Oi, gente. Tudo bem?

Recentemente concluí a leitura do último volume de uma das minhas séries queridinhas e hoje vim contar pra vocês o que achei deste final. Vamos conferir?!

Livro: Opostos
Série: Lux (#05)
Autora: Jennifer L. Armentrout
Editora: Valentina
Páginas: 344
Sinopse: Katy sabe que o mundo mudou desde a noite da chegada dos Luxen. Ela não consegue acreditar que Daemon tenha se juntado à sua própria raça ou que vá ficar de braços cruzados enquanto esses novos Luxen tentam varrer todos os seres humanos e híbridos da face da Terra. No entanto, as linhas entre o bem e o mal não são mais tão nítidas, e o amor se tornou uma emoção que poderá destruí-la — na verdade, destruir a todos. Daemon fará o que for preciso para proteger aqueles que ama, mesmo que para isso. Eles terão que se aliar a um inimigo improvável se quiserem ter qualquer chance de resistir à invasão. Mas à medida que se torna cada vez mais difícil distinguir entre aliados e adversários, e com o mundo prestes a desmoronar, eles talvez tenham que abrir mão de tudo que lhes é mais precioso para garantir a sobrevivência de seus amigos. E da humanidade. A Terra está em guerra e, qualquer que seja o resultado, o futuro jamais será o mesmo para aqueles que conseguirem sobreviver. 

Confira aqui as resenhas de Obsidiana, Ônix, Opala e Originais.
No final de Originais, uma horda de Luxen invadiu a Terra e Daemon, Dawson e Dee não conseguiram resistir aos seus instintos e se juntaram aos seus. Agora é a vez de Katy se ver sem seu amado, sem saber o que está acontecendo e correndo mais perigo do que pode imaginar. O mundo que ela conhece está prestes a desabar e o amor da sua vida pode ser sua ruína.
Acontece que os Luxen querem fazer da Terra sua casa e acham que a raça humana deve ser extinta, por ser inferior. Katy, Archer e Luc precisam unir forças para detê-los, mas em uma emboscada a garota acaba capturada e mal sabe ela o que isso pode acarretar.
Os Luxen que vieram de fora não conhecem muito sobre os humanos e a relação entre Daemon e Katy ainda os intriga, principalmente a transformação dela em híbrida. Os inimigos querem usar Katy como uma arma contra todos os Luxen que se opõe a eles e a garota pode não encontrar uma saída dessa situação.
Agora, com a Terra sendo o palco de uma guerra entre Luxen e humanos, resta a Katy unir forças com todos os seus aliados, incluindo os mais improváveis, se quiser salvar aqueles que ama. Contudo, estará ela preparada para enfrentar a família do seu grande amor, custe o que custar?
Querem  saber o que vai acontecer? Então não deixem de ler!

***

Acho que não é novidade para ninguém que a Saga Lux é uma das minhas favoritas da atualidade, não é mesmo? Desde o primeiro livro me encantei com a escrita da autora e a cada lançamento era uma ânsia até conseguir colocar as mãos no meu exemplar e iniciar a leitura. Com Opostos não foi diferente, ainda mais esse sendo a conclusão da série. E devo dizer que toda a espera valeu a pena.
Jennifer L. Armentrout tem um dom de escrita fantástico. Ela é aquela autora que eu sei que pode me tirar de qualquer ressaca literária. Já estava há algum tempo sem conseguir ler nada, mas quando resolvi tentar ler Opostos, tudo fluiu tão rápido que terminei o livro em uma tarde. E QUE LIVRO, meus irmãos. Que livro!
A narrativa segue em primeira pessoa, mais uma vez alternando as perspectivas de Katy e Daemon. Gosto de como a autora consegue intercalar isso muito bem e não perder a voz dos personagens. Além disso, nesse desfecho da série, ver os diferentes lados de uma mesma guerra foi crucial para o desenvolvimento da história. Achei excelente.
Os  personagens seguem cativantes como sempre. Daemon é maravilhoso e ai de quem discorde. Seu jeito debochado, mas ao mesmo tempo sexy e provocante, é simplesmente irresistível. Katy também é ótima, com sua personalidade forte e instinto protetor com aqueles que ama. Também preciso dar um destaque para Archer e Luc, os Originais que roubaram a cena.

Minha única decepção foi com Dee. Desde a morte de Adam que ela estava diferente e deixando a desejar no quesito amizade, mas achei que no livro anterior ela estava voltando a ser quem era. Contudo, me enganei. Entendo a influência que os Luxen estavam tendo sobre ela, mas vê-la agir como agiu no início me fez pegar um enorme ranço – e olha que ela era uma das minhas favoritas!
O final foi de tirar o fôlego. Jennifer construiu um clímax eletrizante e a cada virar de página era um tiro que eu levava. As últimas páginas foram lidas voando, tamanha minha ansiedade em saber como a autora desenvolveria o desfecho. E sim, foi tudo maravilhoso. Não posso dar spoilers, óbvio, mas digo que essa série foi encerrada com chave de ouro.
Opostos é uma excelente conclusão para uma série espetacular e já quero mais livros da Jennifer com essa vibe sendo publicados pela Valentina aqui no Brasil. Fica a dica, editora. Covenant tá disponível no mercado, haha. E quando a vocês, se joguem em Lux, porque vale muito a pena!
Beijos e até a próxima!

icon-newsletter

Não perca nenhuma novidade!

Veja os posts relacionados


Deixe seu comentário