6 de outubro de 2016

Tá Na Estante :: 'Eu Sem Você' #580

POSTADO POR EM 6 de outubro de 2016

Heeeey, gente. Tudo bem?


Hoje vou falar sobre um romance água com açúcar, que vocês sabem que são os meus favoritos. Foi lançamento da Arqueiro há uns dois meses e eu a-mei! Bora lá?

Livro: Eu Sem Você
Autora: Kelly Rimmer
Editora: Arqueiro
Páginas: 304
Sinopse: Há um ano, conheci o amor da minha vida. Para duas pessoas que não acreditavam em amor à primeira vista, até que Lilah e eu chegamos bem perto de dizer que isso aconteceu conosco. Eu tinha um bom emprego em uma agência de publicidade e não fazia outra coisa além de trabalhar. Era incapaz de tomar decisões sobre meu futuro e minha casa inacabada e não sabia aproveitar a vida. Até conhecer Lilah. Lilah MacDonald era uma advogada ambientalista linda e decidida – e, para minha surpresa, detestava usar sapatos. Era uma pessoa tão maravilhosa que é até difícil descrevê-la. Nosso relacionamento não poderia ser mais improvável, mas me transformou profundamente. Comecei a enxergar as coisas de outra forma e a redescobrir antigas paixões. Lilah me ensinou a viver outra vez e a aproveitar ao máximo tudo o que a vida tem a oferecer. Ela me proporcionou momentos incríveis, mas também manteve em segredo algo que partiu meu coração. Ainda assim, se há uma coisa que aprendi com Lilah é que o amor pode curar qualquer ferida. Meu nome é Callum Roberts e esta é a nossa história. 
Callum Roberts é um workaholic completo. Ele está na faixa dos 40 anos de idade e trabalha na área de marketing e publicidade. Afastado da família desde a morte dos pais, Callum é bastante solitário e por isso dedica toda sua atenção ao trabalho, mesmo que afirme não ser tão solitário quanto as pessoas imaginam.

Durante uma das suas frequentes viagens de balsa, Callum depara-se com um par de pés extremamente sujos, que acredita tratar-se de um sem-teto. Porém, ao levantar os olhos, descobre que sua conclusão fora equivocada. Aqueles pés descalços e imundos pertenciam a Lilah, uma advogada conhecida por ser uma ativista ambiental, que lutava com unhas e dentes quando pegava essas causas no tribunal.

Apesar de ser um homem quieto, o fato dos pés descalços de Lilah incomodam tanto Callum que ele não pode evitar perguntar o motivo de ela estar tão bem vestida e sem sapatos. A resposta dela, de que não precisava deles fora do trabalho, faz com que Callum entre em uma discussão com ela sobre esteriótipos de beleza, o que o leva a ser alfinetado pelas outras mulheres a bordo. O debate ganha força e termina em um jantar entre Callum e Lilah. Sim, rápido assim.

Lilah vai contra tudo que Callum é. Ela é vegana, adora falar e tem opinião sobre tudo. O jantar é bem diferente do que ele esperava. Após comerem, os dois vão passear na praia, após muita insistência de Lilah. Sob a luz do luar, os dois se envolvem ainda mais e decidem estender o encontro para o apartamento dele.

Na manhã seguinte, quando acorda, Callum percebe que Lilah já havia partido, o que o deixa um tanto chateado, já que ele não tinha seu número para encontrá-la outra vez. A moça mexera demais com seu coração e ele temia não encontrá-la outra vez. Quando ela não apareceu na balsa nos dias seguintes, suas esperanças foram desmanchando-se.

A verdade é que Lilah também sentiu-se muito atraída por Callum, mas após alguns relacionamentos onde sofrera muito, não estava preparada para engatar um novo romance e preferiu deixar tudo isso como um encontro casual, do qual lembraria-se para sempre. Ela parou de usar a balsa, pois sabia que se o encontrasse novamente seria impossível resistir.

Mas o destino faz com que o caminho dos dois se cruze mais uma vez e eles se envolvem novamente, mas com a regra de que tudo acontecerá naturalmente, sem pressões ou rótulos. O sentimento que existe entre os dois é intenso demais e logo eles se veem reavaliando seus conceitos. Porém, um segredo de Lilah pode colocar todo esse relacionamento à prova e partir o coração de Callum de uma forma que ele nem imagina.

Querem saber o que vai acontecer? Então não deixem de ler!

Quando vi esse livro entre os lançamentos da editora Arqueiro, foi paixão à primeira vista. Logo na capa há uma citação que diz que o livro é perfeito para os fãs de Jojo Moyes e Nicholas Sparks. Como sou apaixonada pelos dois autores, sabia o que esperar desse livro e resolvi solicitar, já me preparando para as lágrimas que com certeza viriam.

A escrita de Kelly Rimmer é leve, fluida e deliciosa. Logo nas primeiras páginas me vi presa em sua narrativa, querendo saber o que iria acontecer. Há tempos que não lia um bom drama e a autora não só conseguiu criar uma história excelente, como me emocionar demais no decorrer da narrativa. Devo dizer que a trama é sim um pouco clichê, mas como eu amo clichês, não me importei.

Os personagens principais foram muito bem construídos. Callum é aquele típico homem de romances, que não liga pra muitas coisas e tem a vida transformada quando conhece a mocinha. No começo eu não gostei muito dele, mas depois que Lilah entrou em sua vida, ele passou a encarar o mundo com outros olhos e ficou mais legal.

Sobre Lilah... Que personagem fantástica. Ela entrou na vida de Callum como um furacão e mudou vários conceitos arcaicos que o homem mantinha. Lilah é super pra frente, animada com tudo e muito feliz. Claro que no fundo ela esconde muita dor, mas quando estava com Callum, muito era esquecido.

Como eu disse, o livro é um drama. Só pelo título e a citação na capa vocês já devem imaginar o que vai acontecer. Eu também soube e não sabia o que esperar do final, mas Kelly conseguiu criar algo original e me surpreender, mesmo apostando na previsibilidade. Sei que não faz muito sentido dito assim, mas quando vocês lerem vão entender.

A edição física está muito bem trabalhada, naquele padrão da editora Arqueiro. A capa não é muito chamativa, mas achei bonita. A diagramação é simples, as páginas são amareladas e a fonte é grande. A revisão está impecável. Não lembro de ter encontrado erros durante a leitura.

Eu Sem Você é um drama incrível, que merece ser conhecido por todos. Deem uma chance e se joguem nessa leitura. Garanto que não haverá arrependimentos.

Beijocas e até a próxima!!!
***
Esta postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.
Clique aqui e saiba como participar.

13 comentários:

  1. Adoro um bom drama, mas você e deixou curiosa com esse segredo da Lilah que pode partir o coração do mocinho rs, fiquei tentando imaginar o que poderia. É muito bom quando o personagem muda para melhor, isso nos leva a analisar nossas atitudes também.

    ResponderExcluir
  2. A sinopse me atraiu bastante, pois estou numa fase em quero ler livros com personagens mais maduros, adultos mesmo, sabe?!!
    Fiquei curiosa com a forma que eles se conhecem, e tb com a personalidade da Lilah. Parece ser aquele tipo de personagem estranha e misteriosa que te prende a leitura.
    Gostei mto de sua indicação!!

    ResponderExcluir
  3. Ele me deu uma desanimada pelas resenhas que vi. Muita coisa que me incomodou... Mas achei a sinopse o estilo do livro bom, tinha pensado que era desses dramas que gosto de ler. Clichês que adoro. Só que ainda estou meio encima do muro quanto a pegar. Não sei mais se ele me agradaria ou não e estou empurrando a leitura mais pra frente. Acho que vou acabar lendo, mas sei lá quando =/

    ResponderExcluir
  4. Infelizmente não estou em uma vibe de romance água com açúcar (apesar de amar essa temática de coração) apesar de já ter visto esse livro recentemente e adorado todo esse enredo, não consigo pegar um impulso para a leitura. Vida triste essa de ressaca literária.

    ResponderExcluir
  5. Vi comentários bem divergentes sobre esse livro, e apesar dessa história de opostos se atraem, fico cada vez mais em dúvida se devo lê-lo ou não, isso porque em alguns pontos senti um pouco de clichê e bate aquela dúvida se foi bem desenvolvido. A capa é simples, mas ainda assim bonita.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Mais um pra lista, adoro um romance água com açúcar e se tiver um bom drama melhor ainda.

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Oi, Barbara!!
    Adoro um bom romance água com açúcar, esse parecer ter um pitada de drama também!! Gostei bastante e sem dúvida já está na lista.
    Beijoss

    ResponderExcluir
  9. Gostei de ser um romance/drama mais maduro com personagens nessa faixa etária, e considerando que é indicado pra fãs de Sparks, já sei que deve render muitíssimas lágrimas.
    Só achei que tudo acontece muito rápido entre eles, com encontro, discussão, jantar e já uma noite juntos e pronto, se se encontrarem de novo vai ser irresistível... Mas acho que se for pra apreciar é melhor eu tentar ignorar tudo isso e tentar ler o livro quando puder.

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia esse livro ainda e gostei bastante, não é o que costumo ler mas me interessei, quem sabe quando a minha lista de livro para ler diminuir posso dar uma chance a este.

    ResponderExcluir
  11. Ah! Adorei essa história, fiquei bem curiosa com o livro, apesar de suspeitar que ela deve ter alguma doença, e por isso deve viver sua vida assim tão intensamente, no momento eu não me encontro bem emocionalmente pra ler um drama desses, mas é sempre bom ter mais um livro pra acrescentar na listinha!

    ResponderExcluir
  12. Este livro tem sido bastante elogiado nas resenhas que tenho lido inclusive na sua, o que deixa a gente ainda mais animado para ler, gosto de livros que tem uma historia que te prende e ainda mais tendo drama e romance, algo leve de se ler, mas trás algo além nas suas palavras. Gosto bastante da capa, deixa a gente curiosa para saber o porquê.Adorei conhecer um pouco mais sobre ele. Beijo♥

    ResponderExcluir
  13. Eu vi muita gente falando muito bem do livro, mas eu realmente não me dou bem com romances agua-com-açucar, então não desejo ler. Porém, a capa está maravilhosa e eu gostei de saber que é um bom livro, pq eu estou cheia de amigas que gostam desse tipo de leitura hahaha

    ResponderExcluir