam cenas bem 'calientes' entre os dois, mas até as novelas da Globo tem mais "ação" nesse quesito que Insurgente. A química entre os dois continua péssima e tinha vontade de dar na cara deles inúmeras vezes. Já disse que não gosto do Theo James? 

Insurgente pecou e muito em dar continuidade à Divergente, além de ter uma montagem extremamente pobre, com efeitos especiais bons, mas ao mesmo tempo previsíveis e desnecessários. E o que dizer do uso do 3D? Muito ouvi dizer que critico o 3D porque eu tenho problemas, mas dessa vez tenho outras pessoas que podem afirmar que a técnica não valeu de nada no filme.



No fundo, mesmo tendo odiado Insurgente, sei que estarei lá na pré-estreia de Convergente - Parte 01, nem que seja só para xingar ainda mais. Vida de leitor é assim, faz parte do ciclo ler o livro e se decepcionar com a adaptação. 

Infelizmente, se você é fã, digo para passar longe das salas de cinema enquanto o filme estiver em cartaz. Guarde na sua cabeça a memória que tem do livro e finja que esse filme não existe. Agora, se você viu o primeiro filme e gostou, vai na fé e assista Insurgente, você vai entender tudo e talvez até gostar. Eu não gostei e não recomendo.

TRAILER




Beijos e até a próxima!

17 comentários:

  1. Faz bastante tempo que eu li Divergente e Insurgente, e comecei a ler Convergente, mas parei. Não lembro de nenhum detalhe, infelizmente. E a piada do Troféu Kristen Stewart parece ter sido bem merecida! HAHA

    Clara
    @clarabsantos
    clarabeatrizsantos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi, Leonardo! Vish... Estava tão empolgado para ver Insurgente, mas minha empolgação foi diminuindo a cada linha lida da sua resenha! Fico extremamente triste em saber que o pessoal errou tanto nesse filme! :/ Mas ainda irei assistir o filme e provavelmente também vou reclamar dele! kkkk

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Leonardo! Tudo bem? Caraca, que pena que o filme foi uma decepção pra ti! :/ Eu não li os livros e também não assisti ao primeiro filme, me contaram um spoiler maior que a vida dessa trilogia e eu meio que desisti :( Adorei o troféu Kristen haha também não entendi o que a Rita Ora foi fazer em 50 tons :p Eu vou manter em mente a sua resenha caso um dia resolva assistir aos filmes, desejo que eles melhorem nos próximos filmes pra você não precisar escrever um resenha negativa :) Beijos! http://www.trocandodisco.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Leonardo! Tudo bem?

    Eita! Não gostou mesmo do filme, hein? Confesso que fiquei soltando umas risadinhas enquanto lia a sua resenha diante da sua total indignação.

    Não tenho muito a falar sobre essa série porque até hoje não a conheço de fato. Não tive a oportunidade de ler os livros ainda, saca? A grana anda curta e eu estou fugindo de sagas como o diabo foge da cruz.

    Espero que Convergente seja melhor pra você e para quem também não gostou dessa continuação!

    Um beijo,
    Doce Sabor dos Livros docesabordoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bom?

    Ainda não li e nem vi nada dessa série de livros, acho q por causa do meu apego a jogos vorazes e achei a premissa desse livro muito parecido!
    Mas as filmes ao menos ainda vou assistir, pelo que vi aqui me parece uma boa adaptação, que é o que todo bom livro precisa, não q o filme seja totalmente fiel, mas que faça uma adaptação de qualidade, estilo o que HBO está fazendo com Game of Thrones, ótima indicação!

    Gustavo http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Logo de cara já fiquei chocada com a nota né ... eu não li a série ainda, pois me decepcionei feio com o primeiro filme. Sim, já de cara o primeiro filme me fez perder o tesão por essa série!! Agora eu venho ler essa resenha e morro de rir com seus ataques de pânico Léo, fiquei me imaginando na sala de cinema com vc...hsauhsauhsua. Eu estava muito afim de ir ao cinema, mas minha cidade é um ovo, tem duas salas no cinema daqui só, e todas elas estão passando Insurgente, o que me fez querer passar longe do cinema por um tempo mesmo!

    xoxo
    http://www.amigadaleitora.com/

    ResponderExcluir
  7. Oooi,

    Primeiro peço desculpas pois li sua critica por cima. Quero assistir, eu não li os livros, não tive tempo e acabei comprando outros, então quero ver pelo menos os filmes.
    Uma pena que você não conseguiu gostar do seugundo filme e que ele foi desnecessario no seu ponto de vista. Eu vou assistir e assim que tiver uma opinião mais formada sobre ele, venho aqui ler com carinho a sua.
    Não quis pegar spoiler por não ter lido o livro, não sei bem o que esperar.


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  8. Leo, você me deu uma depressão aqui :/ sou bem fã da saga e já estava aqui me coçando para ver o filme! Chateei que tudo ficou tão ruim assim, eu sou que ne mvocê, eu sei que adaptação corta e muda algumas coisas, mas me respeita né, coisas essenciais não! COMOQUE A Tori ficou sumida no filme? Ai gente, não hein :( (Rita Ora foi ótima não ter aparecido muito, que fizeram com a Mia Grey? Rita Ora é linda, mas não combinou)

    ResponderExcluir
  9. Eu li a série, mas estava com uma preguiça de ler os filmes... Sua opinião me deixou ainda mais desanimada e acho que vou continuar adiando assistir aos filmes...
    PS: o único motivo pelo qual eu me interessei para ir ao cinema foi para ganhar o poster rsrsrs
    Bjuxxxxxxx

    ResponderExcluir
  10. Fala Leo, tudo bem?

    Cara, eu desencantei com essa série desde o final de Convergente e o que a autora fez com o Quatro no livro. Se você está se perguntando cadê o Quatro nesse filme, espera então até lançarem Convergente e você verá que aquele 4 badass que todo mundo gostava estava mais frouxo que a Tris. Eu não gostei dessa atriz para o papel de Tris e isso é desde o primeiro filme, mas ainda acho meio difícil ela ganhar da KS, aquela ali nasceu com aquela cara e vai morrer com aquela única expressão HAHAHAHAHA.

    Depois da sua resenha eu desanimei completamente de ir ver o filme, já estava desencantado com a série de livros pelo final lixo e toda aquela baboseira dos experimentos, agora então, minha vontade de ver é quase 0.

    PS: Só eu que estou com ódio dessa moda do demônio de dividirem todos os últimos livros em 2 filmes? Cacete!

    Abraços,
    Matheus Braga
    Vida de Leitor - http://vidadeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Léo,
    Só li Divergente, pq soube o q acontece em convergente e desisti.. =/
    Já vi q esse filme ta dividindo bastante opiniões.. Aqui na minha familia, minha irmã e meu cunhado assitiram e ela curtiu e ele não... disse q o filme é muito inconsistente.. =(
    Fico triste quando nao colocam o filme parecido com o livro (msm nao tendo lido)

    Eu gosto de Theo! <3
    Gosto de Shai.. mas como já comentei na liga.. acho q o problema das quimicas é ela... mas gosto dos dois juntos!!!!

    Eu ainda quero ver o filme.. mas essa coisa de o final ser PARTE 1 e PARTE 2 é um sacoooooooooooooooooooooooooo! me irrita! Maldita bilheteria

    Bjinhos
    Pam
    Meus Livros Preciosos

    ResponderExcluir
  12. Hey, Leo.

    Eu sou fã da série e gostei até que bastante da adaptação de Divergente, então ainda quero conferir como Insurgente ficou nos cinemas.
    Só pelos trailers já dava pra ver que eles tinham feito muitas modificações em relação à historia e isso me irrita pra caramba, mas tento ver o conjunto e como ainda não vi não tenho como julgar, mas entendo o porque disso ter te irritado.

    Beijos,
    Dois Dedos de Prosa

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem?
    Esse filme pra mim é uma relação de amor e ódio, haha; Amor porque se fosse apenas um filme, sem relação com o livro, eu adoraria! O filme em si foi legal, nada de extraordinário, mas também não foi uma bosta completa. Agora, quando se compara o livro ao filme é que a coisa fica feia! Os personagens perderam completamente sua essência! Parecem outras pessoas, fora que metade das cenas e situações importantes (como a da Tori no final, e a questão da confiança entre Quatro e Tris) foram completamente deixadas de lado. Me senti como se nem conhecesse a história que estava passando nas telas. E o que falar de Quatro? Um dos meus personagens favoritos que praticamente desapareceu, ahhaha. Sem falar nos outros personagens importantes que foram deixados de lado né. Enfim, acho que pra quem não conehce, o filme foi bem legal, mas pra quem já sabe a história, e depois de ter visto divergente que foi foda, Insurgente foi uma decepção e tanto,.
    Beijos
    www.romanceseleituras.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Leonardo!
    Sério que você não gostou?? Estava tão animada para ver esse filme!
    "Divergente" não foi um dos meus filmes preferidos, mas achei que fosse ficar melhor nos próximos... Estava errada então! =P
    Mas é bom saber para não chegar aos cinemas com altas expectativas!

    Beijos,
    Fernanda
    http://oprazerdaliteratura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Olá! Eu gostei da adaptação de Divergente mesmo com tantas cenas excluídas, só que em Insurgente achei que faltou alguma coisa também. A ação do filme estava ótima, mas parece que o enredo se perdeu em algumas partes. Pra quem não leu o livro, está mais que bom, mas para nós fiéis leitores, eu achei um tanto quanto fraco.
    Quero deixar minha total insatisfação com o 3D, na boa achei totalmente desnecessário, não teve tantos efeitos que faziam jus a causa hahaha
    Maas para pessoas como eu que não gosta de reler os livros, até que é legal pra matar a saudade...

    Beijos ;*
    Proseando com uma BibliophileFacebook

    ResponderExcluir
  16. Leo do céu, porque você faz isso comigo?
    Tó com um medo danado de ir assistir ao filme agora. Como você disse, a primeira adaptação foi muito boa, apesar de não ser perfeita, e isso nos deixa ansioso para a próxima né?! Mas, se eu não me sentir igual em Percy Jackson (que p@#%& de história foi aquela no segundo filme?!), já ficarei feliz.
    E agora é saber, como eles daram continuidade a história..

    Beijiinhos ;*
    Andressa - Blog Mais que Livros

    ResponderExcluir
  17. Nossa! Fiquei com medo agora hahahaha
    Eu gostei tanto desse livro, e achei o primeiro filme bem bacana. O legal é que cada um tem mesmo uma reação diferente né? A maioria das críticas que li foi até bem positiva, o pessoal curtiu o filme.
    Bom, em todo caso vou assistir para ver o que que dá. ;)

    Beijos
    Livros e blablablá

    ResponderExcluir