27 de abril de 2015

Clube da Liga :: 'Pequenas Grandes Mentiras' #03

POSTADO POR EM 27 de abril de 2015

Oi, gente. Tudo bem?


Olha eu aqui com mais um post do Clube da Liga para vocês. Após nossa leitura conjunta no mês passado ter dado super certo, resolvemos repetir a dose esse mês e hoje vim trazer minhas impressões sobre o livro escolhido. Vamos conferir?!

Livro: Pequenas Grandes Mentiras
Autora: Liane Moriarty
Editora: Intrínseca
Páginas: 400
Sinopse: Com muita bebida e pouca comida, o encontro de pais dos alunos da Escola Pirriwee tem tudo para dar errado. Fantasiados de Audrey Hepburn e Elvis, os adultos começam a discutir já no portão de entrada, e, da varanda onde um pequeno grupo se juntou, alguém cai e morre. Quem morreu? Foi acidente? Se foi homicídio, quem matou? Pequenas grandes mentiras conta a história de três mulheres, cada uma delas diante de uma encruzilhada. Madeline é forte e decidida. No segundo casamento, está muito chateada porque a filha do primeiro relacionamento quer morar com o pai e a jovem madrasta. Não bastasse isso, Skye, a filha do ex-marido com a nova mulher, está matriculada no mesmo jardim de infância da caçula de Madeline. Celeste, mãe dos gêmeos Max e Josh, é uma mulher invejável. É magra, rica e bonita, e seu casamento com Perry parece perfeito demais para ser verdade. Celeste e Madeleine ficam amigas de Jane, a jovem mãe solteira que se mudou para a cidade com o filho, Ziggy, fruto de uma noite malsucedida. Quando Ziggy é acusado de bullying, as opiniões dos pais se dividem. As tensões nos pequenos grupos de mães vão aumentando até o fatídico dia em que alguém cai da varanda da escola e morre. Pais e professores têm impressões frequentemente contraditórias e a verdade fica difícil de ser alcançada. Ao colocar em cena ex-maridos e segundas esposas, mãe e filhas, violência e escândalos familiares, Liane Moriarty escreveu um livro viciante, inteligente e bem-humorado, com observações perspicazes sobre a natureza humana.

É a tão esperada noite de perguntas na Escola Pirriwee. Todos os pais estão presentes, as mulheres vestidas como Audrey Hepburn e os homens de Elvis Presley. Com muitos drinques e muita tensão no ar, o que devia ser uma noite de diversão acaba em tragédia. Alguém morreu. Não se sabe o que aconteceu e se há algum culpado por trás. E é aí que a narrativa volta seis meses antes de tudo isso acontecer.

A Escola de Pirriwee está fazendo a integração dos seus novos alunos do jardim de infância e conhecemos três mães que iremos acompanhar durante todo o livro.

Madeleine está fazendo quarenta anos e o peso de uma nova década está caindo sobre ela. Maddie é casada com Ed e mãe de Fred e Chloe, além de Abigail, fruto de seu primeiro casamento. A pequena Chloe está fazendo a integração e Maddie descobriu que Skye, a filha do seu ex-marido com a atual esposa é da mesma turma que sua caçula e ela precisará aguentar os pais da menina nas reuniões. Além disso, Abigail parece preferir Bonnie, a madrasta, ao invés da própria mãe.

Celeste é a melhor amiga de Madeleine, casada com Perry e mãe dos gêmeos Josh e Max. Os quatro parecem a família perfeita. Lindos, ricos, felizes e unidos. Aquela família que deixaria até Brad e Angelina com inveja. Mas nem tudo é o que como o Facebook mostra. No fundo Celeste é uma mulher sofredora com alguns segredos bem sombrios.

Jane é a mais jovem de todas. Aos vinte e quatro anos ela é mãe do pequeno Ziggy. Jane mudou-se para Pirriwee em busca de uma vida melhor para o filho, que é fruto de um caso de uma noite, da qual Jane não gosta muito de falar.

A vida dessas três mulheres se cruzam na manhã da integração. Numa tentativa de "evitar um acidente" quando uma adolescente dirigia e mexia no celular ao mesmo tempo, Madeleine acaba torcendo o pé e é amparada por Jane, que estava no carro atrás dela na estrada. Jane leva Maddie e a pequena Chloe até a escola e depois sai para tomar um café com a nova conhecida.

Por ser aniversário de Madeleine, ela havia marcado de tomar um café com Celeste, que logo se junta a ela e Jane para a comemoração. Como presente, Celeste levou para amiga taças e um champanhe, que acaba sendo aberto para um brinde.

Quando as três mães voltam para buscar seus filhos na escola, o caos se instala. A pequena Amabella, filha de Renata, foi machucada durante as brincadeiras da tarde, mas ninguém viu quem foi. A menina aponta Ziggy como o culpado e Renata exige que o menino peça desculpas, mesmo ele afirmando que não foi ele.

Jane é nova na cidade e não conhece as panelinhas que lá acontecem. Por isso Madeleine toma as dores da mais nova amiga e trava uma guerra contra Renata. Com isso, as mães ficam divididas e a pequena Escola Pirriwee terá seus dias sombrios, com uma confusão atrás da outra acontecendo até a fatídica noite de perguntas que é o grande clímax.

Querem saber o que vai acontecer? Então não deixem de ler.

Quando fizemos a votação para a escolha do próximo livro do Clube, Pequenas Grandes Mentiras não estava entre os meus favoritos. Então, quando o livro ganhou, confesso que não fiquei muito animado em fazer a leitura, mas comprei o livro e me aventurei. Gente. Que livro bom.

Liane Moriarty criou uma trama sensacional, onde você só sabe que houve uma morte, mas não sabe o que levou a essa morte acontecer. Com isso, conforme fui sabendo mais sobre o passado dos personagens e chegando mais perto da noite onde a morte aconteceu, fui criando uma teoria. Foi muito bom ver que tudo apontava para um lado diferente e mesmo assim eu consegui adivinhar o final.

Entretanto, o fato de ter adivinhado não comprometeu o livro em si. Por mais certo que estivesse da minha teoria, o livro é repleto de reviravoltas que me faziam duvidar às vezes das minhas conclusões. Quando cheguei ao desfecho, percebi como tudo se encaixava e tirei o chapéu para autora.

Por ter sido um dos primeiros do clube a concluir a leitura, foi um sufoco não ter com quem comentar o final. As meninas iam apresentando suas próprias teorias e conclusões e eu precisava me segurar para não soltar spoilers e estragar a leitura alheia. Minha vontade era de sair gritando "Bitches, eu acertei, hahaha".

Além das reviravoltas, Liane jogou algumas pistas falsas pra confundir o leitor. Você entrava em certa linha de raciocínio só pra depois perceber que aquilo nada tinha a ver com a trama principal e precisava recuperar o fio da meada.

Um ponto extremamente positivo e no começo um pouco negativo, foi a quantidade de personagens. Logo que comecei o livro fiquei bem perdido até saber quem era quem na história e qual sua relação com o outro personagem. Foi difícil lembrar quem era mãe de quem, quem era casada com quem... um sufoco. Entretanto, tivemos como perceber a história pelo ponto de vista de muitas pessoas e não ficar preso a uma única percepção.

Os personagens foram muito bem construídos. Liane não criou ninguém perfeito e todos podem ser pessoas que você conhece no seu dia-a-dia. De longe a minha favorita é a Madeleine. Ela tem um jeitinho bem aéreo e espevitado de ser, mas sabe falar sério quando a situação exige, além de ser uma mãe protetora e uma amiga leal.

Pequenas Grandes Mentiras aborda temas bastante polêmicos, como bullying e violência doméstica, e a autora soube dosá-los de forma que ainda chocasse, mas não ficasse exagerado. Achei brilhante o modo como ela desenvolveu esses temas e as conclusões que deu a eles.

Quanto ao final em si, foi bem parado. Após descobrirmos (ou, no meu caso, confirmarmos) o que aconteceu na noite fatídica, o livro perde um pouco do embalo e mostra um pouco da vida das pessoas após a resolução do crime.

Quanto ao trabalho da editora Intrínseca, não tenho nenhuma reclamação. A capa é uma adaptação da original e é linda. A revisão está impecável, não lembro de ter encontrado nenhum erro. A diagramação é simples, as folhas são amareladas e a fonte tem um ótimo tamanho para leitura.

Pequenas Grandes Mentiras foi uma grande surpresa e estou morrendo de curiosidade para ler outros livros da autora, que já tem outros dois publicados aqui no Brasil. O Segredo do Meu Marido, também pela editora Intrínseca, e As Lembranças de Alice, pela editora LeYa. Não só recomendo esse livro para vocês, como imploro que leiam e venham discutir suas conclusões comigo.

*****

Agora vamos de sorteio? Três sortudos irão levar essa beleza de livro para casa.






REGRAS OBRIGATÓRIAS:
1. Ter endereço fixo no Brasil;
2. Comentar na resenha de um dos blogs participantes (links abaixo);
ATENÇÃO:
1. A promoção começa dia 27/04 e termina dia 24/05;
2. Perfis fakes ou criados exclusivamente para promoções serão desclassificados;
3. O sorteado receberá um email e terá 48 horas para respondê-lo. Caso não seja respondido será feito um novo sorteio;
4. O livro será enviado em até 30 dias;
5. Não nos responsabilizamos por eventual extravio ou problemas com o correio, nem caso o endereço para envio seja passado errado.


O Clube de Leitura da Liga é formado por amigos que resolveram arriscar uma leitura coletiva e se surpreenderam com a interação que foi proporcionada. Temos muitos gostos e ideias em comum, além de muitas discussões e risadas. Ninguém nunca irá nos entender, ainda bem.  Nós Somos: Este Já Li | Leitora Viciada | Leituras da Paty | Livros e Chocolate | Mais que Livros | Meus Livros Meu Mundo | MoonLight Books | Prazer, Me Chamo Livro | SA Revista | Segredos Entre Amigas | Todas as Coisas do Meu Mundo |  


Beijos e até a próxima!

15 comentários:

  1. Ainda bem que você segurou esses dedos nervosos! hahaahahahah
    Se eu tivesse que descrever esse livro com uma única palavra seria perfeito. Cai em várias dessas armadilhas da autora. Mas foi ótimo pensar em mais e mais teorias. Era engraçado ver como, algumas pessoas erraram na teoria, mas ainda sim descobriam o mistério.
    Essa capa é diva <3
    mal vejo a hora de ter em mãos.

    Beeeijinhos ;*
    Andressa - Mais que Livros

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Quero muitooo, só leio opiniões positivas sobre os livros dessa autora, mas nunca tive a oportunidade de ler nenhum deles; fora que essa capa é maravilhosa ♥

    Laísa - http://www.segredosentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Não tive oportunidade de ler nenhum livro da autora ainda, mas tenho muita curiosidade, pois escuto muita gente falando de como a escrita dela é incrível. Além disso, as premissas são interessantes e instigantes, e eu adorei a capa desse livro! Vou participar da promoção, com certeza!
    Patrini Viero
    patyvii02@hotmail.com

    ResponderExcluir
  5. Necessito ganhar, pois depois que li O segredo do meu marido minha vida nunca mais foi a mesma .... Boa sorte pra mim .

    ResponderExcluir
  6. Oi Leó !
    Faz um tempo que não estou vendo o blog e já estou com saudades hihihihi
    com certeza não me interessei ,sua resenha está ótima ,só que o livro é meio sem sal '-' .
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Olá Léo!
    Bom eis um livro de uma das minha editoras favoritas pelo qual eu gostaria de ter ainda mais que mês que vem é meu aniversario :3

    ResponderExcluir
  8. Nossa, já estava bastante interessada em ler esse livro pela sinopse e pela autora, pois gostei muito do outro livro dela, O Segredo do Meu Marido, agora depois de ver essa resenha fiquei ainda mais ansiosa em conferi essa história que parece mesmo ser excelente!

    ResponderExcluir
  9. Olá,ainda não conheço seu trabalho mas parece ser muito bom,amei a Sinopse,e o nome do livro me deixa bastante curiosa "Pequenas Grandes Mentiras" .para conhecer a história,espero ser um das 3 ganhadoras!! ^^ :) Forte Abraço!!

    ResponderExcluir
  10. Já estou louca pra ler este livro! Amo mistérios e agora essa resenha me deixou bastante curiosa.

    ResponderExcluir
  11. Levanta a mão a que menos gostou do livro. o/ Hauhauahuaa!
    Eu demorei a embalar - aliás, terminei meio que obrigada, o livro não me prendeu -, mas gostei das críticas contidas no livro e da forma como a autora interligou as histórias. Como deixei bem claro na minha resenha, se não tivesse o assassinato seria muito mais legal, iria explorar mais os relacionamentos e fraquezas de cada um.
    Beijinhos!
    Giulia - www.prazermechamolivro.com

    ResponderExcluir
  12. Sou uma grande curiosa pela autora, desde quando lançou o 'Segredo do meu marido', tenho uma curiosidade imensa, e agora então, nem se fala! Não tinha ideia do que o novo livro da Liane falava, alias, nem tinha gostado e me interessado assim por causa da capa, mas depois dessa resenha, gente, quero pra ontem! Adorei a resenha, você escreve e detalha muito bem as coisas! :D

    Beijos,
    http://daniperere.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Hey! Impressão minha ou esse livro parece um pouco com a serie pll? Pela questão do mistério do assassinato, teorias e talz... Já amei! Nunca tinha ouvido falar nessa autora, mas estou super curiosa agora, depois da resenha! Quero muito ler :)

    Ahh, seu layout é lindo dms

    ResponderExcluir
  14. Eu me emocionei com O segredo do meu marido, agora estou super animada pra ler esse livro e me deliciar com uma boa leitura *-*

    ResponderExcluir
  15. Necessito desse livro depois de ler essa resenha.

    ResponderExcluir