14 de janeiro de 2018

Tá Na Estante :: 'Como se Casar com um Marquês' #748

POSTADO POR EM 14 de janeiro de 2018

Heeeey, gente. Tudo bem??

Hoje vou contar um pouco sobre uma leitura que fiz no começo de dezembro, mas que demorei para conseguir colocar em palavras o quanto gostei. Estão preparados?

Livro: Como se casar com um marquês
Série: Agentes da coroa #02
Autora: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Páginas: 320
Sinopse: Elizabeth Hotchkiss precisa se casar com um homem rico, e bem rápido. Com três irmãos mais novos para sustentar, ela sabe que não lhe resta outra alternativa.Então, quando encontra o livro Como se casar com um marquês na biblioteca de lady Danbury, para quem trabalha como dama de companhia, ela não pensa duas vezes: coloca o exemplar na bolsa e leva para casa.Incentivada por uma das irmãs, Elizabeth decide encontrar um homem qualquer para praticar as técnicas ensinadas no pequeno manual.É quando surge James Siddons, marquês de Riverdale e sobrinho de lady Danbury, que o convocou para salvá-la de um chantagista. Para realizar a investigação, ele finge ser outra pessoa. E o primeiro nome na sua lista de suspeitos é justamente... Elizabeth Hotchkiss.Intrigado pela atraente jovem com o curioso livrinho de regras, James galantemente se oferece para ajudá-la a conseguir um marido, deixando-a praticar as técnicas com ele. Afinal, quanto mais tempo passar na companhia de Elizabeth, mais perto estará de descobrir se ela é culpada.Mas quando o treinamento se torna perfeito demais, James decide que só há uma regra que vale a pena seguir: que Elizabeth se case com seu marquês.


Clique aqui para comprar o livro e aqui para ler a resenha do volume anterior. 


Quando os pais de Elizabeth Hotchkiss morreram, ela assumiu toda a responsabilidade pelos irmãos mais novos, mesmo sem ter condições de criá-los. Agora estão vivendo a pior fase de suas vidas e o emprego de dama de companhia de lady Danbury não está dando para sustentar a casa da jovem e seus três irmãos. Elizabeth precisa se casar, urgente, mas não faz ideia de como conquistar um homem com posses suficiente para sustentar sua pequena família. Sim, ela precisa se casar por interesse.



James Siddons é o marquês de Riverdale e trabalha para a coroa britânica, mas após uma missão longa que acabou por apreender seu parceiro - na constituição do casamento, no caso! -, ele precisa de um descanso e aceita o convite de sua tia, lady Danbury, para investigar uma possível chantagem que ela está sofrendo. Chegando lá, o marquês assume uma nova identidade e começa a buscar suspeitos, tendo como principal alvo Elizabeth.

Nesse meio tempo, Elizabeth encontra, na biblioteca da chefe, um guia que pode salvar sua vida: Como se casar com um marquês. Não que ela quisesse se casar com um marquês, mas esta poderia ser uma porta para enfim conseguir conquistar um marido. Então a jovem começa a treinar os ensinamentos do livro com James, o novo administrador de lady Danbury e, ocultamente, o marquês.



Quando descobre sobre o livrinho, James se oferece para ajudar Elizabeth, tendo como ideia se aproximar da garota para descobrir que na verdade ela é a pessoa que vem chantageando sua tia. No entanto, por mais que James aprofunde seus conhecimentos sobre a garota, cada vez mais ele vai inocentando Elizabeth em seu coração, mesmo que em sua mente ela continue sendo a culpada.

Elizabeth, por outro lado, começa a perceber que o jogo que antes ela fazia para treinar acaba se tornando um conquista real, e mesmo sabendo que James não têm condições de ajudar sua família, ela está completamente apaixonada por ele e louca para casar com ele. Enquanto isso, James decide que está na hora de revelar que o livrinho de Elizabeth realmente a fez conquistar um marquês, mas talvez fazer essa revelação seja mais difícil do que ele pensou.

***



Julia Quinn nos surpreende surrealmente a cada novo livro. Como se casar com um marquês têm a pitada de romance e comédia que a autora sempre envolve em seus livros, mas dessa vez ela incluiu um drama familiar um pouco mais denso, assim como trouxe a chave da amizade e do companheirismo como peça fundamental para um relacionamento dar certo. 

Elizabeth é uma mocinha que se conecta muito com o leitor. Ela não vive uma vida perfeita, ela precisa se preocupar com o amanhã ao mesmo tempo em que ela têm sonhos que são massacrados pela vida real. Mas o decorrer da história mostra como a gente, mesmo estando oprimindo nossos sonhos pelos dilemas da vida, podemos realizá-los. Talvez seja aquela coisa de acreditar em si própria e acreditar que tudo é possível.



É uma história que fala sobre amor, amizade e descobrimento próprio. Os protagonistas são encantadores e conectados de uma forma muito singular, a presença dos personagens secundários, em especial lady Danbury e os irmãos de Elizabeth, trazem um charme especial para a trama e tornam a história toda mais real.

Gostei muito como a autora abordou sobre as diferenças de classe e como, naquela época, as mulheres precisavam de um casamento para se manter e manter sua família, mesmo que ainda trabalhassem fora. A abordagem foi forte, mas a Julia conseguiu dar uma suavizada no assunto sem deixá-lo menos real.



Julia Quinn têm o dom dos romance nas mãos. Ela consegue criar personagens cativantes e reais em tramas completamente viciantes. É quase impossível largar seus livros. James estou no hall de mocinhos favoritos e Elizabeth é uma das mocinhas mais fortes que eu já tive o prazer de conhecer. Indico essa leitura de olhos fechados.

***

Já leu algo da Julia ou têm interesse em algum livro? Conta tudo aqui nos comentários!


Beijocas e até a próxima!!!

4 comentários:

  1. Olá Barbara!
    Eu amo essa autora de paixão ❤️
    Quero muito ler esses novos lançamentos, mas estou com o Quarteto na frente.
    Adorei saber mais sobre a história desse, e como você disse a Julia sempre consegue surpreender.
    Beijos!

    Books & Impressions

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Raissa. Sim, é incrível como a Julia consegue criar histórias diferentes dentro do mesmo nicho. Depois volta aqui pra me dizer o que achou do Quarteto.
      Beijos :)

      Excluir
  2. Bárbara!
    Fiquei feliz em saber que esse exemplar é ainda melhor do que o primeiro, mais irreverente e hilário.
    James e Elizabeth devem bem dar o tom do clima sexual entre eles, sem contar com os trechos engraçados.
    Gosto demais da autora.
    Desejo uma semana mais que abençoada e Novo Ano repleto de realizações!!
    “Que a paz, a saúde e o amor estejam presentes em todos os dias deste novo ano que se inicia. Feliz Ano Novo!” (Desconhecido)
    cheirinhos
    Rudy
    1º TOP COMENTARISTA do ano 3 livros + Kit de papelaria, 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rudy. Feliz ano novo o/ Sim, o casal protagonista têm uma química muito forte. É surreal!

      Excluir