14 dezembro, 2021

Billy Summers, de Stephen King

  • Livro: Billy Summers
  • Autor: Stephen King
  • Editora: SUMA
  • Páginas: 472
Sinopse: Billy Summers é uma história de guerra, amor, sorte e destino, com um herói complexo buscando sua última chance de redenção. Impossível de largar e impossível de esquecer. Billy Summers é o homem com a arma; um assassino de aluguel e um dos melhores atiradores do mundo. Mas ele tem um critério: só aceita o serviço se o alvo for realmente uma pessoa ruim. Agora, Billy quer se aposentar, mas antes precisa realizar um último trabalho. Veterano da guerra no Iraque e um mágico quando se trata de desaparecer depois do crime, o hábil assassino tinha tudo planejado. Então, o que poderia dar errado? Basicamente tudo. Quando Billy se acomoda em uma cidadezinha do interior, disfarçado como um escritor tentando superar um bloqueio criativo enquanto espera seu alvo ser transferido para julgamento, ele não imagina a trama de traições, perseguições e vingança que o aguarda.

Billy Summers era militar e lutou pelo seu país na guerra, onde tornou-se um exímio atirador. Ao deixar esse período de serviço para trás, o homem passou a trabalhar como assassino de aluguel. Seu único critério é matar pessoas que são ruins, nada além disso. E após anos sendo o melhor nesse trabalho, Summers decidiu que está na hora de aceitar seu último trabalho e começar uma nova vida, se aposentando de vez.

O último trabalho era para ser algo bem simples e o valor tentador de 2 milhões de dólares fez com que Billy o aceitasse. Ele deveria aguardar um prisioneiro que seria levado a julgamento e executá-lo antes da audiência acontecer. Summers não sabe quem é o mandante do crime e sente que tem algo errado em toda essa história, mas seguirá com seu plano até o final.

Como não há certeza de quando o prisioneiro seria transferido, Billy acaba precisando se mudar para a cidade onde tudo aconteceria e se infiltrar na vida das pessoas, de forma a não chamar atenção quando o crime realmente acontecer. É assim então que ele assume a identidade de David Lockridge, um escritor com bloqueio criativo. Não demora para ele conquistar seus vizinhos e se sentir realmente parte da comunidade.

Durante o tempo que passa como David, Billy opta por realmente escrever uma história e usando sua própria vida como inspiração, um romance começa a surgir. É através dele que vamos conhecer o verdadeiro Billy, seu passado e como a vida o levou até este momento.

Mas é claro que as coisas não serão simples nesse último trabalho. Quando percebe a confusão em que se meteu, Billy precisará usar de todos seus recursos e artimanhas se quiser escapar com vida. Será que ele será capaz de enganar aqueles que o contrataram e reaver o dinheiro prometido? Só que quando uma nova pessoa entra nessa jogada, Billy sabe que sua sorte foi lançada e ficar escondido já não é mais uma solução.

Querem saber o que vai acontecer? Então não deixem de ler!

***

Stephen King é um dos meus autores favoritos e desde que Billy Summers foi anunciado eu estava morrendo de ansiedade para lê-lo. Eu adoro os livros mais atuais de King, principalmente os com essa vibe mais ação, e esse lançamento tinha tudo para me conquistar. Para minha surpresa, o livro foi muito mais do que eu esperava.

A escrita de King está bastante fluida nessa história. Ao contrário dos livros mais antigos do autor, onde a narrativa é mais prolixa, aqui ele vai direto aos fatos, o que deixa tudo mais dinâmico e envolvente. A trama é narrada em terceira pessoa, pela perspectiva de Billy e o personagem me cativou desde o início. Conforme fui o conhecendo, tornou impossível não gostar dele.

Gostei de como King inseriu um livro dentro do livro e o escrito de Summers sobre seu passado foi muito interessante de acompanhar. Ele mesmo vai narrando sua infância complicada, desde a morte da irmã mais nova e o abandono da mãe, até o momento em que tornou-se militar e os terrores que precisou enfrentar na guerra. É uma narrativa bastante pessoal e comovente, que me deixou emocionado em certos momentos.

O livro dá um gás maior ainda quando Alice entra na história. Acho que não posso contar muitos detalhes sobre seu papel na trama, para não dar spoilers, mas garanto a vocês que essa personagem vai conquistá-los imediatamente. Alice desperta um outro lado de Billy e ativa seu instinto protetor. Além disso, a jovem tem uma personalidade irreverente e será muito importante para o andamento do livro.

O final foi surpreendente. King tem o dom da escrita, mas às vezes ele peca nos desfechos de suas histórias. Aqui foi bem diferente. Nunca na vida eu pensei que terminaria um livro de Stephen King com lágrimas nos olhos, mas foi o que aconteceu. Fiquei encantado pela forma como o autor encerrou esse ciclo de seus personagens.

Ah, um detalhe importante que achei bem legal: apesar de Billy Summers não ter nada de sobrenatural, King coloca em algum ponto do livro uma referência ao Hotel Overlook, de O Iluminado.

Billy Summers é um livro bem diferente do que eu estava acostumado de ler quando o assunto é Stephen King, mas com certeza é uma história incrível e que merece ser lida. Deixo aqui a todos minha recomendação e não vejo a hora de termos essa narrativa indo para as telonas. Vale muito a pena conferir.

icon-newsletter

Não perca nenhuma novidade!

Veja os posts relacionados


Deixe seu comentário