12 de março de 2015

Na Telona :: 'O Sétimo Filho' #20

POSTADO POR EM 12 de março de 2015

Oi, gente. Tudo bem?


Olha eu aqui com mais uma crítica cinematográfica para vocês. O escolhido da vez é um longa que chega às telonas hoje e é adaptação de um livro que gosto bastante. Vamos conferir?!

Filme: O Sétimo Filho
Título Original: The Seventh Son
Diretor: Sergey Bodrov
Lançamento: 12 de março de 2015
Duração: 1h42min
Distribuidora: Universal Pictures
Classificação: 12 anos
Sinopse: John Gregory (Jeff Bridges) é o sétimo filho do sétimo filho e mantém uma cidade do século XVIII relativamente bem e longe dos maus espíritos. No entanto, ele não é mais jovem e suas tentativas de treinar um sucessor foram todas mal sucedidas. Sua última esperança é um menino chamado Thomas Ward (Ben Barnes), filho de um jovem fazendeiro. Seu primeiro desafio será grande: Ele terá que enfrentar a Mãe Malkin (Julianne Moore), uma terrível e poderosa bruxa, que escapou do seu confinamento quando o grande mestre Gregory estava afastado da cidade.

John Gregory é um Caça-Feitiço. Ele ganha a vida livrando os humanos de ameaças sobrenaturais. O problema é que ele está ficando velho e precisa treinar um jovem para tomar seu lugar, mas para ser um caça-feitiço é necessário que seja o sétimo filho de um sétimo filho e não é em todo lugar que se encontra um desses.

Seu último discípulo, e o mais promissor até então, morreu nas mãos de Mãe Malkin, a bruxa mais poderosa e conhecida da região que retornou mais maléfica do que nunca. Com a Lua de Sangue se aproximando, Gregory precisa encontrar um novo discípulo, de forma que possam finalmente derrotar Malkin.



Thomas Ward é filho de um fazendeiro e deseja a todo custo sair de casa e ser mais do que o pai e os irmãos. Ele deseja a grandeza e sabe, de alguma forma, que tudo está prestes a se modificar. E é aí que Gregory entra em sua vida.

Tom é o sétimo filho de um sétimo filho e por isso é recrutado pelo Caça-Feitiço, mas logo mostra que não tem a habilidade que o mestre procura. Gregory tem menos de uma semana para treiná-lo para enfrentar Mãe Malkin e sabe que será difícil, praticamente impossível, mas Tom tem sede de conhecimento e se mostrará um aprendiz muito peculiar.

Após alguns poucos dias de treinamento, Gregory e Tom precisam partir para a montanha onde Malkin e seu exército estão se preparando para o que a Lua de Sangue trará. A jornada é cheia de perigos e reviravoltas, além de trazer diversas surpresas.



No seu primeiro dia com o Caça-Feitiço, Tom conheceu Alice, uma jovem que fora acusada de ser bruxa. Ele resgatou-a e ela fugiu, mas logo seus destinos se cruzam novamente. Alice é metade bruxa e sobrinha de Mãe Malkin e espia Tom e Gregory para a feiticeira, mas se sente dividida pelo seu dever e o que sente por Thomas. 

O tempo está se esgotando e a iminente batalha entre luz e trevas, bem e mal, está se aproximando. Que lado terá mais força e sairá vencedor? 

Querem saber o que vai acontecer? Então não deixem de assistir!

De uns tempos para cá, muitas adaptações tem surgido nas telonas. Algumas, como Jogos Vorazes e Divergente, se saíram muito bem e garantiram suas continuações. Outras, como Cidade dos Ossos e Dezesseis Luas, não cumpriram o que prometeram e foram canceladas antes de terem suas sequências confirmadas. Devo dizer que O Sétimo Filho se encaixa na segunda categoria.

Pra quem não sabe, o longa é uma adaptação dos dois primeiros livros da série "As Aventuras do Caça-Feitiço", lançados aqui pela editora Bertrand Brasil. O problema é que o filme não tem absolutamente nada dos livros e passa longe de ser um filme interessante. Tenho um amigo que sempre diz "livro é livro, filme é filme" e por isso vou tentar julgar O Sétimo Filho apenas como longa.



O filme é, por falta de outras palavras, clichê e entediante. Ele segue a mesma fórmula de todos os filmes de fantasia: o garoto que era um Zé-Ninguém que é recrutado para alguma missão para salvar a humanidade e se torna um grande herói. Muitos filmes conseguem desenvolver essa fórmula e criar algo espetacular, mas O Sétimo Filho não teve essa sorte. Aliás, passou longe.

O que vemos durante suas quase duas horas de duração são cenas extensas e repetitivas, onde os protagonistas encontram algum tipo de criatura sobrenatural e devem enfrentá-la, por mais impossível que seja. O longa começa e termina exatamente assim, sem tirar nem pôr.

Aliás, somem essas cenas a um "romance proibido" tipicamente hollywoodiano entre dois inimigos. A bruxa e o aprendiz de Caça-Feitiço. Onde isso vai acabar? Não me perguntem, chegou certo momento que nem eu quis saber.

Não posso apenas criticar, há um ponto positivo: as atuações. Os personagens são TODOS sem graça e profundidade, mas seus respectivos intérpretes souberam caracterizá-los de forma única. Quer dizer, quase todos. Ben Barnes fez seu papel de ser um colírio para os olhos das meninas, assim como Alicia Vikander fez o mesmo para a ala masculina. Kit Harington apareceu tão rápido que me pergunto porque aceitou fazer esse filme. O mesmo pode ser dito de Djimon Hounsou.


Julianne Moore, que chega às telonas hoje também com a película que lhe garantiu um Oscar de Melhor Atriz, ficou bem apagada, mas soube fazer valer sua atuação. Malkin é a grande vilã da trama e Moore conseguiu lidar bem com isso, mesmo que na maior parte do tempo a personagem não estivesse em sua forma humana.

Jeff Bridges deu um show à parte. Gregory é um personagem arrogante, mas até carismático e Bridges soube aproveitar muito bem ambas as características para arrancar alguns risos do público. Se ele carregou o filme nas costas? Vocês ainda tem dúvida? Tirei meu chapéu para ele. 

Além disso, os efeitos especiais também estão ótimos, não há como negar. O problema é que passaram despercebidos no produto final, quando somados a um roteiro banal e atuações rasas. Não conheço o diretor, mas ele perdeu uma grande oportunidade de fazer algo acontecer aqui.



Em resumo, O Sétimo Filho é um filme que deixa a desejar em praticamente todos os aspectos, mas pode agradar aqueles espectadores não tão exigentes, que adoram esse tipo de combinação, como meu irmão de seis anos que ainda não entende muito bem. Eu esperava muito mais e saí do cinema decepcionado e furioso. Infelizmente, não posso recomendar o filme pra vocês e sim dizer para gastarem seu dinheiro com outro filme ou comprando os livros da série.

TRAILER



Beijos e até a próxima! 

13 comentários:

  1. Eu assisti o trailer e fiquei "dessa passarei longe", tá dificil adaptações que acertem, porque meu deus, cadê os produtores/roteristas/diretor para trabalharem juntos? Não gostei, achei fraco e como sou chara para caramba, nossa! Reparo demais em detalhes fhdsfukhkfus mas enfim, gostei da sua resenha, obg

    xx
    www.carolespilotro.com

    ResponderExcluir
  2. Oie Léo, eu não tinha ouvido falar do filme, por coencidência, ouvi na rádio ontem, rrsrs.
    Bom, após sua critica, fica difícil ter vontade de ir ao cinema, mais meu noivo se interessou, quem sabe eu não vá ao cinema?

    Beijos

    http://paraisodasideas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Estou louca pra ver este filme desde o dia em que vi o trailler!!!! Mas confesso que agora você me deu uma desanimada hahahahaha Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Um sétimo filho do sétimo filho nossa me enrolei aí rsrs
    Não gosto muito de fantasias e vc agora me dizendo que é o mais do mesmo
    Nem vou ver,
    http://malucaspor-romances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Tenho visto falando bastante sobre ele filme e os livros. Uma pena que ele não foi uma adaptação na sua opinião. Tenho curiosidade de assisti-lo, pois ainda não li os livros então não tenho o que esperar, será mais uma "surpresa".

    http://blogquerida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. OMG!! Estava ansiosa para ver esse filme, mas agora já não sei de mais nada !
    Me dói o coração quando uma adaptação não é muito bem adaptada haha
    Vou procurar ler o livro antes de ver o filme (assim como já planejava antes) mas agora já sei que não devo criar expectativas *chora*
    Bjs, Rapha
    http://caixinhaderabiscos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Infelizmente, o que mais ta acontecendo ultimamente é os fracassos nas adaptações das paginas para as telonas, pelo que li da obra, parecer ser ótima e muito bem escrita, e o filme como você falou, fiquei até desanimado para assistir. Ótima crítica.

    Abraços,
    http://www.marcasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Ansiosa por esse filme, espero que seja realmente tudo o que estamos esperando. Ótimo post.
    Beijos.

    http://ateliedoslivros.blogspot.com.br/2015/03/resenha-coracao-ferido.html

    ResponderExcluir
  9. Oi... putz que pena hein... um filme que tinha tudo pra ser bom ser decepcionante assim? :/
    Não tive vontade de assistir pelo trailer e agora tenho a certeza que nao o farei kk

    beijos
    http://livrosetalgroup.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Leo!
    Tão triste quando vamos cheios de expectativas assistir um filme do nosso interesse e quando chegamos lá, o filme não é nada do que pensamos... nos sentimos ludibriados.
    Nem vou lá perder meu tempo e dinheiro assistindo.


    Bárbara!
    Agradeço o carinho da visita feita ao blog, amo!
    Volte quando desejar!!
    Um final de semana de amor e paz!
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Pelo trailer, até parece ser um bom filme
    Mas é uma pena que não foi tão bom assim
    É horrível sair do cinema decepcionado, por isso eu seleciono bastante os filmes que vou assistir. Para não sair decepcionada
    Já estou seguindo ;)

    Beijos
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Olá Leonardo;

    Adorei ler sua resenha sobre o filme, ainda não tinha lido nenhuma tão detalhada e as imagens escolhidas estão show.
    Eu queria muito ler o livro antes do filme, mas creio que isso não será possível, e veja bem, estou louca para assistir ao filme. Tenho babado no trailer...rsrs
    Então, agradeço por tão belo post.
    Beijos
    Viviane
    Razão e Resenhas

    ResponderExcluir
  13. Eu ainda não li o livro, mas já assisti ao filme, Não no cinema, afinal existem filmes que não vale a pena pagar para ver xD porém como não li os livros ainda não tive muito como julgar o filme, mas em geral eu gostei bastante, com certeza julgarei de forma diferente após ler as obras, mas até então o que mais me agradou no filme foram os efeitos especiais xD hahaha

    Beijos, Pri!
    http://www.amigadaleitora.com/

    ResponderExcluir