13 de abril de 2015

Tá Na Estante :: 'Cavaleiro Baio' #385

POSTADO POR EM 13 de abril de 2015

E aí, galerinha! 


Estou um pouco sumido, mas hoje estou eu aqui para contar algo interessante para vocês. Em meu novo trabalho acabei descobrindo que um colega que senta ao meu lado é escritor. Imaginem minha cara de surpresa, um cara de TI escritor , CHECHUS. Essa é a prova que ainda existe salvação nesse mundo. Pois bem, depois de muito insistir, peguei o livro dele e hoje vou falar um pouco dele para vocês.

Livro: Cavaleiro Baio
Autor: Elmir da Silva Nascimento
Editora: Grupo Editorial Scortecci
Páginas: 150
Sinopse: Val gasta os dias, no conforto do seu minúsculo e fedorento apartamento, chorando por Kátia. O término do relacionamento reduziu o jovem a uma posição sub-humana e com tendências suicidas. Na prisão do sofrimento acompanha, através da televisão, os últimos passos que a cidade jamais dará.Dois anos após a queda de uma aeronave sobre o Oceano Atlântico, Salvador é atacada por um exército de mortos-vivos. Rápidos e vorazes, os zumbis consumirão o passado e o futuro e farão Val se arrepender por não ter tirado a própria vida antes que o inferno chegasse, quando seu trabalho e seu relacionamento desgastante eram suas maiores preocupações.O rapaz terá que lutar para proteger a vida e sanidade quando nada mais restar e toda a loucura a sua volta se tornar normal. Terá ainda que descobrir, por conta própria, a origem da praga e como manter os amigos e a si próprio seguros durante a longa estadia da morte.Será que Val conseguirá superar esse enorme desafio?Descubra em Cavaleiro Baio.


Cavaleiro Baio conta a história de Val, nosso querido e muito abestalhado protagonista. Pensa em um carinha azarado para mulher. O rapaz chora as dores pelo fim do relacionamento com Kátia - que não vale nada, pensa até em tirar a própria vida. Mal sabe ele que o que lhe espera é bem pior que um pé na bunda.



 Dentro da depressiva e suicida vida em que Val se encontra, o inesperado acontece  e coloca em risco a sua vida e a dos que o rodeiam.

Confesso, galerinha, que quando soube que o Elmir era escritor, juntei com o pessoal da sala para zoá-lo: “A escreve romancezinho”, “Ixi que não deve escrever nada.” e coisas desse tipo. Porém, uma coisa eu tenho que confessar: Nas primeiras páginas ele já calou a minha boca.

 A escrita dele é de certa forma envolvente e prende sua atenção a leitura, me fazendo mudar as zoações para elogios. Demorei um pouco para concluir a leitura, e por isso fiquei com um sentimento amargo, pois além de demonstrar que o meu tesão pela leitura enfraqueceu, também me deixou triste por não ter dado o devido valor a uma boa leitura. E observem que quando eu digo que a leitura é boa é por quê larguei o livro do Clive Cussler para ler Cavaleiro Baio, e todos vocês sabem o quanto eu amo os livros do Clive.



Falando no Clive e sua perfeição em descrever detalhes tenho que agradecer ao Elmir. O livro se passa em Salvador, minha terrinha maravilhosa, e na narrativa Elmir me coloca em um apocalipse Zumbi nos lugares que eu conheço, ou seja, eu posso perceber a dificuldade do Val em alguns momentos, posso imaginar o caos. Eu passei por diversos lugares da cidade imaginando como estaria aquele lugar dentro do livro, e essa sensação foi uma das mais incríveis que já tive com uma leitura. Nunca havia tido esse tipo de sensação em outra narrativa Apesar de já ter viajado para vários lugares, planetas, terras desconhecidas. O conhecido me fez muito bem, e tornou, para mim, a obra muito mais interessante e envolvente.



O final do livro me deixou com aquele desejo de quero mais, sabe? Já até o ameacei, caso ele não me traga logo a continuação irei modificar toda essa resenha e descer o pau no livro. Por fim, recomendo muito o Cavaleiro Baio para aqueles que gostam de suspense, terro, drama (Porquê o Val é dramático pra caramba!).

Espero que tenham gostado galerinha em breve tem mais. Abração.

3 comentários:

  1. Olá! ! Amigos de trabalho sempre tem aquele segredo kkkkkk
    A sinopse do livro já me encantou. Sério que ele "destruiu" essa cidade maravilhosa que é Salvador? Poxa vida :/ hehe
    Gostei muito da história, é bem diferente do que estou acostumada a ler, mas vou dá uma chance pra ele :D

    Beijão da Lari <3
    Brilliant Diamond | Fan Page | Twitter

    ResponderExcluir
  2. Oi Dayvson, tudo bem?
    Que legal seria ter um escritor no meu local de trabalho rsrs Já é difícil conhecer alguém que leia, quanto mais um escritor.
    Enfim, gostei bastante da resenha e acho que o fato da história se passar na sua terra deve ter sido mais legal ainda pra você!
    Boas leituras!

    ResponderExcluir