17 de outubro de 2016

Tá Na Estante :: 'Uma noite e nada mais' #585

POSTADO POR EM 17 de outubro de 2016

Heeeey, gente. Tudo bem??


Comecinho de semana e eu com dica de leitura pra vocês ♥ Muita gente me indicou essa série e eu fiquei bem curiosa, apesar do tema ser bem clichê, vocês sabem que é do clichê que a gente gosta mais. Então bora lá!

Livro: Uma Noite e Nada Mais
Série: Reasonable Doubt (#01)
Autora: Whitney G.
Editora:Universo dos Livros
Páginas: 128
Sinopse: Nesta série, a autora best-seller do The New York Times e do USA Today, Whitney Gracia Williams, mistura os mundos do Direito e da dança em uma narrativa apaixonante e erótica que vai fazer o leitor rir, chorar e querer (sempre) um pouco mais. Andrew Hamilton é um advogado extraordinário que só se envolve com mulheres que conhece pela internet. Sua astúcia e beleza, porém, preservam um segredo do passado aquilo que fez dele o homem que hoje é. Seu lema com as mulheres é simples e direto: Uma noite e nada mais. Até o dia em que uma mulher especial entra em sua vida, fazendo-o rever suas convicções sobre relacionamentos e virando seu mundo de pernas para o ar...
Andrew Hamilton é o tipo de cara que não serve para um relacionamento sério. Advogado, bem-sucedido e lindo, o boy só quer saber de beijinho, beijinho, tchau, tchau e não consegue nem ser amigo de uma mulher.

Porém, navegando por uma rede social feita para advogados ele conhece Alyssa, uma mulher diferente de todos os tipos que ele já viu. A jovem começa uma conversa pedindo ajuda sobre um caso com o qual está lidando e a partir daí surge uma amizade grande entre os dois. Claro que Andrew não deixa de cantar a garota, mas ela leva tão na esportiva que ele acha que realmente não tem jeito.

Entre dicas de como lidar com processos e conversas um pouco mais quentes, o contato dos dois já dura alguns meses e o maior desejo de Andrew é conhecer a bela advogada que mexe com todas as estruturas dele, mas ela prefere seguir no anonimato. Entretanto, quando a jovem aparece em uma entrevista para estagiária na empresa onde ele é sócio, todo o seu plano cai por terra e o advogado terá que lidar com o mal mais nocivo para ele: a mentira.

***

Whitney G. tem o dom da narrativa! Sabe aquele livro impossível de largar, tanto pela paixão quanto pelo suspense contido nas páginas? Toma aí Uma noite e nada mais. Apesar de ser um dos tipos de eróticos mais clichês e chulos, a autora segurou o leitor na trama de forma surpreendente e enigmática, guardando mistérios até o próximo volume, danada!

O livro foca bastante nos protagonistas, quase sem a presença de personagens secundários. Ambos têm uma carga pesada, principalmente com relação às famílias e a relacionamentos antigos. Por isso, ambos têm medo de acabar se apaixonando e se decepcionando um com outro, já que a essa altura da vida eles são praticamente tudo o que têm.

O livro é curto, mas não deixa de ser emocionante. A trama têm início, meio, fim e deixa tudo aberto para o próximo volume, que é um pouco maior. Na realidade me senti lendo um prólogo mais extenso para uma história que com certeza irá pegar fogo.

A edição está ótima. A Universo dos Livros arrasou na tradução e revisão. Já aviso de antemão que os termos utilizados na trama são bem pesados e a autora não poupa detalhes nas cenas quentes.

Se eu já tinha tudo isso a dizer de um livro de 100 páginas, imagina o que virá quando o segundo volume chegar em minhas mãos. Sugiro que vocês corram até a livraria mais próxima e compre este aqui, pois teremos muito a conversar ainda. Indico pra caramba!

Beijocas e até a próxima!!!
***
Esta postagem está concorrendo ao TOP COMENTARISTA.
Clique aqui e saiba como participar.

10 comentários:

  1. Oii Bah! Tudo bem? Ainda não conhecia este livro, e apesar da tua animação em relação a ele confesso que este gênero nem a premissa do livro me chamou a atenção.Mas é um gosto pessoal mesmo. Espero que a continuação continue tão boa quanto à este primeiro livro. Beijoo♥

    ResponderExcluir
  2. Vi algumas coisas desses livros e não, não é pra mim. Não gosto muito desse tipo de história então não me chama muita atenção. E tem termos pesados? Hum...dependendo do que for talvez até relevasse, se acabasse lendo, mas tem uns livros nesse estilo que quando a coisa fica pesada em relação a fala ou coisa assim é que não gosto. Pra quem curte esse tipo de leitura ele parece ser bom, se deixou tão animada desse jeito. Tomara que goste do próximo também e boa leitura =)

    ResponderExcluir
  3. Oi, Barbara!!
    Já li esse livro é adorei!! Gostei bastante da resenha que me fez lembrar um pouco da história que já tinha lido. Bom eu gosto muito dessa autora e espero que a continuação seja ainda melhor que o primeiro.
    Beijoss

    ResponderExcluir
  4. Que interessante esta história, principalmente, a forma como eles se conhecem. Esta coisa do anonimato, trás um suspense para a trama e aguça, ainda mais, minha curiosidade e ler o livro. E se tem continuação, melhor ainda. A pesar de eu viver dizendo que não lerei mais nenhuma nova trilogia ou série, não consigo resistir. Adoro livros que tenham continuação!!

    ResponderExcluir
  5. Oi, Barbara!
    Infelizmente esse livro não me interessou nem um pouco... Achei a premissa bem batida, e achei forçada a forma como ele encontrou a Alyssa querendo trabalhar junto com ele um tempo depois de eles se conhecerem e ela dar um fora nele. Pelo menos no momento não me interessou, mas ficarei de olho em resenhas do próximo volume.

    ResponderExcluir
  6. Mas é claro que a gente ama esses clichês. Impressionante como tudo que é livro que Barbara indica eu corro pra adicionar na minha lista.

    ResponderExcluir
  7. A história deve ser divertida, fiquei curiosa em saber como vai desenrolar devido ela ir logo na empresa que ele é sócio que coincidência ou não rs.

    ResponderExcluir
  8. Já tinha visto esse livro mas ainda não tinha lido sobre o que se tratava, a historia parece ser muito boa, fiquei curiosa para ler.

    ResponderExcluir
  9. Oi!! EU tenho visto o povo falar bastante e bem desse livro, mas não consigo criar vontade de ler. Depois de 50 tons, que é um desastre, eu não consigo me animar a ler nenhum desses livros hot

    ResponderExcluir