18 de janeiro de 2016

Tá Na Estante :: 'Sanctum' #497

POSTADO POR EM 18 de janeiro de 2016

E ai pessoal, tudo bem?

Hoje eu vim trazer mais uma resenha dessa série de livros que estou amando. O livro é Sanctum, segundo livro da série Asylum e escrito pela autora Madeleine Roux. Se você ainda não leu a resenha do primeiro livro clique aqui.

Livro: Sanctum
Série: Asylum #02
Autora: Madeleine Roux
Editora: V&R
Páginas: 384
Sinopse: Visões. Vozes. As lembranças do verão passado, vividas no alojamento Brookline do New Hampshire College, são as mais aterrorizantes da vida de Dan, Abby e Jordan. Uma experiência traumática que eles querem esquecer. Porém, seguir em frente não será uma opção. Alguém quer manter vivo aquele terror. Os três jovens estão recebendo cartas anônimas com palavras enigmáticas e fotos de um antigo parque de diversões. Para dar fim nesse pesadelo, eles irão se disfarçar de candidatos e voltar por um fim de semana ao campus do NHC. E, ao chegar lá, eles vão descobrir que aquele parque das fotos não só é real como também voltou a funcionar. Agora, a capa pista que tentam desvendar, Dan e seus amigos descobrirão segredos ainda mais sombrios do que haviam imaginado. Além de correrem muito mais perigo. Para se salvar, eles não poderão perder o controle.

*Por ser uma continuação, talvez encontre spoilers do primeiro livro*


Dan, Abby e Jordan ainda carregam traumas referentes ao verão e de tudo o que passaram no manicômio desativado Brookline. Por mais que eles façam de tudo para seguir em frente, alguém está determinado a manter essas memórias vivas, enviando aos amigos fotos de um antigo parque, sem nome, sem endereço de resposta, porém com uma nota um tanto quanto aterrorizante.

Para tentar deixar toda essa história para trás, os amigos precisam ignorar todos os seus planos de nunca mais voltarem a aquele terrível lugar e retornam ao New Hampshire College fingindo ser possíveis alunos que querem conhecer o campus antes de escolherem uma universidade e descobrem que o parque das fotos não só é real como também está montado no campus pela primeira vez em muitos anos.




Fugindo de seus mentores, das aulas programadas, das festas da faculdade e do tour pelo campus, Dan e seus amigos iniciam uma jornada própria com paradas em casas abandonadas e lugares secretos por toda a cidade.

A presença de Daniel Camford está mais forte que nunca e sua influência por toda a cidade é maior do que Dan possa imaginar.

Sanctum é um livro que venho desejando desde 2014 quando, por influência do Léo, li Asylum, o primeiro volume da série. E posso garantir que a espera valeu a pena.



Depois de me decepcionar um pouco com o primeiro livro (não por ser ruim mas por esperar uma coisa diferente), fui surpreendido por essa continuação eletrizante. Como já havia tido o primeiro contato com a escrita da autora, não comecei a leitura esperando algo pesado e extremamente assustador, então não tive a decepção de me deparar com uma escrita um tanto quanto leve. A narrativa continua tão fluída e envolvente quanto a de Asylum.

O terror psicológico gerado por sonhos, vozes do além e visões continua presente no livro, agora junte essas ameças a perigos iminentes, perseguições feitas por seitas antigas e a um clima sombrio de um circo de horrores. Sim, nessa continuação o clima aterrorizante que faltou no primeiro volume da série está muito mais evidente e chega a nos lembrar de alguns filmes de terror e até algumas semelhanças a famosa série American Horror Story.

A forma como a autora cria personagens que questionam sua sanidade e até alguns que estão próximos da insanidade é simplesmente fantástica.



Algo que me deixou extremamente feliz nesse volume foram algumas respostas de questões que foram abertas no primeiro livro. Algumas perguntas ainda ficaram sem resposta mas imagino que elas virão em Catacomb.

Os personagens também passaram por uma evolução incrível. A amizade do trio principal está muito mais realista e madura e perdeu aquela aparência forçada. Os novos personagens (Micah, Lara e Cal) também possuem características fortes e bem distintas. O ambiente criado pelo parque e pelo "circo de horrores" abriu portas para a autora inserir alguns personagens um pouco mais "assustadores".

Em questão física eu tenho que bater palmas novamente para a editora V&R que manteve o padrão de qualidade na capa, nas 384 páginas amareladas recheadas de detalhes no rodapé, ilustrações, fotografias, bilhetes e divisões de capítulos personalizadas.


Sanctum pegou todos os pontos positivos de Asylum e aprimorou, por isso leva 5 estrelas e minha recomendação!

2 comentários:

  1. Olá Wellyson! Estou louca para ler essa série, acho as capas maravilhosas, e as fotos ilustrativas dão um tom sombrio aos livros, muito interessante né? Tenho um que segue essa linha, O Orfanato da Sra. Peregrine Para Crianças Peculiares, é muito bom, leia se tiver a oportunidade :)

    Adorei o Blog e já estou seguindo, te convido a visitar o meu!
    Beijos,
    Ana | Blog Entre Páginas
    www.entrepaginasblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi!
    Sou o tipo de pessoa muito medrosa que se assusta até com espelhos, mas depois de ler essa resenha acho que preciso conhecer esse livro.

    BJS!!!
    http://adolescenteonlineoficial.blogspot.com/

    ResponderExcluir