25 de abril de 2017

Tá Na Estante :: 'Sem Juízo' #656

POSTADO POR EM 25 de abril de 2017

Heeey, gente. Tudo bem???

Olha eu com resenha nova para vocês! Hoje vou comentar sobre o lançamento de uma autora que eu adoro e espero que vocês também se apaixonem. Vamos lá?

Livro: Sem Juízo
Série: Legal Briefs (#01)
Autora: Emma Chase
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 304
Sinopse: Como advogado em Washington, DC, Stanton Shaw mantém as perguntas afiadas e os argumentos irrefutáveis, além de ser conhecido como “Encantador do Júri” com seu sotaque do sul, sorriso irresistível e olhos verdes cativantes. Embora pareça que sua vida está seguindo pelo caminho que sempre desejou, o advogado perde o rumo ao descobrir que Jenny, sua namorada do colegial e mãe de sua filha, irá se casar. Como uma medida desesperada, ele implora que Sofia – a amiga alucinantemente colorida – o acompanhe ao Meio do Nada, no Mississippi, para ajudá-lo a reconquistar a mulher que ama. Sofia aceita, mesmo que seu lado racional diga uma coisa e seu coração outra…O que pode acontecer quando você mistura uma cidade com um único semáforo, dois advogados profissionais, uma rainha do baile de formatura, quatro irmãos mais velhos, a salsicha de Jimmy Dean e uma vovó armada? O uísque rola solto, a paixão cresce e até o mais detalhado dos planos é atropelado pelos desejos do coração.



Stanton Shaw nunca perdeu em um julgamento. Ele sabe as armas certas para seduzir o júri e conseguir inocentar seu cliente. Por isso é um dos advogados mais requisitados da agência onde trabalha incansavelmente. O rapaz deixou para trás, há cerca de 10 anos, uma namorada do colegial que carregava sua filha. Apesar de querer ficar com ela, sabia que precisava buscar um futuro melhor para a família que estava constituindo, por isso partiu para Washington. No entanto as coisas não fluíram como ele esperava.



O advogado era completamente apaixonado pelo trabalho e pelo tipo de vida que levava com Jenny, a mãe de sua filha. Eles tinham um acordo de relacionamento aberto, onde estavam juntos quando o rapaz ia passar uma temporada no interior, mas podiam se relacionar com outras pessoas quando este estivesse na capital. Tudo seguia nos conformes e ele já visualizava, em um futuro recente, trazer Jenny e a filha deles, Presley, para morar na capital. Mas seus planos são arruinados quando ele recebe em casa um convite para o casamento de Jenny com um noivo que ele sequer ouviu falar.

Do outro lado da história temos Sofia; ela é uma americana descendente de brasileiros que, assim como Stanton, é uma fera nos tribunais. Mesmo com pouco tempo de carreira, a moça segue inabalável, aprendendo com seu instrutor. Sofia e Stanton são colegas de trabalho, quase que melhores amigos e alimentam, além do envolvimento profissional, um envolvimento sexual. Sofia sabe dos sentimentos que Stanton tem por Jenny e têm absoluta certeza de que ele nunca será dela, mas parece que o coração da moça não acompanha o que está em sua cabeça.



Decidido a acabar com o casamento de Jenny e pronto para arrastá-la com ele até Washington, Stanton convida Sofia a embarcar em uma viagem para o interior a fim de entender o que está acontecendo. Ele segue afirmando que precisa de Sofia para controlá-lo em momentos de picos de nervosismo, mas lá no fundo sabe que precisa da presença dela por algum outro motivo, motivo esse que ele ainda não sabe definir.

Agora, no pequeno interior onde nasceu e foi criado, Stanton começa a perceber que talvez o sentimento de posse que ele sente por Jenny não seja necessariamente amor, talvez seja um simples orgulho ferido. Percebe também que tudo o que é relacionado a Sofia lhe causa mais impacto, uma sensação até então desconhecida por ele. Pronto, a confusão está armada!

***

Emma Chase, eu te venero! Tá pra nascer uma mulher que escreva eróticos de uma forma tão harmoniosa e interessante quanto essa. Durante toda a trama eu fiquei presa ao triângulo protagonista e sem saber qual team tomar, ao mesmo tempo que eu torcia por uma, torcia pela outra. Meu Deus, que martírio! Fiquei empolgada pela forma como a autora escreveu e como tudo foi se encaixando.



Foi bem interessante levar para uma cidade tão pequena, onde todos se conhecem, pessoas que estavam habituados a vida numa cidade grande. Acompanhar as descobertas deles quanto a vida e quanto aos seus sentimentos quando não tinham o mínimo de privacidade foi intenso, pois os sentimentos ficaram evidenciados de uma forma muito aberta e explícita, mas ainda assim deixando muito para a criatividade do leitor.

Stanton faz a linha de mocinhos/vilões que a gente ama. O charme aliado ao temperamento forte, fez dele o típico bad boy. Então tenho que dizer que foi maravilhoso vê-lo de quatro por duas (ou seriam três?) mulheres no decorrer da trama, além de observar algumas de suas amarras caírem no decorrer da leitura.



O casal protagonista, aliado aos personagens secundários, são fortes e intensos, mas confesso que em alguns momentos os senti muito imaturos, e digo isso de todos os personagens. Pareciam que eles estavam vivendo uma novela, não a vida real. Acho que a Emma pecou um pouco nisso, criou uma trama tão bem pensada que em alguns momentos eu sentia que ela introduzia cenas para não fugir ao roteiro.



Eu amei Sem Juízo, fiquei empolgada durante toda a leitura, criei milhares de hipóteses, mesmo não existindo um mistério por trás de tudo. Adorei os personagens e estou mega ansiosa para conhecer as histórias dos amigos desse casal louco. Indico demais a leitura, preparem-se para perder o fôlego.

Beijocas e até a próxima!!!

2 comentários:

  1. Oie lindona, já li toda a série e gostei muito, super recomendo. bjos

    ResponderExcluir
  2. Oi gatinha! Estou doida por esse livro só essa capa maravigold já chamou minha atenção ai vem essa história e acaba comigo! Quero e vou ler esse livro o mais rápido possível!!! Beijocas

    ResponderExcluir