22 de maio de 2016

Tá Na Estante :: 'A Noiva Fantasma' #532

POSTADO POR EM 22 de maio de 2016

E ai pessoal, tudo bem?

Hoje eu vim falar sobre um livro que me surpreendeu do início ao fim. O livro é A Noiva Fantasma, da autora Yangsze Choo, lançado no Brasil e cedido para resenha pela editora DarkSide Books através do selo DarkLove.
Livro: A Noiva Fantasma
Autora: Yangsze Choo
Editora: DarkSide Books
Páginas: 360
Sinopse: Certa noite, meu pai me perguntou se eu gostaria de me tornar uma noiva fantasma... 1893. Li Lan é uma jovem que recebeu educação e cultura, mas que vive sem grandes perspectivas depois da falência de seus pais. Até surgir uma proposta capaz de mudar sua vida para sempre: casar-se com o herdeiro de uma família rica e poderosa. Há apenas um detalhe: seu noivo está morto. A Noiva Fantasma é o surpreendente romance de estreia de Yangsze Choo, a escritora de ascendência oriental que está encantando fãs por todo o mundo. Por mais fantásticas que pareçam, as noivas fantasmas ainda resistem até hoje em parte da cultura asiática. A prática, que chegou a ser banida por Mao Tsé-Tung durante a Revolução Cultural, foi muito frequente na China e na Malaia (hoje Malásia) no final do século XIX. O casamento era usado para tranquilizar um espírito inquieto, e garantir um lar e estabilidade para as mulheres que diziam sim a maridos já falecidos. É claro que elas tinham um preço alto a pagar, e com Li Lan não seria diferente. Evocando obras como Lugar Nenhum, de Neil Gaiman, essa obra é uma história impressionante sobre o amor sobrenatural e sobre o amadurecimento, escrita por uma extraordinária nova voz da ficção contemporânea.
"Certa noite, meu pai perguntou se eu gostaria de me tornar uma noiva fantasma." Essas são exatamente as primeiras palavras em A Noiva Fantasma, o livro que se passa nos últimos anos do século XIX e conta a história de Pan Li Lan, uma garota de 17 anos moradora da península Malaia.

Li Lan, única filha da família Pan, recebe uma proposta peculiar, mas nem tão incomum quanto possamos imaginar: a proposta de se tornar uma noiva fantasma. Um casamento fantasma é uma tradição comum nas comunidades chinesas, que pode ser realizada casando duas pessoas já mortas, mas que se amaram em vida, ou então unindo uma pessoa viva a uma morta com a intenção de aplacar seu espírito.

O caso de Pan Li Lan se encaixa na segunda situação. Lim Tian Ching, o possível futuro marido de Li, era o herdeiro da família Lim, uma das mais ricas da cidade de Malaca, mas que recentemente faleceu devido a uma misteriosa febre. Porém, mesmo após trilhar seu caminho para a dimensão dos mortos, Tian Ching continua assombrando sua mãe para que seja feito o casamento.

A proposta foi feita pela mãe do rapaz diretamente para o pai de Li Lan, que ficou viúvo após a mãe da menina falecer devido a uma passagem da varíola por seu lar. A proposta iria tirar toda a família Pan da situação onde se encontram, pois junto com o casamento a família Lim se comprometia a arcar com todas as dívidas. Contudo, o pai de Li sabia que se casar com um fantasma e se transformar em uma "dona de casa" não estava nos planos de sua filha.


Em uma visita a casa dos Lim para conversar e conhecer um pouco melhor a sua possível futura família, Li conhece um jovem rapaz que mais tarde ele descobre ser Tian Bai, primo do falecido Tian Ching. Não muito após essa visita, Tian Ching conta para Li em sonho que não faleceu devido a qualquer enfermidade e que na verdade foi assassinado por seu primo.

Para afastar os pesadelos que já estão ocorrendo há algum tempo, Li resolve consultar uma médium para tentar encontrar um solução para seu problema. Com alguns amuletos para "selar" sua casa e um pó para tomar sempre antes de dormir, Li volta para casa pronta para seguir novamente em paz com sua vida.

Entretanto, com o uso excessivo do misterioso pó, Li acaba tendo sua alma separada de seu corpo e se encontra agora na dimensão dos mortos que aguardam julgamento. Sem conseguir voltar para seu corpo, a jovem embarca em uma perigosa jornada em busca da verdade.



Quando recebi a notícia do lançamento de A Noiva Fantasma, imediatamente me apaixonei pela capa da edição brasileira. Desde então vinha desejando o livro mas sabia que se o comprasse seria apenas para tê-lo na estante. Sim, quando eu vi que o livro era escrito por uma chinesa eu imediatamente coloquei na cabeça que seria uma história que não me agradaria, pois além da comida eu normalmente acabo não gostando tanto de coisas chinesas olha o preconceito aí gente. Como o livro foi cedido em parceria com a editora eu me obriguei a ler e posso garantir que não poderia estar mais feliz.

Ao contrário do que me veio à cabeça ao ouvir o título do livro, a história não tem qualquer semelhança com o enredo de A Noiva Cadáver, não que eu imaginasse ser a mesma história, mas esperava algo na mesma pegada.

A escrita da autora é uma obra à parte. Desde as primeiras páginas do livro temos uma narrativa extremamente descritiva, pois Choo não simplesmente nos fala o que está acontecendo, ela conta toda a história por trás daquele acontecimento para que não haja nenhuma dúvida futura. Confesso que ao perceber como era o estilo de escrita, imaginei que seria uma leitura cansativa, mas na reta final do livro, quando as coisas começaram a acontecer um pouco mais rápido, eu comecei a desejar que ela se prolongasse um pouco mais e eu não precisasse largar o livro.

Yangsze Choo criou uma história com um enredo extremamente bem amarrado, com uma boa quantidade de personagens e, ao contrário de muitos autores, ela consegue construir todos com uma maestria inexplicável. Todos os personagens possuem seu passado explorado e estão na história com alguma finalidade.

O final do livro consegue ser ao mesmo tempo esperado e surpreendente, pois embora eu já esperasse o desfecho de um dos mistérios, o livro me surpreendeu com reviravoltas que eu nem sabia que eram possíveis. Choo não deixou nenhuma ponta solta para que pudéssemos colocar defeito.

Em questões físicas falar que a DarkSide arrasou soa quase como pleonasmo. O livro tem uma das capas mais lindas que a editora já lançou, é em capa dura com a parte interna em rosa claro, possui páginas especiais nas divisões entre cada parte do livro, ilustrações de origami no início de cada capítulo, marcador em cetim e páginas extras para você possa fazer seu próprio origami (que eu obviamente não arranquei).

No geral, A Noiva Fantasma é um livro completamente diferente do que eu esperava e consegue juntar fantasia, romance, mistério, corrupção e um pouco mais de uma forma extremamente natural. O livro foi uma das minhas melhores leituras do ano, entrou pro hall de favoritos e com certeza leva 5 estrelas e minha recomendação.


***
Esta postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.
Clique aqui e saiba como participar.

12 comentários:

  1. Bem, diferente de você, quando descobri que a autora era chinesa, fiquei mais curiosa, hahaha, sou apaixonada na cultura oriental!
    Essa capa realmente é muito linda!
    Não sabia que tinha folhas extras no final para fazer origami, também não vou arrancar quando tiver o meu.
    Esses dias estava baratinho no submarino ( 17 reais e uns quebrados), só que era de noite e não comprei, quando acordei no outro dia tinha mudado pra R$38, nem sofri!
    Enfim, ótima resenha! Escrevei mais que o normal hoje!

    ResponderExcluir
  2. Esse livro foi daqueles que me conquistou pela capa, não vou mentir, e me envolveu ainda mais com a sinopse. O único problema é que comecei a ler resenhas bastante divergentes que variavam do positivo ao negativo numa escala muito grande. A conclusão é a de que preciso ler para tirar minha própria opinião sobre a leitura, mas no fim fico adiando a compra por ter esse temor de que acabe não gostando tanto.

    ResponderExcluir
  3. Nossa, que máximo. Adoro saber algumas histórias diferentes e essa é muito diferente do que costumo ler. Confesso que lembrei de "Equilibrium" quando na resenha dizia que a alma dela separou-se do corpo, me lembrou Luca e fiquei super curioso por esse livro. Sem falar desta capa linda que atrai qualquer leitor, a DarkSide sempre arrasa. Uma ótima resenha, parabéns. :D

    ResponderExcluir
  4. Eu já queria esse livro por ser um livro da Darkside e por essa capa maravilhosa e agora quero mais ainda por essa resenha maravilhosa que vcs fizeram desse livro!

    ResponderExcluir
  5. Gente... Não tem jeito, né? A DarkSide é maravilhosa! Achei sua resenha incrível!

    http://antesdascinco.com/

    ResponderExcluir
  6. As capas da DarkSide são maravilhosas! Quero muito ler esse livro, a narrativa parece ser bem envolvente. Confesso que fiquei curiosa para saber qual será o desfecho final da história. A temática do livro é intrigante e diferente, estou realmente ansiosa para lê-lo.

    ResponderExcluir
  7. Eu ganhei esse livro há algum tempo e não vejo a hora de ler!
    A história é bem diferente e com certeza é ótima!
    A capa é realmente linda e também não arranquei as páginas pra fazer os origamis haha

    ResponderExcluir
  8. A darkside só anda lançando livros sensacionais, com capas maravilhosas, né???

    Esselivro parece ser muuuuito bom. Amei saber que é bom, assim como amei a sinopse e tudp hehehe
    Apesar de eu achar esse costume bem estranho >_> e tipo, ele existe mesmo!!!

    A cinderela chinesa é um ótimo livro chines tbm, fica a dica

    ResponderExcluir
  9. Que resenha perfeita, se que já queria ler este livro, agora então? Estou morta!
    Sua resenha é a primeira que leio sobre o livro, sou do tipo que quando gosto da capa leio apenas uma resenha pra reafirmar a vontade de lê-lo, e essa capa é diva, Darkside está dando um show com as capas de suas obras.
    Amei a premissa, e o fato da história ser tão diferente do que a gente imagina ao ler o título, e saber que a autora não deixou nenhuma ponta solta e o final não deixou a desejar só me animou mais ainda.
    Claro que está na minha lista.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  10. Uau, Wellyson, não sabia que a história envolvia tantas coisas assim.
    Fiquei bem curiosa para ler e conhecer. Eu não tenho preconceito com coisas chinesas e japonesas não hahahahaha.
    Quero ler esse livro para ontem!

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Gostei muito dessa capa, esse foi um livro que me deixou bem curiosa, achei bem interessante essa cultura chinesa que temos no livro e realmente o livro também é diferente do que imagina mas foi uma surpresa positiva fiquei bem curiosa sobre essa jornada da personagem e se tiver oportunidade quero muito ler essa historia !!

    ResponderExcluir
  12. Só vi até hoje uma pessoa que teve a coragem de arrancar as folhas! Quase chorei, mas tenho que admitir que o origami ficou lindo haha
    Adorei sua resenha, estou louca para ler o livro e você conseguiu me deixar com ainda mais vontade!
    Gislaine | Paraíso da Leitura

    ResponderExcluir