26 de março de 2015

Na Telona :: 'O Garoto da Casa ao Lado' #22

POSTADO POR EM 26 de março de 2015

Oi, gente. Tudo bem?


Olha eu aqui com mais uma crítica cinematográfica. O escolhido da vez chega às telonas hoje e é o projeto mais recente de JLo para Hollywood. Vamos conferir?!

Filme: O Garoto da Casa ao Lado
Título Original: The Boy Next Door
Diretor: Rob Cohen
Lançamento: 26 de março de 2015
Duração: 1h31min
Distribuidora: Universal Pictures
Classificação: 16 anos
Sinopse: Após ser traída pelo marido, a professora Claire Peterson (Jennifer Lopez) está em vias de se divorciar. Ela vive sozinha com o filho adolescente, até perceber que um jovem acaba de se mudar para a casa ao lado. O sedutor Noah Sandborn (Ryan Guzman) rapidamente oferece ajuda nas tarefas da casa e se torna o melhor amigo do filho de Claire. Aos poucos, o vizinho passa a seduzi-la, levando a uma noite de amor entre os dois. No dia seguinte, a professora está decidida que tudo foi apenas um erro, mas Noah não pretende abandoná-la tão cedo. O caso de amor torna-se uma perigosa obsessão.

Claire Peterson é uma professora de literatura clássica que está em meio a um dilema emocional. Há nove meses ela descobriu que seu marido a estava traindo com uma mulher mais nova. Porém, Claire ainda não está decidida quanto a pedir o divórcio e usa esse tempo afastada para pensar. Agora ela vive sozinha com seu filho, Kevin.

Numa certa manhã Claire está saindo para levar Kevin a um médico quando o portão da garagem enguiça. Numa tentativa de abri-lo manualmente as coisas se complicam e ela é auxiliada por um jovem. Noah é sobrinho do vizinho de Claire, que veio passar uns tempos com ele, que em breve fará uma cirurgia complicada.

Noah tem 19 anos e é um colírio para os olhos. Porém, beleza não é sua única qualidade. O garoto também é muito gentil e inteligente e consegue fazer qualquer mulher suspirar. Ele se aproxima muito de Kevin e passa a conviver muito com o garoto na casa de Claire, que o aceita em seu lar como um filho.



Em um final de semana, Kevin sai para acampar com o pai e Claire tem um encontro desastroso organizado por sua melhor amiga Vicky. Voltando para casa ela sente-se rejeitada e todo sentimento ocasionado pela separação retorna. E é aí que chega Noah, que tem dificuldades para cozinhar um frango e pede que Claire vá ajudá-lo.

Os dois jantam juntos e durante toda a refeição Noah defere elogios à beleza de Claire. A tensão sexual entre os dois é enorme e Claire, sabendo que se arrependerá caso algo aconteça, decide ir embora. Porém, Noah é insistente e logo Claire se rende à ele, tendo uma noite de sexo como há muito tempo não tinha.

Na manhã seguinte Claire acorda no sofá da casa de Noah e o arrependimento chega com um baque. Ela tenta explicar a Noah que o que aconteceu entre eles foi um erro e não pode se repetir. Entretanto, Noah não vê as coisas desse jeito. Ele afirma que está apaixonado por Claire e ela será dele, de qualquer jeito.



Claire volta para casa sentindo-se derrotada. Quando Kevin e o pai voltam do acampamento ela quase não consegue esconder seu constrangimento, ainda mais quando Noah aparece para uma visita. Mal sabe ela que seus pesadelos estão recém começando. Noah torna-se obsessivo e passa a chantagear Claire com um vídeo que filmou na noite que ficaram juntos, transformando a vida da professora em um verdadeiro inferno.

Agora, Claire precisa encontrar uma maneira de sair dessa situação antes que perca tudo que tem de mais precioso em sua vida: sua família. Além disso, a situação com Noah compromete sua carreira na escola, tendo em vista que ele é um de seus alunos. O problema é encontrar uma saída quando se parece estar em meio a um labirinto.

Querem saber o que vai acontecer? Então não deixem de assistir!

Eu fui para a cabine de imprensa do filme com altas expectativas. Apesar de não ser muito fã de Jennifer Lopez, costumo gostar de seus filmes. Sabia que seria um thriller, mas não sabia exatamente o que esperar. Obviamente não era essa obra trash e ridícula que encontrei.



O filme já começa jogando em cima do espectador o futuro da trama. Ou seja, logo nos primeiros 10 minutos você pode decidir se quer continuar na sessão ou tentar trocar seu ingresso na bilheteria. Queria eu ter trocado o meu e ido assistir Cinderela...

Em resumo, o filme nada mais é do que um imenso clichê regado a uma boa dose de sensualidade e erotismo. Só que o que vem em excesso às vezes também prejudica. Perdi a noção de quantas vezes a câmera acentuou as curvas de JLo ou o tamanho do bíceps de Ryan. Qual a necessidade disso? Já entendemos que ela é uma mulher gostosona e ele faz o perfil másculo lá na primeira vez que isso aconteceu, não havia necessidade das outras tantas. Os roteiristas e o diretor conseguiram reduzir os personagens principais a meros objetos sexuais e o público pode estar um pouco saturado disso. Eu com certeza estou.

Por falar em JLo, o que aconteceu com ela? Nunca a achei uma boa atriz, mas nesse filme sua atuação estava extremamente débil, insuficiente, beirando à catástrofe. Suas expressões quase não se alteravam e olha que a personagem sofre uma grande nuance de sentimentos no decorrer da película.



Por outro lado, Ryan Guzman arrasou, soube incorporar a personalidade sedutora e misteriosa de Noah e deu um show... ou simplesmente se destacou em meio a um elenco medíocre. Não posso dizer que ele carregou o filme nas costas pelo fato de que não havia um filme pra carregar.

Quem conseguiu um bom destaque e ao mesmo tempo convencer foi Kristin Chenoweth ao interpretar Vicky. Kristin conseguiu dar um ar cômico a algumas cenas do início e arrancar umas poucas risadas divertidas, que fizeram o filme não ser um desastre total. Porém, a atriz está com uma aparência extremamente velha e também não conseguiu desenvolver muitas expressões. Filha, reduzir as sessões de preenchimento facial pode resolver. Só uma dica. ;)

Tá, uma coisa que não posso falar mal é da cena de sexo entre Claire e Noah (mas posso dizer que irritou a quantidade de vezes que ela foi repetida). Ryan e JLo tem uma boa química e a cena vai agradar até aqueles mais exigentes nesse quesito. É picante e ao mesmo tempo bem desenvolvida. Nada Cinquenta Tons de Cinza, mas quase tão boa.

Agora partimos pra parte totalmente sem noção que encontramos no filme - e em praticamente todo thriller hollywoodiano. Pra começar, a janela do quarto de Claire dava pra de Ryan e ambos tinham a grande 'mania' de andar em trajes mínimos com as cortinas escancaradas, de forma que o outro pudesse conferir tudo que podia. Aí entra também deixarem computadores com informações comprometedoras desprotegidos, a também a mania de deixar as portas destrancadas e entrar em casas escuras e silenciosas durante a noite com um psicopata atrás de você. Sentido, por onde anda você? Um beijo, seu lindo.



Além disso, parece que o diretor ficou em dúvida sobre qual público ele queria agradar, então a montagem ora parecia de thriller, ora de comédia romântica e ora de drama, tentando prender a atenção de todos e conseguindo um resultado risível.

O Garoto da Casa ao Lado está longe de ser o que o trailer promete e da metade pro final eu tive vontade de ir para a sala ao lado e gritar de puro ódio. Se você quer um filme para ver pessoas bonitas com pouca roupa, vá assistir. Mas se está em busca de uma trama intrincada e complexa, que possa entreter e ao mesmo tempo pensar, vá assistir outra coisa e aproveite bem seu dinheiro. Numa crise como essa não pode desperdiçar.

Eu com toda certeza não recomendo esse filme para vocês. O longa entrou para minha lista de piores filmes já assistidos. Há filmes ruins e há filmes desastrosos. O Garoto da Casa ao Lado consegue se encaixar em ambas as categorias, até mais de uma vez em cada uma. 

TRAILER




Beijos e até a próxima!

18 comentários:

  1. Olá, Léo!

    Quando vi sua avaliação, eu pensei "mentira que o filme é tão ruim assim.", e bem parece que realmente foi péssimo.. Juro pra você, eu estava com muitas expectativas, tanto é, que assisti ao trailer muitas vezes porque gostei muito do que vi, mas depois de você dizer que o filme está longe do que o trailer passa, simplesmente brochei. Perdi a vontade de assisti-lo. Vou passar bem longe de "O Garoto da casa do lado"... hhahah
    Fiquei pasma, achei que seria um filme maravilhoso =/
    Adorei sua crítica!

    Beijinhos!
    http://www.aculpaedosleitores.com/

    ResponderExcluir
  2. Nossa tava louca pra ver o filme, vi tantas vezes o trailer, agora to meio assim pra assistir :/


    http://culpa-dos-livros.blogspot.com.br/2015/03/a-cidade-do-sol.html

    ResponderExcluir
  3. Oi Léo! Você devia ter ido assistir Cinderela! Saí encantada, leve e feliz do cinema hahaha Brincadeiras a parte, sinto muito que você não curtiu o filme. Eu nunca gostei da JLo atuando, e pelo o que eu vi no trailer eu já suspeitava que essa parte sensual dos protagonistas seria bastante explorada, e eu não curti ela no trailer :/
    As vezes eu fico imaginando se nos EUA todo mundo se vê pelas janelas o tempo todo...enfim! Eu sou uma chicklitiana die hard hehe e sempre opto pelos romances e comédias românticas e já não ia assistir ao filme, agora depois da sua resenha, (que eu adorei por sinal) eu só agradeço por estar certa. Se você for assistir Cinderela, espero que você goste :) Beijos! http://www.trocandodisco.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Não acredito que o filme é ruim :((( Eu tava cheia de expectativas!
    Mais uma vez fomos enganados pelo trailer, né? O que eu mais vejo agora são trailers maravilhosos e quando chega no filme... uma porcaria. Tá ruim de conseguir escolher um filme que preste viu :(
    Depois dessa, desisti de ver.
    Ótima resenha!
    Beijos!

    www.livrosdajess.com

    ResponderExcluir
  5. Nossa tô no chão com sua resenha :( eu também não sou muito fã da JLo , mas pelo trailer achei que esse filme seria show , mas aparência enganam né !? Bom, já que você deu a dica , vou aproveitar e assistir Cinderela hahah.

    Beijos, Anna

    http://www.amigadaleitora.com/

    ResponderExcluir
  6. Eu nem sabia que isso era filme, mas já tinha ouvido falar do nome. Não sei pra que o povo gasta grana pra fazer merda. E não sei como não teve uma alma pra criticar o filme enquanto estava sendo gravado. Ah, não guento! Prefiro gastar minha grana vendo desenho. hahahaha
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  7. Eu queria escrever uma crítica de filmes boa assim rs
    então, não vou muito com a cara desse tipo de filme rs
    a J lo deve estar cheia de botox, por isso não rolou expressão facial kkkk
    Beijos,
    May
    www.ensaiodemonomania.com.br

    ResponderExcluir
  8. cara eu vi esse filme e tbm não curti muito não,e pra ser sincera nem vi tudo pq fiquei de saco cheio logo.
    e cara não sou muito fã da JLo ai já viu, tudo meio que contribuiu para eu n curtir o filme.
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  9. Oi Leo, tudo bem?
    Fiquei sabendo sobre esse filme ontem e os comentários não foram muito positivos, pela estória eu achei que poderia ser um bom filme, pena que não foi uma boa experiência. Não sei se irei assisti-lo...
    Abraços,
    Andy - StarBooks

    ResponderExcluir
  10. Oi Leo, fiquei bem decepcionado por você não ter gostado, se fosse pelo trailer eu juraria que o filme é incrível! Enfim, não vou assistir no Cinema, mas quando sair em DVD quem sabe?
    http://meumundoempaginasfz.blogspot.com.br/2015/03/o-que-eu-ando-lendo.html

    ResponderExcluir
  11. Hey Leo, tudo bem?
    Confesso que quando vi a sua classificação do filme eu dei uma risada de triunfo. Desde a primeira vez que vi o trailer desse filme pensei: "legal, mas não, obrigada". Sabe quando você sente que simplesmente não vai gostar? Pois é, foi isso. Não me surpreende que o filme seja cheio de clichês e que apelaram para a óbvia beleza dos atores, acho que era basicamente o que eles tinham a oferecer. Fico feliz em dizer que vou seguir sua recomendação e vou passar longe, afinal a grana realmente não está sobrando.
    Beijos.
    Dois Dedos de Prosa

    ResponderExcluir
  12. Oi, Leo. Tudo bem?

    Estava super ansioso para ver o filme desde que a JLo foi no programa do Jimmy Fallon, mas pela sua resenha desanimei totalmente, pensava que seria algo mais Garoto da Casa ao Lado livro, sabe? Enfim, ótima resenha.

    Abraços,
    Matheus Braga
    Vida de Leitor - http://vidadeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi Leonardo!
    Esse tema de vizinho sexy já deu pra bola, né? Quantas histórias em cima da mesma trama?? E esse detalhe da janela escancarada frente-a-frente é realmente muito clichê!
    Esse filme não vale a pensa ser assistido no cinema, mas em casa em um dia sem nada pra fazer até vai, né?

    Beijos,
    Fernanda
    www.oprazerdaliteratura.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oii. Confesso que achei que fosse um thriler muito bom, mas parece clichê demais e não fiquei nem um pouco interessada.
    Valeu o aviso kkkk

    Beijos ;*
    Proseando com uma BibliophileFacebook

    ResponderExcluir
  15. Acho que tinha tudo para ser um boa história, mas infelizmente caiu na mesmice, já vi o filme e não gostei.

    palavrasdelucidez.com.br

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Nossa, eu também achei que seria um thriller incrível só pelo trailer! Fiquei morrendo pra assistir, o enredo parecia incrível, mas depois dessa sua crítica vou até repensar, hahaha.
    Concordo com você, tem muitos filmes que não fazem o menor sentido, e isso me dá uma irritação danada! haha
    Com certeza vou esperar sair na internet pra ver o filme, prefiro gastar meu dinheiro com Cinderela mesmo, hahaha.
    Beijos
    www.romanceseleituras.com

    ResponderExcluir
  17. Oi, quando eu vi o título desse livro jurava que era aquele A Garota da Casa ao Lado kkkk o nome é bem parecido.
    Eu, particularmente, gosto da Jeniffer, acho ela uma boa atriz.
    Não vi esse filme e não tenho interesse, é uma pena que vocÊ tenha gastado com algo sem seu agrado.
    Beijos, lendocomabianca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Oii, Léo!
    Velho, eu tô "besta" de ler alguém não recomendar, vendo o trailer pensei que o filme era muito massa e fiquei louca pra assistir, hahaha, ainda bem que vc nos remediou acerca disso, pelo menos não assisto com tantas expectativas. Mas o filme tinha tudo pra ser bom. :/
    Bjs, Carol.
    http://anamatosferreira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir