31 de maio de 2016

Tá Na Estante :: 'Um Novo Amanhã' #535

POSTADO POR EM 31 de maio de 2016

Heeey, gente. Tudo bem?


Minhas leituras andam fluindo maravilhosamente e hoje vim contar para vocês o que achei do novo livro da Nora Roberts, publicado em março pela editora Arqueiro.

Resenha Um Novo AmanhãLivro: Um Novo Amanhã
Série: A Pousada (#01)
Autora: Nora Roberts
Editora: Arqueiro
Páginas: 320
Sinopse: A tradicional pousada da cidade de Boonsboro já viveu tempos de guerra e paz, teve diversos donos e até sofreu com rumores de assombrações. Agora ela está sendo totalmente reformada, sob direção dos Montgomerys, que correm para realizar a grande reinauguração dentro do prazo. Beckett, o arquiteto da família, é um charmoso conquistador que passa a maior parte do tempo falando sobre obras, comendo pizza e bebendo cerveja com seus irmãos Ryder e Owen. Atarefado com a pousada, ultimamente nem tem desfrutado de uma vida social decente, mas pretende mudar logo isso para atrair a mulher por quem é apaixonado desde a adolescência. Depois de perder o marido na guerra e retornar para Boonsboro, Clare Brewster leva uma vida tranquila cuidando de sua livraria e dos três filhos. Velha amiga de Beckett, ela volta a se reaproximar dele ao ajudar nos preparativos da pousada. Em meio a essa apaixonante reconstrução, rodeados de amigos, Beckett e Clare passam a se conhecer melhor e começam a vislumbrar um futuro novo e promissor juntos. Neste primeiro livro da trilogia A Pousada, Nora Roberts apresenta o romântico Beckett Montgomery, que, ao buscar realizar o sonho de sua família, acaba deparando com um amor que pensava estar esquecido.

Comandada por três irmãos, a Construtora Montgomery é conhecida por ser muito eficiente em seus projetos. Os jovens aprenderam com o pai a serem quem são hoje e mesmo depois da morte do patriarca, Ryan, Owen e Beckett, cada um com sua especialidade, seguem colocando a mão na massa sempre que preciso.



O novo projeto da empreiteira é reformar um prédio antigo na cidade de Boonsboro e, em sociedade com a mãe, transformá-lo em uma pousada. Esse empreendimento está deixando a cidade em polvorosa, já que promete movimentar os negócios na mesma.

O caçula Beckett sempre fora apaixonado por Clare, mas ela namorava Clint e aos dezenove anos os dois se casaram. Quando o marido de Clare tornou-se militar, a jovem mudava-se constantemente e acabou afastando-se de Boonsboro e, consequentemente, de Beckett. Quando retornou à cidade natal, grávida, viúva e com duas crianças, Clare abriu uma livraria e passava grande parte do seu tempo dando a devida atenção aos seus filhos.

Durante a reforma da pousada, Clare se prontificou a ajudar com a publicidade e ela e Beckett acabaram se reaproximando. Essa pode ser a chance que o rapaz esperou durante toda sua vida, mas ele precisará entender que agora Clare é uma mulher adulta e tem três filhos. Para que uma relação dê certo, ele não precisará só conquistar o coração da amada, mas também o das crianças, assim como precisará amá-las como ama a mãe delas.

Querem saber o que vai acontecer? Então não deixem de ler!

Quem me conhece sabe que sou apaixonada pela série Quarteto de Noivas e por isso estava com grandes expectativas para essa nova série da Nora. Porém, preciso dizer que não gostei tanto do livro como pensei que gostaria. Parece que faltou algo, um estopim para me convencer, algo que não senti com os outros livros da autora.



Não que a escrita de Nora esteja ruim, muito pelo contrário. Sua narrativa é fluida e envolvente, daquelas que você termina em poucas horas e fica querendo mais. O problema foi que, mesmo com todos os elementos característicos de Nora sendo apresentados, senti que o livro estava aquém do potencial da autora. Eu via infinitas possibilidades para a trama se desenvolver e Roberts resolveu seguir o simples, que nem sempre é o melhor a ser feito.

Os personagens foram muito bem construídos e pelo final desse livro já dá pra imaginar quem será o casal protagonista da sequência. Foi impossível não me apaixonar por Beckett e torcer por ele. Assim como no caso de Clare, que é uma mulher forte, mas que sofreu demais e merecia reencontrar a felicidade. Amei ver os dois juntos e shippei loucamente, confesso.

O ponto alto do livro, sem sombra de dúvidas, é o contato de Beckett com os filhos de Clare. Ele tenta aproximar-se dos pequenos e, obviamente, suas tentativas influenciam na opinião da moça sobre o possível relacionamento deles. Foi lindo de acompanhar os momentos que eles passaram juntos.

Pesquisando, acabei descobrindo que Nora possui uma pousada na vida real e acredito que conferiu muito de sua experiência pessoal para os personagens do livro. Existem vários quartos na Pousada Boonsboro, nomeados em homenagem a casais da literatura que tiveram finais felizes. Gente, nem preciso dizer que ficaria no quarto dedicado à Elizabeth e Darcy, né?



Algo que me incomodou na trama foi o fato de a autora explorar uma pegada um tanto sobrenatural, que achei desnecessária. A princípio, foi instigante, já que condizia com a proposta da história, mas no final ficou forçado. Pareceu que Nora investiu nisso pra não precisar pensar em algo mais elaborado e deixar o leitor frustrado. Infelizmente, não deu muito certo, né, amiga?...

A edição física está no mesmo estilo dos outros livros da Nora publicados pela Arqueiro, com letra capitular, páginas amareladas, espaçamento bom e fonte média. A capa é muito bonita, mas confesso que preferia a original. A Editora Arqueiro manteve a identidade visual, mas faltou aquele "quê" romântico que a história tem e a capa não transmitiu. 

Um Novo Amanhã é uma história leve e tirando as ressalvas citadas, a leitura foi muito prazerosa. Por isso, com certeza recomendo esse livro e já estou ansiosa pelos próximos volumes. Espero que vocês gostem!

Beijocas e até a próxima!

10 comentários:

  1. A nora é rainha, a mulher já escreveu mais livros do que eu consigo imaginar ser possível, por isso perdoou as faltas do livro que você citou, também prefiro a capa original por que querendo a capa tem sua responsabilidade em atrair novos leitores para aquele livro, quem nunca se apaixonou pela capa e acabou decepcionado com a historia ou não gostou da capa mas amou a historia, adorei a sua resenha me fez querer ler esse livro mais ainda.

    ResponderExcluir
  2. Nunca li nada da autora, mas agora tô curiosa!

    ResponderExcluir
  3. Nunca li nada da Nora, mas sempre vejo os livros dela por aí, nas livrarias, na net. Fico sempre curioso e depois dessa resenha tô ainda mais.

    ResponderExcluir
  4. Confesso que não estava interessada em ler esse livro, porém fui lendo algumas resenhas que me convenceram a dar uma chance a leitura do mesmo. Alguns pontos abordados nessa resenha diminuíram um pouco minhas expectativas, mas ainda estou interessada na narrativa do livro. Quero muito ver como será o relacionamento do Beckett com a Clare e com os filhos dela.

    ResponderExcluir
  5. Oiee!
    Amo os livros da Nora, sou super fã.
    Mas assim como você, acho que esse faltou algo, só em ler a sinopse já desanimei, não gosto de livros onde tem crianças entre o casal (me julguem rsrs), gosto daquele clichê, homem, mulher e só. :D
    É uma pena o livro ser fraco, mas fazer o quê, nem dona Nora consegue agradar sempre.
    Bjokas!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Bárbara, mesmo com as ressalvas, bom saber que você gostou do livro. Uma amiga minha largou e eu estava totalmente sem esperança em ler. Depois dos seus elogios a vontade voltou.
    Vou dar uma chance, adoro Nora.

    ResponderExcluir
  7. Ai que trilogia mais fofaaaaa *-*
    Tinham me indicado esse livro, mas eu não sabia que era uma trilogia.
    Gosto muito de séries assim, em que os livros não são com os mesmos protagonistas, mas que todos os personagens se conhecem e tem alguma participação, como em Quarteto de Noivas e Os Bridgertons!

    ResponderExcluir
  8. Bom, ainda não li nem um livro da Nora Roberts, mas tenho diversos livros dela em minha lista de leituras, não conhecia esse livro, mas lendo um pouco mais sobre a história dele na sua resenha fiquei bem curiosa e interessada, adicionei em minha lista de leituras.

    ResponderExcluir
  9. Esse sentimento que tu teve meio q de frustração, de faltar um BAM na história é o que eu normalmente tenho com romances...E Nora não fica atras. As pessoas amam essa autora e tal, mas eu não consigo compartilhar o interesse, sabe?

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Quero muito ler esse livro, só li uma serie da Nora Robert que foi o Quarteto de Noivas mas simplesmente adorei, e quando soube desse lançamento fiquei bem interessada, gostei muito da historia que parece simples mas envolvente e interessante,só não entendi esse lado sobrenatural que o livro tem e a serie toda está na minha lista de leitura !!

    ResponderExcluir