• Filme: Os Últimos Cinco Anos
  • Título original: The Last Five Years
  • Diretor: Richard LaGravenese
  • Distribuidora: Lucky Monkey Pictures
  • Duração: 1h34min
  • Lançamento: 13 de Fevereiro de 2015
  • Classificação: 14 anos
  • Gênero: Lucky Monkey Pictures
  • Distribuidora: Lucky Monkey Pictures
Sinopse: Cathy Hyatt (Anna Kendrick) e Jamie Wellerstein (Jeremy Jordan) são casados. Ela é uma atriz em busca de uma carreira, mas ainda conseguiu um grande papel. Ele é um romancista em ascensão, cuja última obra está em evidência. Eles reveem seu relacionamento. A diferença entre o sucesso de Cathy e de Jamie os faz entrar em conflito e repensar os últimos cinco anos, tempo em que estiveram juntos. 

Olá pessoal, tudo bem?

Apesar de ser um amante declarado da sétima arte eu não costumo demonstrar esse amor aqui no blog, por isso, hoje trago um post um pouco diferente sobre filmes aqui no SEA. O post não será uma crítica do filme como vocês estão acostumados e sim uma apresentação de um filme que me conquistou de uma forma incrível.
Ah, lembrando que diferente dos outros posts dessa coluna, esse não é sobre um filme que está em cartaz.

 

Confesso que mesmo sendo louco por musicais, antes do anúncio da adaptação eu não tinha conhecimento algum sobre o musical original, então não dei muita importância. Porém assim que saíram as informações sobre o elenco, essa pessoinha aqui começou a surtar loucamente pois foi anunciado que Jeremy Jordan meu futuro marido estrelaria o filme dando vida ao personagem James, ao lado da extremamente talentosa porém um pouco anasalada Anna Kendrick.

O filme, que foi inspirado no musical escrito por Jason Robert Brown, The Last Five Years, explora a tumultuosa relação entre Cathy Hyatt, uma atriz que busca uma carreira e enfrenta dificuldades para conseguir um papel, e Jamie Wellerstein, um autor vivendo os melhores anos de sua carreira.

Tudo parece estar dando certo quando Jamie assina o seu primeiro grande contrato com uma editora e resolve ir morar com Cathy, porém com a carreira de sua amada indo em um caminho contrário as coisas começam a se complicar.

Após o repentino estouro de Jamie, Cathy, que agora “vive” em Ohio estrelando pequenos musicais, se encontra na sombra do sucesso de seu marido, o grande autor que está sempre presente em festas dedicadas a ele e rodeado de jovens garotas que buscam um lugar em seu coração (ou apenas uma noite em sua cama).

There are two sides to every love story.

Aí é agora que você solta aquele comentário: Nossa Wellyson, um filme sobre um relacionamento aparentemente perfeito mas que com o passar do tempo acaba se desmoronando, que criativo. Ok. Podemos sim dizer que a história de Jamie e Cathy segue um padrão comumente visto em Hollywood, porém posso te garantir que esses mágicos 90 minutos serão para você uma experiência única.

Após assistir o filme pela primeira vez eu já tinha me apaixonado completamente, porém após algumas pequenas pesquisas na internet eu descobri que este intercala a narrativa entre canções da Cathy (do fim para o início do relacionamento) e canções do Jamie (do início ao fim do relacionamento) se encontrando no meio do longa em canções cantadas por ambos, coisa que eu não tinha percebi ao assistir pela primeira vez, então obviamente eu tive que reservar um tempo para assisti-lo sabendo da intercalação na narrativa e a experiência foi completamente diferente.

Em questão de elenco não há muito o que falar. Anna como vocês sabem é uma atriz/cantora extremamente talentosa, Jeremy eu não tenho nem o que falar sobre ele, simplesmente incrível. O filme praticamente não possui diálogos e embora a técnica de gravação não seja a mesma utilizada em Os Miseráveis, onde os atores cantavam ao vivo, a dupla conseguiu passar em estúdio todas as emoções apresentadas em cena.

Bom pessoal, é isso. Espero que tenham se interessado pelo filme, se não tiverem se interessado vou deixar o trailer aqui para que vocês mudem de ideia. E até a próxima.

PS: Se mesmo assim continuar sem querer assistir o filme, veja esse vídeo do Jeremy cantando Let it Go que aí sim você vai querer assistir o filme.

icon-newsletter

Não perca nenhuma novidade!

Veja os posts relacionados


Deixe uma resposta para MarijleiteCancelar resposta

17 Comentários

  • Angel Sakura
    21 dezembro, 2015

    Olá,
    Ao contrário de você não tenho um costume de ver tantos filmes, ainda prefiro as séries de TV, e por isso reconheci o ator ali do cartaz, vi em alguma série a qual não lembrarei o nome.
    Achei o conceito do filme diferente, mas ainda assim não sei se teria paciência para vê-lo.

  • Catharina M.
    16 dezembro, 2015

    Oiie
    Não conhecia esse filme mas como amooo filmes fiquei interessada e musicais ás vezes é bem legal para dar uma fugida dos típicos

    Beijoos
    https://www.youtube.com/watch?v=vNoKguSdy4Y

  • Angélica Lima
    15 dezembro, 2015

    Oi, tudo bem?
    Não conhecia o filme, e apesar de não curtir muito musicais, acho que daria uma chance para ele. É sempre bom ver coisas diferentes.
    Bjs

    http://a-libri.blogspot.com.br/

  • Luan Jonathan
    15 dezembro, 2015

    Cara, você citou um dos meus filmes preferidos! Os Miseráveis, eu amo, eu vivo, eu mato!! Ah, cara, já quero assisti The Last Five Years, eu gostei muito do estilo que foi feito em OM, e podia ser em TLFY, mas se você disse que passa as emoções, confiarei em você! Adorei o post!!

    Abraços e até!!

    http://lendoferozmente.blogspot.com.br/

  • Marijleite
    14 dezembro, 2015

    Olá, ainda não conhecia o filme, mas acho que o assistirei quando puder, achei os protagonistas interessantes (e tive que ver o vídeo do Let it go!).

  • Nilda de Souza
    13 dezembro, 2015

    Acho que a forma como você apresentou o filme ficou mil vezes melhor do que o filme. Sério, ótimo texto, mas o filme apresentado não me cativo. Os dois atores não me dizem muito. E enredo parece já conhecido.

    Beijos!

  • Leticia Pimenta
    13 dezembro, 2015

    Nunca tinha ouvido falar desse filme, e sinceramente não chamou minha atenção, por que não gosto de musical.

    coisasdemineira.blogspot.com.br

  • Jessica Oliveira
    13 dezembro, 2015

    Oi!
    Eu adoro a Anna e o Jeremy, para mim os dois são incríveis, mas tenho que confessar, musicais não são muito a minha praia. Então, por esse motivo, acredito que deixarei passar a dica, mas gostei muito do post, é muito gratificante quando um filme consegue ultrapassar nossas expectativas.

    Beijos!

    Books and Movies
    http://www.booksandmovies.com.br/

  • Bárbara Prado
    12 dezembro, 2015

    Eu ainda não conhecia esse filme, mas acho que irei me apaixonar pois adoro filmes nesse estilo.
    Será que tem em algum site ou na netflix para assistir? Vou procurar rs
    Beijos

    myself-here1.blogspot.com

  • Palavras Radioativas
    12 dezembro, 2015

    Nossa, serei sincera: musicais não são bem meu forte, por isso acredito que eu não gostaria desse filme. :/

  • Gabrielly Marques
    12 dezembro, 2015

    Nossa Wellyson, um filme sobre um relacionamento aparentemente perfeito mas que com o passar do tempo acaba se desmoronando, que criativo. UASHAUHSUA SOU DESSAS.
    Inicialmente, lendo seu post, achei isso, confesso. Bem "mais do mesmo", e por achar a Anna uma atriz sem "sal" não iria assistir, mas aí li suas considerações finais e sobre essa forma diferente de "narrativa", e agora quero assistir! Espero gostar bastante tbm!
    Beijos

  • Manoel Alves
    12 dezembro, 2015

    Oiê
    EU sou bem desligado quando o assunto é filmes Mas gostei muito de sua indicação! ainda não o conhecia mas vou adicionar a minha lista!
    Bjsk

  • Lilian Farias
    11 dezembro, 2015

    Você foi muito bom em seu texto, disse tudo: 'história de Jamie e Cathy segue um padrão comumente visto em Hollywood'. eu vi o vídeo do Jeremy cantando e mesmo assim, não tive vontade de ver o filme, mas seu texto ficou muito bom, apresentou bem e disse o importante e necessário. Gostei bastante.

  • Amor Geek
    11 dezembro, 2015

    Gente, amei seu post, sério! Amei a dica tbm sou fã de filmes assim e sem duvidas vou assistir! <3

  • Renata Nogueira
    11 dezembro, 2015

    Jeremy <3 amor eterno, amor verdadeiro. hahaha Chorei de rir com sua descrição da Anna.
    Enfim, estou para ver esse filme há algum tempo. Assiti ao trailer por acaso, em algum lugar x, e me interessei tanto pelo elenco quanto por ser musical, mas sabe quando a gente joga pro fundo da memória e deixa pra lá? Então.
    Mas agora que vi seu post, vou tentar correr atrás e assistir sim. (e depois ficar mil anos com as músicas na cabeça porque é o meu jeitinho)
    Beeijos!

    • Anônimo
      11 dezembro, 2015

      É tão bom encontrar pessoa que compartilham desse meu amor pelo Jeremy, haha.
      E sim, você vai ficar com essas músicas na cabeça para o resto da sua vida.

  • Karine Fernandes
    23 novembro, 2015

    Então nem preciso dizer que adorei seu post né? Adorei sua dica, e como lhe disse…. vamos assistir juntos lol
    Ta sumido mais quando aparece, traz ótimas dicas.
    Beijos meu bem.